Alcatel SpeedTouch USB no Slackware 10.1

Fazendo este temperamental modem funcionar no Slackware 10.1. Foi um sofrimento de uns poucos meses que culminou neste texto, que visa o fim do sofrimento na instalação desta arraia que a Alcatel chama de modem, para funcionar com conexão PPPoE.

[ Hits: 54.863 ]

Por: Teo Victor em 20/10/2005


O firmware do modem



O firmware para o SpeedTouch USB pode ser baixado no seguinte endereço:
Trata-se do arquivo mgmt.o dentro do speedmgmt.tar.gz:

$ tar xzf speedmgmt.tar.gz

A partir do kernel 2.6.10 não é mais necessário o uso do "modem_run" para se carregar o firmware. Isso é feito pelo hotplug e por isso se compilou o kernel com suporte a hotplug e carregamento de firmware por hotplug.

Será preciso ainda o firmware-extractor, encontrado em:
Descompacte o firmware-extractor:

$ tar xzf firmware-extractor.tar.gz

Copie o firmware (o arquivo mgmt.o) para o diretório do firmware-extractor criado e depois configure e instale:

$ cp mgmt.o firmware-extractor
$ cd firmware-extractor
$ ./configure
$ make
$ su
# make install


O firmware-extractor deverá gerar dois arquivos, speedtch-1.bin e speedtch-2.bin e copiá-los para o diretório /lib/firmware por padrão. Confira se os arquivos estão lá:

$ ls /lib/firmware

Para instalar o Speedtouch 330, a modificação vem aqui. Baixe o firmware no endereço:

http://www.speedtouch.com/.../SpeedTouch330_firmware_3012.zip

Descompacte e use o firmware certo para seu modem, renomeando-o para mgmt.o.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Definindo o modem
   3. Recompilando o kernel
   4. Baixando e instalando
   5. O firmware do modem
   6. Configurando a conexão PPPoE
Outros artigos deste autor

LinuxStok: Gestão comercial

Leitura recomendada

Palm na internet via Linux

A vida de quem vive de TI: It Crowd!

Pure-ftpd: Servidor de FTP com MySQL, quota e usuários virtuais

Criando relatórios estatísticos com o webalizer

Configurando o DjbDNS

  
Comentários
[1] Comentário enviado por mpinho em 20/10/2005 - 21:30h

Só para complementar o seu excelente artigo, gostaria de acrescentar que há uma regra para saber se a sua placa-mãe usa o UHCI ou OHCI. Veja

http://www.linux-usb.org/USB-guide/c122.html

Under USB support, you need to select Support for USB. You also need to select either UHCI (Intel PIIX4, VIA, ...) support, UHCI Alternate Driver (JE) support or OHCI-HCD (Compaq, iMacs, OPTi, SiS, ALi, ...) support. Which one you select is dependent on what kind of motherboard or adapter you have. Intel and Via motherboards, and Via-based adapters are UHCI, and you can use either of the two UHCI drivers - there seems to be little user visible difference between them. Ali and SiS chipsets, Compaq and NEC motherboards, iMacs and any adapter using Opti chips (just about all of them) are OHCI, and you should use OHCI-HCD. If you do not know what kind of controller to choose, check your motherboard documentation. You can also look at /proc/pci for a hint - if the USB entry is of the form 0xHHHH, where HHHH are hex digits (e.g. something like I/O at 0xe400), then it is UHCI. If it is of the form 32 bit memory at 0xHH000000, where HH are hex digits (e.g. something like 32 bit memory at 0xee000000), then it is OHCI. Failing that, just try both.


Outra coisa: sei que você não devia saber que esse modem é uma dor de cabeça, mas o que eu recomendo mesmo é NÃO COMPRAR esses modems ADSL USB. Compre os que funcionam pela ethernet ou que tenham as duas opções. São um pouco mais caros mas são muito mais práticos e fáceis de instalar no linux, no próprio windows e em qualquer outro sistema operacional que suporte a sua placa de rede.

[2] Comentário enviado por teovictor em 20/10/2005 - 23:43h

Valeu pelo complemento em relação ao UHCI ou OHCI. Realmente, eu não sabia que seria tão problemática a instalação dele no Linux. Porém, quando eu o comprei, há vários anos atrás, eu não usava Linux em casa ainda. Também recomendo que, se for comprar um modem, compre um para funcionar pela Ethernet. Mas, se a bobeira já foi feita :) , e o desafortunado já adquiriu um modem USB, espero que estas informações ajudem.

[3] Comentário enviado por Spytronic em 21/10/2005 - 21:48h

Muito bom seu artigo ^^ eu que escrevi o tutorial do 330, esse modem eh muita dor de cabeça mesmo, eu levei 3 meses pra aprender, eu era usuário iniciante na época, mas seu tutorial eh muito avançado, parabéns ^^

[4] Comentário enviado por Century_Child em 22/10/2005 - 15:55h

Muito bom seu artigo.

Porém, recomendo que não comprem modems USB, nem mesmo se forem usar no Windows: eles são os verdadeiros Winmodems.

A máquina perde um tempão fazendo a codificação/decodificação dos dados.

Ou seja, FUJAM DA BOMBA, comprem modens Ethernet!

[5] Comentário enviado por removido em 23/10/2005 - 02:23h

Esate modem é realmente complicado de instalar!! Eu possuo a primeira versão do Speed Touch USB (formato de arraia na cor cinza-escuro)... demorei algum tempo até encontrar o firmware correto! Porém, para instalar não precisei recompilar o kernel... usei o kernel padrão do Slack 10.
Vou verificar como fiz a configuração e quem sabe escrevo um artigo ;) Mas o seu está muito bom. Abraço!

[6] Comentário enviado por eaps em 23/10/2005 - 13:53h

Sobre a USB. .regra.. Intel ou VIA usb-uhci outros pode usar o usb-ohci .. Muito bom o tutorial, mas modems usb é bucha total..


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts