Acessar, ler e escrever em partições Linux no Windows

Vendo muitos tópicos de novos usuários com dúvidas quanto ao tipo de particionamento do disco com dual boot, decidi criar esse artigo, ensinando como ver, ler e escrever em partições Linux pelo Windows.

[ Hits: 23.793 ]

Por: Mauriciodez em 11/08/2016


Introdução



Este artigo não se aplica ao particionamento para a instalação do Windows, só se aplica para partições onde serão guardados e/ou salvos arquivos pessoais.

Uma das maiores dúvidas de usuários quanto ao GNU/Linux, é sobre qual o melhor sistema de arquivos para usar em dual boot com o Windows.

Até bem pouco tempo atrás, era comum usuários mais experientes no Linux sugerirem a estes novos usuários que fizessem partição Windows no sistema FAT32. Um dos motivos, era que o Linux não se dava bem com NTFS. Hoje em dia, o Linux já se dá melhor com NTFS, mesmo assim, ainda esbarra na principal questão... as permissões.

É sabido que mesmo em Fat32, o Windows não tem as mesmas permissões que tem em partições Linux. Para contornar essa questão, foi criado o projeto Ext2fsd, que é um programa que permite ao Windows não só enxergar partições Ext, como também ler e escrever nelas.

Com esse artigo, passo a afirmar, categoricamente, a resposta para a pergunta.

PERGUNTA: em qual formato faço a partição com meus arquivos, para usar tanto no Linux quanto no Windows?

RESPOSTA: Ext4

Bom, vamos ao que interessa realmente, o tal programinha mágico.

Download, instalação e configuração

Homepage do projeto Ext2fsd:
Para baixar o programa Ext2fsd:
Clique em "Download Ext2Fsd-0.68 (2.7 MB)" para baixar (a versão pode ser outra, no momento em que você estiver lendo este artigo).
Linux: Acessar, ler e escrever em partições linux no windows
A instalação do programa é muito simples, praticamente, é toda feita na base do "next ... next", só atenção para não desmarcar "nenhuma" caixa de seleção até o final da instalação.
Linux: Acessar, ler e escrever em partições linux no windows Linux: Acessar, ler e escrever em partições Linux no Windows
Se tudo correu bem, seu programa abrirá ao fim da instalação, já mostrando suas partições.

Essa é a janela mostrando minhas partições:
Linux: Acessar, ler e escrever em partições linux no windows
Agora, basta clicar duplo em uma partição Linux, que abrirá a caixa de configuração igual à mostrada abaixo.
  • Selecione a caixa: Mountpoint for fixed disk, need reboot
  • E escolha uma letra para a partição. Clique em: Apply

Linux: Acessar, ler e escrever em partições linux no windows
Agora é só repetir estes passos para outras partições Linux, caso a(s) tenha.

Considerações finais

Então, é isso pessoal. Ao fim do processo, suas partições Linux já estarão disponíveis em "Meu computador" como uma partição qualquer como as imagens mostradas abaixo.
Linux: Acessar, ler e escrever em partições linux no windows Linux: Acessar, ler e escrever em partições linux no windows
Obs.: É altamente desejável que você reinicie o computador antes de usar as partições.

Agora todas as suas partições estarão disponíveis, tanto no Linux, quanto no Windows e com a vantagem de ter permissões de "root" em ambos os sistemas.

NOTA: cuidado ao alterar pastas ocultas e/ou do sistema com o Windows, isso poderá quebrar teu Linux.


Abraços e até a próxima.
Maurício G. Paiva

   

Páginas do artigo
   1. Introdução
Outros artigos deste autor

Backup completo com sincronismo da /home em nuvem - Grátis

Backup com o FSArchiver

Gerador de sources.list para o Debian

Leitura recomendada

PersonalBackup - Ferramenta de backup via web

Instalação dual boot UEFI Linux Mint/Ubuntu com Windows 8.1/10

Montando partições para outros usuários acessar

RAID, tudo que você precisa saber

Restaurar arquivo ou diretório apagado em file system ext3

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Mauriciodez em 19/08/2016 - 01:10h

Um adendo no artigo pessoas ... pois constatei depois ... esse artigo não vale para LVM !!!
___________________________________________________________________________________________
" Nem sempre é amigo aquele que te tira do buraco !!! ( Saddam Hussein )"

[2] Comentário enviado por mandex em 19/08/2016 - 16:09h

Obrigado, Maurício. Estou iniciando agora. Ajudou bastante.

[3] Comentário enviado por Mauriciodez em 19/08/2016 - 16:15h


[2] Comentário enviado por mandex em 19/08/2016 - 16:09h

Obrigado, Maurício. Estou iniciando agora. Ajudou bastante.


blz ... tomara que te ajude ... é uma tremenda mão na roda esse programa !!!

[4] Comentário enviado por LucasOliveiraS em 31/08/2016 - 17:05h

Artigo excelente, ajudou muito.

[5] Comentário enviado por Mauriciodez em 31/08/2016 - 23:47h


[4] Comentário enviado por LucasOliveiraS em 31/08/2016 - 17:05h

Artigo excelente, ajudou muito.


Obrigado !!!

[6] Comentário enviado por mbrainiac em 08/09/2016 - 12:42h

Olá Maurício,

Poderia me ajudar ?

Sabe como faço para permitir a execução num pendrive? Por exemplo tenho programas em linguagem C e gostaria de rodá-los mesmo num pendrive como no windows, sabe como posso alterar?

Fez um bom trabalho

[7] Comentário enviado por mcnd2 em 10/09/2016 - 23:00h

Bom saber que tem uma ferramenta que dá não só pra acessar como editar também. Eu uso no Windows já um tempo para acessar partições linux o DiskInternal Linux, mas esse só acessar, para editar tem que fazer o download do arquivo para o Windows.

Bom Artigo.

__________________
Linux User #606334
Debian - Xubuntu - Fedora - Mageia - FreeBSD.
Open your mind!

[8] Comentário enviado por removido em 13/09/2016 - 17:48h

Boa tarde,

Aí "@Maurição", tu é o cara!!!!
Agora, faça o contrário......kkkk
Muito bom, gostei!!!
^^)

Usuário de Slackware 14.2 (KDE) e Salix 14.2 (XFCE)
GNU/Linux se resume em: [b][i]Perfeição !![/b][/i]

[9] Comentário enviado por miltongrego em 14/12/2018 - 17:41h

Eu uso o Linux Mint em dual boot com o Windows 10, o Ext2fsd funciona muito bem até a versão 18.3 mas agora quando se instala qualquer versão mais recente do Linux, no primeiro uso após a instalação funciona direitinho; o problema aparece quando é necessário usar o Windows: depois de terminar e usar o Windows e retornar para o Linux, simplesmente dá o kernel panic, o desenvolvedor do Ext2fsd na versão 0.69 que está incompleta e não suporta a partição EXT4, foi lançado em 2 de novembro de 2017 e o software está há mais de um ano sem atualização e a última versão estável que eu usei do Ext2fsd, foi a versão 0.68 e depois de lançada a versão 0.69, não se teve mais atualizações.

Não sei se o desenvolvedor está vivo, se sofre de alguma doença incapacitante ou simplesmente descontinuou o projeto. é o melhor software para todas as versões do Windows para quem quiser transferir arquivos para a partição EXT4 do Linux, uma vez que os softwares semelhantes só permitem à leitura da partição EXT4 no Windows e não permite gravação dentro da partição Linux, mas pode copiar os arquivos que estão na partição Linux para o Windows; é uma pena, pois é o melhor software do momento para acessar a partição Linux em modo de leitura e escrita.

[10] Comentário enviado por Mauriciodez em 14/12/2018 - 17:51h


[9] Comentário enviado por miltongrego em 14/12/2018 - 17:41h

Eu uso o Linux Mint em dual boot com o Windows 10, o Ext2fsd funciona muito bem até a versão 18.3 mas agora quando se instala qualquer versão mais recente do Linux, no primeiro uso após a instalação funciona direitinho; o problema aparece quando é necessário usar o Windows: depois de terminar e usar o Windows e retornar para o Linux, simplesmente dá o kernel panic, o desenvolvedor do Ext2fsd na versão 0.69 que está incompleta e não suporta a partição EXT4, foi lançado em 2 de novembro de 2017 e o software está há mais de um ano sem atualização e a última versão estável que eu usei do Ext2fsd, foi a versão 0.68 e depois de lançada a versão 0.69, não se teve mais atualizações.

Não sei se o desenvolvedor está vivo, se sofre de alguma doença incapacitante ou simplesmente descontinuou o projeto. é o melhor software para todas as versões do Windows para quem quiser transferir arquivos para a partição EXT4 do Linux, uma vez que os softwares semelhantes só permitem à leitura da partição EXT4 no Windows e não permite gravação dentro da partição Linux, mas pode copiar os arquivos que estão na partição Linux para o Windows; é uma pena, pois é o melhor software do momento para acessar a partição Linux em modo de leitura e escrita.



Obrigado por compartilhar experiências .. realmente faz tempo que o software não recebe atualização !!!

Abçs

[11] Comentário enviado por faustoodilon em 13/02/2019 - 13:16h

Eu achei na Internet um programa chamado Linux Reader, que permite acessar partições ext4 do linux e copiar os arquivos para o windows. Achei mais seguro do que o ext2fsd, porque não altera configurações do windows.
Eu tive diversos problemas com esse tipo de coisa, tanto que já precisei reinstalar o Windows e o linux várias vezes, então não quis arriscar.
Só que não adianta pra acessar o ntfs pelo linux, isso ainda não consegui.

A proposito, eu tava com o Ubuntu funcionando lindo e maravilhoso, dual boot com grub em ssds diferentes, só não gravava no ntfs de um disco, quem nem era de boot do windows, só arquivos. Então eu fui na dica de desativar o fastboot do Windows, e literalmente tomei no rego! O Ubuntu parou de funcionar, entra em modo de emergência, já tentei de tudo, nada resolveu, então usei esse programa pra salvar meus arquivos do linux, vou reinstalar.

Espero que possa agregar em algo.

Abs.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts