Configuração básica do Conky para mostrar informações sobre a sua máquina no Desktop

Tutorial básico com exemplo de configuração funcional do arquivo .conkyrc para ter informações sobre a sua máquina diretamente no desktop.

[ Hits: 10.354 ]

Por: Perfil removido em 19/01/2024


Executando o Conky e testando as configurações



Para iniciar o Conky e ver se as informações mostradas estão de acordo com o que você deseja, abra o Terminal e digite sem as aspas "conky". Ele deverá aparecer no seu desktop mostrando as informações desejadas.

Um item que poderá dar erro e será mostrado no Terminal é em relação à temperatura do processador dado pelo item:

{execi 30 sensors | grep 'Package id 0' | cut -c17-22}°C

Você deverá instalar o pacote lm-sensors da sua distribuição e executar o comando sudo sensors-detect e ir dando "yes" para todas as perguntas até a última, que vai inserir os dados coletados a um arquivo de configuração para iniciar o daemon de monitoramento.

O lm sensors é usado para monitorar vários itens de hardware, como temperatura do processador, velocidade do cooler e voltagens e esses itens podem ser colocados no arquivo de configuração do Conky para serem mostrados.

Como exemplo de uma máquina, o comando para saber as temperaturas e outros itens que podem ser mostrados seria sem as aspas "sensors" e a saída de texto algo assim:

coretemp-isa-0000
Adapter: ISA adapter
Package id 0: +42.0°C (high = +72.0°C, crit = +90.0°C)
Core 0: +38.0°C (high = +72.0°C, crit = +90.0°C)
Core 1: +34.0°C (high = +72.0°C, crit = +90.0°C)

acpitz-acpi-0
Adapter: ACPI interface
temp1: +38.0°C (crit = +88.0°C)


Então a linha de configuração estão configurada como "Package id 0" e essa informação é retirada dessa linha pelo parámetro "cut -c17-22}", onde os valores de devem ser experimentados para mais ou para menos simultaneamente até mostrar a temperatura de modo correto, sem cortar os valores mostrados na tela.

Quando estiver editando o arquivo .conkyrc, ao salvá-lo o conky se fechará a abrirá novamente com as novas configurações. Se isso não ocorrer, basta digitar "conky" de novo e continuar com a edição do arquivo caso ainda não tenha terminado de configurá-lo.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. O que é e como instalar o Conky
   2. Criando o arquivo de configuração .conkyrc
   3. Mudando algumas especificações do arquivo .conkyrc
   4. Executando o Conky e testando as configurações
   5. Colocando o Conky para iniciar junto do sistema
Outros artigos deste autor

Internacionalização de Caracteres em Computadores

Ingressar desktop GNU/Linux no domínio Active Directory do Windows Server 2008

Chkrootkit - Como determinar se o sistema está infectado com rootkit

Apache 2.4 - Módulos de Multiprocessamento - MPM

Mandrake 10.1 Official - Análise de instalação e uso

Leitura recomendada

Estratégias de backup e ferramentas livres

Personalizando seu lilo no Debian

Ruby + Rails + Gem + Mongrel Cluster + Apache + MySQL n0 Red Hat EL

XFCE 4.4 - Desktop alternativo a dupla KDE/Gnome

Recebendo notificações do Nagios via Jabber

  
Comentários
[1] Comentário enviado por maurixnovatrento em 20/01/2024 - 13:22h


Muito bom, no meu caso eu uso configurações prontas do conky.

eu uso o conky manager, o mx-conky e o mx-conky-data que pra mim tá de bom tamanho.

___________________________________________________________
Meu Canal: https://www.youtube.com/@LinuxDicasPro
https://github.com/mxnt10

[2] Comentário enviado por elton.linux em 22/03/2024 - 11:52h


Muito bom, simples e funcional!

Já em uso aqui.

Com meu arch linux, gnome - shell.

Kit xeon x99, 16 ram, ssd, monitor televisão velha que tava jogada no canto.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts