Como configurar o Ubuntu para trabalhar com computadores Windows

Se você está lendo este artigo, provavelmente está com dificuldades de fazer o computador com Ubuntu Linux fazer login no AD e usar as pastas compartilhadas. Assim como eu tive também há alguns meses atrás, meu chefe me pediu para preparar 3 computadores aqui da empresa com Linux, e não podia ficar sem os recursos que o usuário tinha no Windows.

[ Hits: 10.479 ]

Por: Edgard Neves em 22/12/2015


Instalando + Configuração



Depois de baixado, digite:

sudo dpkg -i <nome do arquivo>

Siga a sequência que está na lista da página anterior.

O arquivo Likewise GUI é uma versão visual do programa, eu instalo ele também, mas é opcional.

Altere o arquivo nsswitch, digite no terminal:

sudo nano /etc/nswitch.conf

Na linha "hosts: files mdns..." coloque um # para comentar e adicione uma nova linha:

hosts: files dns

Salve o arquivo (CTRL + O) e feche (CTRL + X).

Altere o arquivo resolv.conf, digite no terminal:

sudo nano /etc/resolv.conf

Em nameserver coloque o IP do servidor de domínio, e em search coloque o nome do domínio. Ex.: DOMÍNIO.DOMÍNIO.

DOMINIO.DOMINIO é o nome do domain controller, se o seu servidor Windows está com o DC de (servidor1.com), é esse o nome que deve ser colocado nesse arquivo.

Reinicie o computador.

Use o comando:

sudo domainjoin-cli join <domínio.domínio> <conta do domínio>

Esse comando faz com que o Linux ingresse no domínio do Windows, use uma conta de administrador de preferência.

Feito esse comando vai pedir para digitar a senha da conta do domínio, se tudo estiver certo, vai aparecer uma mensagem escrito SUCCESS e pedindo para reiniciar o computador. Caso aconteça algum erro, poste aqui mesmo, mas antes verifique se todos os passos feito anteriormente estão aplicados na sua estação.

Depois de reiniciar o computador, vá até o local /usr/share/lightdm/lightdm.conf.d e abra o arquivo 50-ubuntu.conf. Coloque o seguinte comando:

[SeatDefaults]
user-session=ubuntu
allow-guest=false
greeter-show-manual-login=true

Salve o arquivo.

Abra o arquivo /etc/pam.d/common-session e edite a linha que está escrito:

session sufficient pam_lsass.so

para:

session [success=ok default=ignore] pam_lsass.so

Salve e reinicie o computador.

Agora é necessário a instalação do serviço SAMBA, responsável pelo compartilhamento de arquivos. Digite:

sudo apt-get install samba

Feito a instalação vamos ao arquivo de configuração: /etc/samba/smb.conf, ache a linha workgroup = WORKGROUP em cima dela digite realm = DOMINIO.DOMÍNIO e altere o workgroup para WORKGROUP = DOMINIO.

Em WORKGROUP não é necessário colocar servidor1.com, somente servidor1 (lembrando que servidor1.com é apenas exemplo).

Além dessas configurações, não alterei mais nada no arquivo do SAMBA.

Agora é só se logar com o conta do usuário AD, exemplo:

Login: DOMINIO\usuarios
Senha: senha

Conclusão

O processo para se conectar no AD pelo Linux é esse, é um artigo bem simples se comparado a outros, no início eu tentei alguns, mas achei muito complexo, e eu não entendia de Linux, hoje eu entendo graças a esse meu chefe que me pediu isso, por que tive que ir atrás de conteúdo, hoje tenho mais facilidade do que antes.

No meu "livro de receitas" tem mais coisas, como por exemplo:
  • Montagem automática de pasta na rede;
  • Instalando o tema do GNOME;
  • GNOME Fallback - Visual próximo do Windows;
  • Como exportar arquivos PST para o Thunderbird.

Tudo isso foi feito em volta do dia-a-dia daqui da empresa, eu não podia simplesmente instalar o Linux e o usuário que se vire depois, então configurei do melhor jeito, e até o momento ninguém teve dificuldades extremas. E as dúvidas que surgem vou anotando tudo.

Então é isso, agradeço a você que leu até o final e testou esse método, deixe a sua opinião.

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Instalando + Configuração
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Atheros Wireless + Slackware 12.0

Explicando DHCP passo a passo

Gerenciamento de Rede e suas ferramentas

Configuração da impressora HP Deskjet 3650

Introdução ao gerenciador de janelas i3

  
Comentários
[1] Comentário enviado por paulojhon em 22/12/2015 - 12:23h

Amigo, a que versão do Ubuntu se refere o Artigo?

[2] Comentário enviado por edjr1020 em 22/12/2015 - 12:30h


[1] Comentário enviado por paulojhon em 22/12/2015 - 12:23h

Amigo, a que versão do Ubuntu se refere o Artigo?


Opa, esqueci de comentar esse detalhe, testei na versão 14.04 LTS, testei um pouco com a 15 também e funcionou, mas foi em máquina virtual.

[3] Comentário enviado por removido em 23/12/2015 - 00:57h

Só não gostei dessa preferência por GNOME ao final do artigo.
Existem outros ambientes mais populares.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------
# apt-get purge ubuntu

http://s.glbimg.com/po/tt/f/original/2011/10/20/a97264_w8.jpg

Encryption works. Properly implemented strong crypto systems are one of the few things that you can rely on. Unfortunately, endpoint security is so terrifically weak that NSA can frequently find ways around it. — Edward Snowden

[4] Comentário enviado por loghan38 em 24/12/2015 - 16:08h

Boa tarde amigo, favor falando sobre o livro de receitas, vc pode me passar a dica de como exportar arquivos pst para o thunderbird, outras que vc teve que teve que desenrolar pra deixar tudo do teu jeito.

[5] Comentário enviado por phmunari em 30/12/2015 - 08:07h

Eu uso o fedora, mas não faço parte do dominio de rede do AD. O mapeamento de pastas compartilhadas eu tive que fazer na mão com um script sh. Valeu a dica!

[6] Comentário enviado por phmunari em 30/12/2015 - 08:42h


[4] Comentário enviado por loghan38 em 24/12/2015 - 16:08h

Boa tarde amigo, favor falando sobre o livro de receitas, vc pode me passar a dica de como exportar arquivos pst para o thunderbird, outras que vc teve que teve que desenrolar pra deixar tudo do teu jeito.


Olá, segundo o site de help do Mozilla, você tem que converter os arquivos importados para poder usa-los no Thunderbird. Outra forma é não usar o backup se voce usa IMAP, como é o meu caso. É mais simples.

[7] Comentário enviado por edjr1020 em 30/12/2015 - 13:51h


[5] Comentário enviado por MUN4R1 em 30/12/2015 - 08:07h

Eu uso o fedora, mas não faço parte do dominio de rede do AD. O mapeamento de pastas compartilhadas eu tive que fazer na mão com um script sh. Valeu a dica!


Fiz mais ou menos assim também, usei o comando cifs em um arquivo do sistema. É trabalhoso kkkkk

[8] Comentário enviado por MarcelSBorges em 06/01/2016 - 14:12h

Boa tarde amigo,

Estava tentando ingressa no dominio aqui do meu trampo, estou na VM com Ubuntu 15.10 e quando fui digitar o comando "domainjoin-cli join" obtive o seguinte erro: "Error: Received error while querying lwsmd. [code 0x00000002]"

Só que também notei que não está ficando gravado no arquivo resolv.conf o ip do meu domainserver, quando eu reinicio a maquina.

O que posso fazer?!

[9] Comentário enviado por edjr1020 em 07/01/2016 - 11:52h


[8] Comentário enviado por MarcelSBorges em 06/01/2016 - 14:12h

Boa tarde amigo,

Estava tentando ingressa no dominio aqui do meu trampo, estou na VM com Ubuntu 15.10 e quando fui digitar o comando "domainjoin-cli join" obtive o seguinte erro: "Error: Received error while querying lwsmd. [code 0x00000002]"

Só que também notei que não está ficando gravado no arquivo resolv.conf o ip do meu domainserver, quando eu reinicio a maquina.

O que posso fazer?!


Sobre o resolv.conf realmente ele não grava o IP, mas o nome do domínio ele grava né? lá em search do mesmo arquivo. No meu ficou nameserver 127.0.0.1 e em search dominio.dominio.

Esse erro aqui nunca aconteceu comigo, mas eu pesquisei para saber, pesquise isso aqui no Google: Error: Received error while querying lwsmd

E entre nesse resultado: Ubuntu 15.04 join domain problem (pbis) - Ask Ubuntu

Eu não mandei o link por que não sei se pode fazer isso, qualquer dúvida manda mensagem de novo, é sempre bom saber as diferenças nas instação.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts