Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

1. Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 17/03/2022 - 15:40h

Olá, como vão?

Antes de mais nada, muito obrigada por todo o suporte e aprendizado que essa comunidade tem me dado ao longo dos anos.
Claro que poderia recorrer a Wiki's e manuais, mas aqui em um fórum posso encontrar um conteúdo com uma linguagem mais acessível para recorrer a muitos problemas específicos que costumo ter, e claro, acredito que não seja apenas comigo. Mais uma vez muito obrigada!

Hoje não tenho exatamente umproblema a resolver, mas gostaria que alguém me ajudasse a realizar um processo que tenho muita dificuldade em compreender. Como trocar o ambiente gráfico?

Uso Arch Linux junto com XFCE, mas o XFCE está comigo desde de 2018 quando comecei a usar o Ubuntu Studio. Gostaria de trocar todo esse ambiente gráfico pelo BSPWM, mas não consigo.

Desde de 2020 tenho essa vontade, mas só encontrei material em outro idioma e com uma linguagem muito técnica, pouco acessível para mim...

Do XFCE gostaria de manter apenas o terminal e se possível visualizar as miniaturas dos arquivos para poder manipulá-las. Levar um arquivo.html para um navegador sendo mais específica.

É isso! Resumo da pergunta: Como substituir por completo o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux

Muito obrigada!

Ahhh Algumas informações adicionais. Gostaria de manter meus arquivos e usuária. Se não for possível, estou disposta a reinstalar todo o sistema novamente. É ruim, mas não consegui instalar o Arch de forma correta. Errei em tantas partes do processo... Reinstalo ele de novo sem problemas!


  


2. MELHOR RESPOSTA

alberto roberto
adminbuster

(usa Gentoo)

Enviado em 17/03/2022 - 16:36h

certo

antes de desistalar o xfce primeiro vamos instalar o bspwm e configura-lo
assim se acontecer algum problema podemos simplesmente reverte-lo

o bspwm vai precisar do sxhkd para poder acessar os comandos de teclado então instale os dois
não tenho familiaridade com o arch mas baseado na wiki acredito que seja dessa forma
# pacman -S bspwm sxhkd

feito isso podemos configura-lo
para isso você vai precisar localizar a configuração inicial padrão do bspwm em seu sistema
procure o diretório bspwm em /usr/share/doc/ e dentro do diretório bspwm procure pelo aquivo bspwmrc dentro do diretório example dentro de bspwm
por exemplo o meu é achado dessa maneira
# ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10/examples/bspwmrc.bz2
mas se você tiver uma versão diferente esse comando não funcionara

localizado o arquivo podemos criar os diretório ende eles ficam em nossa pasta de usuario
$ mkdir ~/.config/ && mkdir ~/.config/bspwm && mkdir ~/.config/sxhkd

criado os diretório copiamos o conteúdo dos arquivos de configuração inicial do bspwm
primeiro identifique se o arquivos contem a extensão .bz2 no final do nome e se tiver no lugar do comado cat usamos bzcat
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc >> ~/.config/bspwm/bspwmrc
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/sxhkdrc >> ~/.config/sxhkd/sxhkdrc
se for copiar e colar verifique se os diretórios estão com os nomes corretos

feito isso para evitar problemas damos permissão de de execução ao bspwm
chmod +x ~/.config/bspwm/bspwmrc

agora o bspwm já está pronto para ser executado

crie um arquivo no diretório do usuario com o editor de textos da sua preferencia
nano ~/.xinitrc
e coloque
exec bspwm
dentro dele

antes de terminar você vai precisar de um emulador de terminal e uma forma de chamar os programas

para facilitar o uso do bspwm vamos usar programas que não necessitam de configuração adicional para ser utilizado
instale o emulador de terminal do xfce e o programa rofi

# pacman -S xfce4-terminal rofi

com o editor de texto da sua preferencia edite o arquivo ~/.config/sxhkd/sxhkdrc e procure pelas linhas

# terminal emulator
super + Return
urxvt
# program launcher
super + @space
dmenu_run

elas devem ficar assim

# terminal emulator
super + Return
xfce4-terminal
# program launcher
super + @space
rofi -show drun -show-icons

agora já pode executar o startx

$ startx

você acaba de ver uma tela preta sem mais nada certo ?

use os atalhos super + enter para rodar o terminal e super + espaço para rodar o rofi

use o comando ctrl + alt + esc para sair do bspwm
ou caso você não possa sair com atalhos do X use o atalho ctrl + alt + f2 para ir para o tty
e mate o X com
$ killall X

agora você vai precisar de uma barra e de um plano de fundo
mas meu comentário já está ficando muito longo
se quiser eu comento oque falta mas antes preciso garantir que você consiguiu iniciar o bspwm se não é tempo perdido

geralmente se usa a barra polybar e o programa feh para exibir um plano de fundo

se não conseguir de primeira não desista porque realmente é uma tarefa facil mas muito dificil de ser explicada
veja que eu fiz tudo isso sem seguir nenhum manual então não é algo tão facil de esquecer
eu não tenho como fazer videos explicando mas deve existir algum canal no youtube sobre isso

3. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 17/03/2022 - 23:34h


adminbuster escreveu:

certo

antes de desistalar o xfce primeiro vamos instalar o bspwm e configura-lo
assim se acontecer algum problema podemos simplesmente reverte-lo

o bspwm vai precisar do sxhkd para poder acessar os comandos de teclado então instale os dois
não tenho familiaridade com o arch mas baseado na wiki acredito que seja dessa forma
# pacman -S bspwm sxhkd

feito isso podemos configura-lo
para isso você vai precisar localizar a configuração inicial padrão do bspwm em seu sistema
procure o diretório bspwm em /usr/share/doc/ e dentro do diretório bspwm procure pelo aquivo bspwmrc dentro do diretório example dentro de bspwm
por exemplo o meu é achado dessa maneira
# ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10/examples/bspwmrc.bz2
mas se você tiver uma versão diferente esse comando não funcionara

localizado o arquivo podemos criar os diretório ende eles ficam em nossa pasta de usuario
$ mkdir ~/.config/ && mkdir ~/.config/bspwm && mkdir ~/.config/sxhkd

criado os diretório copiamos o conteúdo dos arquivos de configuração inicial do bspwm
primeiro identifique se o arquivos contem a extensão .bz2 no final do nome e se tiver no lugar do comado cat usamos bzcat
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc >> ~/.config/bspwm/bspwmrc
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/sxhkdrc >> ~/.config/sxhkd/sxhkdrc
se for copiar e colar verifique se os diretórios estão com os nomes corretos

feito isso para evitar problemas damos permissão de de execução ao bspwm
chmod +x ~/.config/bspwm/bspwmrc

agora o bspwm já está pronto para ser executado

crie um arquivo no diretório do usuario com o editor de textos da sua preferencia
nano ~/.xinitrc
e coloque
exec bspwm
dentro dele

antes de terminar você vai precisar de um emulador de terminal e uma forma de chamar os programas

para facilitar o uso do bspwm vamos usar programas que não necessitam de configuração adicional para ser utilizado
instale o emulador de terminal do xfce e o programa rofi

# pacman -S xfce4-terminal rofi

com o editor de texto da sua preferencia edite o arquivo ~/.config/sxhkd/sxhkdrc e procure pelas linhas

# terminal emulator
super + Return
urxvt
# program launcher
super + @space
dmenu_run

elas devem ficar assim

# terminal emulator
super + Return
xfce4-terminal
# program launcher
super + @space
rofi -show drun -show-icons

agora já pode executar o startx

$ startx

você acaba de ver uma tela preta sem mais nada certo ?

use os atalhos super + enter para rodar o terminal e super + espaço para rodar o rofi

use o comando ctrl + alt + esc para sair do bspwm
ou caso você não possa sair com atalhos do X use o atalho ctrl + alt + f2 para ir para o tty
e mate o X com
$ killall X

agora você vai precisar de uma barra e de um plano de fundo
mas meu comentário já está ficando muito longo
se quiser eu comento oque falta mas antes preciso garantir que você consiguiu iniciar o bspwm se não é tempo perdido

geralmente se usa a barra polybar e o programa feh para exibir um plano de fundo

se não conseguir de primeira não desista porque realmente é uma tarefa facil mas muito dificil de ser explicada
veja que eu fiz tudo isso sem seguir nenhum manual então não é algo tão facil de esquecer
eu não tenho como fazer videos explicando mas deve existir algum canal no youtube sobre isso


Oi. Começando os trabalhos.

Parei nessa parte: "você vai precisar localizar a configuração inicial padrão do bspwm em seu sistema
procure o diretório bspwm em /usr/share/doc/ e dentro do diretório bspwm procure pelo aquivo bspwmrc dentro do diretório example dentro de bspwm
por exemplo o meu é achado dessa maneira # ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10/examples/bspwmrc.bz2"


Não consigo localizar esse arquivo no terminal não...

Todas as formas que tentei:
"[[email protected] ~]# /usr/share/doc/
-bash: /usr/share/doc/: É um diretório
[[email protected] ~]# ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10-1
ls: não foi possível acessar '/usr/share/doc/bspwm-0.9.10-1': Arquivo ou diretório inexistente
[[email protected] ~]# ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10-1/bspwmrc.bz2
ls: não foi possível acessar '/usr/share/doc/bspwm-0.9.10-1/bspwmrc.bz2': Arquivo ou diretório inexistente
[[email protected] ~]# ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10-1/examples/bspwmrc.bz2
ls: não foi possível acessar '/usr/share/doc/bspwm-0.9.10-1/examples/bspwmrc.bz2': Arquivo ou diretório inexistente"


Existe outra forma de localizar?


4. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 17/03/2022 - 23:41h

adminbuster escreveu:

certo

antes de desistalar o xfce primeiro vamos instalar o bspwm e configura-lo
assim se acontecer algum problema podemos simplesmente reverte-lo

o bspwm vai precisar do sxhkd para poder acessar os comandos de teclado então instale os dois
não tenho familiaridade com o arch mas baseado na wiki acredito que seja dessa forma
# pacman -S bspwm sxhkd

feito isso podemos configura-lo
para isso você vai precisar localizar a configuração inicial padrão do bspwm em seu sistema
procure o diretório bspwm em /usr/share/doc/ e dentro do diretório bspwm procure pelo aquivo bspwmrc dentro do diretório example dentro de bspwm
por exemplo o meu é achado dessa maneira
# ls /usr/share/doc/bspwm-0.9.10/examples/bspwmrc.bz2
mas se você tiver uma versão diferente esse comando não funcionara

localizado o arquivo podemos criar os diretório ende eles ficam em nossa pasta de usuario
$ mkdir ~/.config/ && mkdir ~/.config/bspwm && mkdir ~/.config/sxhkd

criado os diretório copiamos o conteúdo dos arquivos de configuração inicial do bspwm
primeiro identifique se o arquivos contem a extensão .bz2 no final do nome e se tiver no lugar do comado cat usamos bzcat
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc >> ~/.config/bspwm/bspwmrc
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/sxhkdrc >> ~/.config/sxhkd/sxhkdrc
se for copiar e colar verifique se os diretórios estão com os nomes corretos

feito isso para evitar problemas damos permissão de de execução ao bspwm
chmod +x ~/.config/bspwm/bspwmrc

agora o bspwm já está pronto para ser executado

crie um arquivo no diretório do usuario com o editor de textos da sua preferencia
nano ~/.xinitrc
e coloque
exec bspwm
dentro dele

antes de terminar você vai precisar de um emulador de terminal e uma forma de chamar os programas

para facilitar o uso do bspwm vamos usar programas que não necessitam de configuração adicional para ser utilizado
instale o emulador de terminal do xfce e o programa rofi

# pacman -S xfce4-terminal rofi

com o editor de texto da sua preferencia edite o arquivo ~/.config/sxhkd/sxhkdrc e procure pelas linhas

# terminal emulator
super + Return
urxvt
# program launcher
super + @space
dmenu_run

elas devem ficar assim

# terminal emulator
super + Return
xfce4-terminal
# program launcher
super + @space
rofi -show drun -show-icons

agora já pode executar o startx

$ startx

você acaba de ver uma tela preta sem mais nada certo ?

use os atalhos super + enter para rodar o terminal e super + espaço para rodar o rofi

use o comando ctrl + alt + esc para sair do bspwm
ou caso você não possa sair com atalhos do X use o atalho ctrl + alt + f2 para ir para o tty
e mate o X com
$ killall X

agora você vai precisar de uma barra e de um plano de fundo
mas meu comentário já está ficando muito longo
se quiser eu comento oque falta mas antes preciso garantir que você consiguiu iniciar o bspwm se não é tempo perdido

geralmente se usa a barra polybar e o programa feh para exibir um plano de fundo

se não conseguir de primeira não desista porque realmente é uma tarefa facil mas muito dificil de ser explicada
veja que eu fiz tudo isso sem seguir nenhum manual então não é algo tão facil de esquecer
eu não tenho como fazer videos explicando mas deve existir algum canal no youtube sobre isso


Atualizando: Fui abrindo um arquivo de cada vez e aí sim, cheguei em:
[[email protected] ~]# ls /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc
/usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc


É um pouco diferente do seu... Já posso fazer esse comando (fora do modo root né?): $ mkdir ~/.config/ && mkdir ~/.config/bspwm && mkdir ~/.config/sxhkd

Já vou fazendo e vou te atualizando!

Deu ruim: [[email protected] ~]# ls /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc
/usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc
[[email protected] ~]# exit
sair
[[email protected] ~]$ mkdir ~/.config/ && mkdir ~/.config/bspwm && mkdir ~/.config/sxhkd
mkdir: não foi possível criar o diretório “/home/karenina/.config/”: Arquivo existe

Posso criar apenas esse: mkdir ~/.config/bspwm && mkdir ~/.config/sxhkd ?
Agora fazendo como falei foi rsrs!!!

Tentei configurar esse arquivo, edite o arquivo como vc solicitou:
~/.config/sxhkd/sxhkdrc e procure pelas linhas
# terminal emulator
super + Return
urxvt
# program launcher
super + @space
dmenu_run
, mas ele está vazio. É assim mesmo?

Ahhh agora foi!!! Saí do modo root. Localizei o arquivo! Editando...

Tudo indo, mas na hora de dr startx, apareceu isso:
[[email protected] ~]$ startx

/usr/lib/Xorg.wrap: Only console users are allowed to run the X server
xinit: giving up
xinit: unable to connect to X server: Connection refused
xinit: server error
Não foi possível obter um descritor de arquivo de referindo ao console.



5. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux

alberto roberto
adminbuster

(usa Gentoo)

Enviado em 18/03/2022 - 00:21h

se ele está vazio é porque não foi copiado o arquivo da configuração inicial

execute esses dois comandos

$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc >> ~/.config/bspwm/bspwmrc
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/sxhkdrc >> ~/.config/sxhkd/sxhkdrc

feito isso execute
$ chmod +x ~/.config/bspwm/bspwmrc

você pulou essa parte ?
agora sim pode editar o arquivo

sempre que o comando for $ ... é no modo normal e # ... é como root


6. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 18/03/2022 - 00:27h

adminbuster escreveu:

se ele está vazio é porque não foi copiado o arquivo da configuração inicial

execute esses dois comandos

$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc >> ~/.config/bspwm/bspwmrc
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/sxhkdrc >> ~/.config/sxhkd/sxhkdrc

feito isso execute
$ chmod +x ~/.config/bspwm/bspwmrc

você pulou essa parte
agora sim pode editar o arquivo

sempre que o comando for $ ... é no modo normal e # ... é como root


Ahhh vc está aqui!!! Que bom <3!


7. Funcionou!

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 18/03/2022 - 00:37h

adminbuster escreveu:

se ele está vazio é porque não foi copiado o arquivo da configuração inicial

execute esses dois comandos

$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/bspwmrc >> ~/.config/bspwm/bspwmrc
$ cat /usr/share/doc/bspwm/examples/sxhkdrc >> ~/.config/sxhkd/sxhkdrc

feito isso execute
$ chmod +x ~/.config/bspwm/bspwmrc

você pulou essa parte ?
agora sim pode editar o arquivo

sempre que o comando for $ ... é no modo normal e # ... é como root


Vc conseguiu!!! Vc conseguiu!!!! Muito obrigada!!

Algumas considerações:
Meu Firefox esta funcional, mas ficou todo branco (uso o Nightly). Isso é normal?
Como posso usar duas telas?


Nenhum desses comandos funcionou:
use o comando ctrl + alt + esc para sair do bspwm
ou caso você não possa sair com atalhos do X use o atalho ctrl + alt + f2 para ir para o tty
e mate o X com
$ killall X


Mas eu posso simplesmente sair pelo terminal, não? Dando exit ou shotdown -P now...


8. Finalizando

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 18/03/2022 - 00:50h

Bom, acho que deu tudo certo.

Agora preciso de fato da sua ajuda nessa parte também, por favor:

"você vai precisar de uma barra e de um plano de fundo
mas meu comentário já está ficando muito longo
se quiser eu comento oque falta mas antes preciso garantir que você consiguiu iniciar o bspwm se não é tempo perdido
geralmente se usa a barra polybar e o programa feh para exibir um plano de fundo.


Vc me ensinou muito. Nunca pensei que fosse conseguir seguindo um tutorial de leitura... Muito obrigada.
Vamos fazer mesmo essa barra. Pode ser o Polybar e também vamos colocar um pano de fundo. Se vc preferir, faço uma nova postagem. Mais uma vez, muito obrigada!



9. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

alberto roberto
adminbuster

(usa Gentoo)

Enviado em 18/03/2022 - 02:37h

oi
o atalho certo para sair do bspwm é super(tecla do windows) + alt + esc
me desculpe por informar errado

e o comando killall precisa ser instalado para porder rodar $ killall X
# pacman -S psmisc

eu não tenho 2 telas e nunca tive por isso não posso te ajudar sobre como configurar mas eu posso pesquisar sobre
o firefox deve estar branco porque está usando o tema padão
eu não costumo configurar temas no bspwm mas eu vou encontrar uma maneira e te informo

acho que pode ser nessa postagem mesmo até porque é sobre o bspwm
vou tentar elaborar algo sobre o polybar e posto aqui

você pode sair do bspwm tambem como você disse mas digamos que você não queira desligar ai vai ter que usar o atalho


10. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

alberto roberto
adminbuster

(usa Gentoo)

Enviado em 18/03/2022 - 03:18h

então
continuando o tutorial
você deve estar em uma tela preta no bspwm

podemos configurar o plano de fundo com o programa feh

pacman -S feh

feito isso baixe uma imagem qualquer na internet e defina como plano de fundo

$ feh --bg-scale img.png
para que isso seja feito na inicialização coloque esse comando dentro do arquivo bspwmrc
echo "feh --bg-scale img.png &" >> .config/bspwm/bspwmrc

preste atenção para não colocar ">" mas sempre ">>" ou você vai apagar o conteudo de bspwmrc
curiosamente você pode definir o nome da imagem como sendo ".img" para o arquivo dela ficar oculto (sim você não precisa colocar .png,.jpeg nem nada do tipo)

agora que você já tem um plano de fundo podemos tambem configurar uma barra
instale a barra polybar

infrlizmente pelo que parece o arch não mantem a barra polybar em seu repositório então você vai precisar ativar o repositório da comunidade
acho que se chama AUR mas eu não posso lhe informar como fazer isso até porque não se e não tenho o arch para testar

supondo que você descobriu como ativar e já instalou o polybar podemos configurar copiando a configuração inicial dela
primeiro precisamos encontra-la

$ ls /usr/share/doc/polybar/config <-- o arquivo config pode estar dentro do diretório example

se não existir esse arquivo oque pode acontecer em versões novas do polybar procure por

$ ls /etc/polybar/config.ini

uma vez encontrado copiamos ele para o diretório adequado

$ mkdir ~/.config/polybar
$ cat /etc/polybar/config.ini >> ~/.config/polybar/config

agora podemos iniciar o polybar para saber se está indo tudo bem

$ polybar example

agora que iniciou vamos colocar-la para iniciar tambem com o bspwm

coloque esses comando dentro de ~/.config/bspwm/bspwmrc

killall polybar &
pgrep -x polybar > /dev/null || polybar b1 -q &

isso vai permitir a você poder ver modificações em tempo real na polybar

digamos que você modifique ela voc&#7869; pode usar o atalho super+alt+r para reiniciar o bspwm e a polybar vai reiniciar junto mas sem interferir em nenhum programa aberto

espero que tenha ocorrido tudo bem mas não vou poder mostrar como configurar a polybar porque é um assunto que depende de muita configuração e não sei se conseguiria explicar onde é cada coisa ou como usar

para isso você vai ter que ler o arquivo de configuração e a wiki da polybar e tentar entender
assim sabendo oque exatamente você quer fazer com a polybar você pode perguntar aqui no forum como se faz
sugiro que você use por exemplo o chromium ou o chrome que tem um tradutor embutido e pode ajudar muito para ler textos em ingles
mas oque eu poder ajudar eu vau tentar ajudar

obs: a configuração que eu te mostrei não é exatamente a maneira padrão de se fazer mas é realmente um bom modo
só que você vai precisar do pacote psmisc para executar o killall

# pacman -S psmisc

para resolver o problema do firefox você deve difenir um tema escuro
crie o diretório da configuração

$ mkdir ~/.config/gtk-3.0/

criado o diretório descubra o nome do tema que você vai usar
$ ls /usr/share/themes <-- você tambem pode instalar manualmente temas em ~/.themes

crie um arquivo contendo as seguintes opções

$ nano ~/.config/gtk-3.0/settings.ini

e coloque isso nele

[Settings]
gtk-icon-theme-name=Adwaita
gtk-theme-name=Adwaita-dark

observer que adwaita é o nome do tema de icones e adwaita dark é o nome do tema
você deve altera-los de acordo com o tema que for usar

existem boas informações sobre isso aqui https://wiki.archlinux.org/title/GTK_(Portugu%C3%AAs)
mas se precisar de mais ajuda tomo ai
essa configuração está perfeitamente funcional aqui só para você saber
se você não quiser definir manualmente os temas você pode usar uma parte do xfce para isso
instale
# pacman -S xfce4-settings
e roda
$ xfce4-settings

para configurar multiplos monitores no bspwm de acordo com a documentação do arch é dessa forma
descubra o nome dos monitores

# pacman -S xrandr

$ xrandr -q <-- isso deve lhe informar o nome dos monitores

e coloque no arquivo ~/.config/bspwm/bspwmrc
algo assim

comente primeiro a linha

bspc monitor -d I II III IV V VI VII VIII IX X
ficando assim
#bspc monitor -d I II III IV V VI VII VIII IX X

e coloque em baixo dela

bspc monitor monitor-1 -d I II III IV
bspc monitor monitor-2 -d V VI VII
bspc monitor monitor-3 -d VIII IX X

ajuste isso de acordo com a sua configuração real de hardware


11. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

Ana Paula
Karenina

(usa Arch Linux)

Enviado em 18/03/2022 - 15:06h

adminbuster escreveu:

então
continuando o tutorial
você deve estar em uma tela preta no bspwm

podemos configurar o plano de fundo com o programa feh

pacman -S feh

feito isso baixe uma imagem qualquer na internet e defina como plano de fundo

$ feh --bg-scale img.png
para que isso seja feito na inicialização coloque esse comando dentro do arquivo bspwmrc
echo "feh --bg-scale img.png &" >> .config/bspwm/bspwmrc

preste atenção para não colocar ">" mas sempre ">>" ou você vai apagar o conteudo de bspwmrc
curiosamente você pode definir o nome da imagem como sendo ".img" para o arquivo dela ficar oculto (sim você não precisa colocar .png,.jpeg nem nada do tipo)

agora que você já tem um plano de fundo podemos tambem configurar uma barra
instale a barra polybar

infrlizmente pelo que parece o arch não mantem a barra polybar em seu repositório então você vai precisar ativar o repositório da comunidade
acho que se chama AUR mas eu não posso lhe informar como fazer isso até porque não se e não tenho o arch para testar

supondo que você descobriu como ativar e já instalou o polybar podemos configurar copiando a configuração inicial dela
primeiro precisamos encontra-la

$ ls /usr/share/doc/polybar/config <-- o arquivo config pode estar dentro do diretório example

se não existir esse arquivo oque pode acontecer em versões novas do polybar procure por

$ ls /etc/polybar/config.ini

uma vez encontrado copiamos ele para o diretório adequado

$ mkdir ~/.config/polybar
$ cat /etc/polybar/config.ini >> ~/.config/polybar/config

agora podemos iniciar o polybar para saber se está indo tudo bem

$ polybar example

agora que iniciou vamos colocar-la para iniciar tambem com o bspwm

coloque esses comando dentro de ~/.config/bspwm/bspwmrc

killall polybar &
pgrep -x polybar > /dev/null || polybar b1 -q &

isso vai permitir a você poder ver modificações em tempo real na polybar

digamos que você modifique ela voc&#7869; pode usar o atalho super+alt+r para reiniciar o bspwm e a polybar vai reiniciar junto mas sem interferir em nenhum programa aberto

espero que tenha ocorrido tudo bem mas não vou poder mostrar como configurar a polybar porque é um assunto que depende de muita configuração e não sei se conseguiria explicar onde é cada coisa ou como usar

para isso você vai ter que ler o arquivo de configuração e a wiki da polybar e tentar entender
assim sabendo oque exatamente você quer fazer com a polybar você pode perguntar aqui no forum como se faz
sugiro que você use por exemplo o chromium ou o chrome que tem um tradutor embutido e pode ajudar muito para ler textos em ingles
mas oque eu poder ajudar eu vau tentar ajudar

obs: a configuração que eu te mostrei não é exatamente a maneira padrão de se fazer mas é realmente um bom modo
só que você vai precisar do pacote psmisc para executar o killall

# pacman -S psmisc

para resolver o problema do firefox você deve difenir um tema escuro
crie o diretório da configuração

$ mkdir ~/.config/gtk-3.0/

criado o diretório descubra o nome do tema que você vai usar
$ ls /usr/share/themes <-- você tambem pode instalar manualmente temas em ~/.themes

crie um arquivo contendo as seguintes opções

$ nano ~/.config/gtk-3.0/settings.ini

e coloque isso nele

[Settings]
gtk-icon-theme-name=Adwaita
gtk-theme-name=Adwaita-dark

observer que adwaita é o nome do tema de icones e adwaita dark é o nome do tema
você deve altera-los de acordo com o tema que for usar

existem boas informações sobre isso aqui https://wiki.archlinux.org/title/GTK_(Portugu%C3%AAs)
mas se precisar de mais ajuda tomo ai
essa configuração está perfeitamente funcional aqui só para você saber
se você não quiser definir manualmente os temas você pode usar uma parte do xfce para isso
instale
# pacman -S xfce4-settings
e roda
$ xfce4-settings

para configurar multiplos monitores no bspwm de acordo com a documentação do arch é dessa forma
descubra o nome dos monitores

# pacman -S xrandr

$ xrandr -q <-- isso deve lhe informar o nome dos monitores

e coloque no arquivo ~/.config/bspwm/bspwmrc
algo assim

comente primeiro a linha

bspc monitor -d I II III IV V VI VII VIII IX X
ficando assim
#bspc monitor -d I II III IV V VI VII VIII IX X

e coloque em baixo dela

bspc monitor monitor-1 -d I II III IV
bspc monitor monitor-2 -d V VI VII
bspc monitor monitor-3 -d VIII IX X

ajuste isso de acordo com a sua configuração real de hardware


Oi! Tudo bem?

Vc não precisava fazer tudo isso... Eu ia pesquisar... Inclusive o Firefox eu já resolvi.
Muito muito obrigada! Vou começar a fazer os ajustes a partir de suas orientações.
Qualquer coisa manda oi como ontem. Ou foi hoje rsrsrs?

Olha, esse comando não está funcionando:
[[email protected]Arch ~]$ feh --bg-scale gatari.png
feh WARNING: gatari.png does not exist - skipping
feh: No loadable images specified.
See 'feh --help' or 'man feh' for detailed usage information


Consegui!!! Tem que colocar o caminho completo para instalação!

Não consegui localizar o Polybar também... É estranho pois na Wiki do arch se fala sobre o Polybar. É não consegui instalar ele pelo pacman não...



12. Re: Como substituir o ambiente gráfico XFCE por BSPWM no Arch Linux [RESOLVIDO]

alberto roberto
adminbuster

(usa Gentoo)

Enviado em 18/03/2022 - 16:05h

o motivo para o feh não estar funcionando é realmente obvio

gatari.png does not exist
gatari.png não existe

você deve informar o caminho
por exemplo
feh --bg-scale ~/gatari.png

para instalar o polybar já que ele não existe no repositório oficial você vai precisar instalar pelo repositório da comunidade
um tal de AUR mas não posso lhe informar como que usa porque realmente nunca usei
e dando uma pesquisada me parece bem confuso
se perguntar para alguem aqui no forum talvez tenha a resposta



01 02