SUDO - É realmente necessário?

1. SUDO - É realmente necessário?

uruk
uruk

(usa Outra)

Enviado em 10/08/2017 - 20:17h

De acordo com o site do software [1] , sudo é, em uma "casca de noz" :
Sudo (su "do") allows a system administrator to give certain users (or groups of users) the ability to run some (or all) commands as root while logging all commands and arguments. Sudo operates on a per-command basis, it is not a replacement for the shell. Its features include:

The ability to restrict what commands a user may run on a per-host basis.

Sudo does copious logging of each command, providing a clear audit trail of who did what. When used in tandem with syslogd, the system log daemon, sudo can log all commands to a central host (as well as on the local host). At [*****], all admins use sudo in lieu of a root shell to take advantage of this logging.

Sudo uses timestamp files to implement a "ticketing" system. When a user invokes sudo and enters their password, they are granted a ticket for 5 minutes (this timeout is configurable at compile-time). Each subsequent sudo command updates the ticket for another 5 minutes. This avoids the problem of leaving a root shell where others can physically get to your keyboard. There is also an easy way for a user to remove their ticket file, useful for placing in a .logout file.

Sudo's configuration file, the sudoers file, is setup in such a way that the same sudoers file may be used on many machines. This allows for central administration while keeping the flexibility to define a user's privileges on a per-host basis. Please see the samples sudoers file below for a real-world example.

Pelo que eu entendi e tenho como experiência, o sudo é um escalonador de privilégios, em que um usuário pode fazer ações como root de acordo com as configurações do mesmo.
Isso deve ser muito útil em ambientes corporativos e lugares em que há mais de um usuário. Entretanto, na maioria das distribuições GNU/Linux, o sudo já vem no computador e muitas vezes já configurado... Todavia, sabemos que dificilmente um computador com tal é usado por mais de um usuário, que já administra o SO, pois também é o root do sistema.
Levando isso em conta, surge uma indagação: POR QUE RAIOS PRECISA-SE DO SUDO QUANDO VOCÊ TEM UM ÚNICO USUÁRIO QUE TAMBÉM É ADMINISTRADOR DO SISTEMA?
Se ele não é necessário, por que caral.hos essa merd.a vem em quase todas as distros por padrão?







Obs.: Eu não estou perguntando se você usa o sudo no seu computador,

-uso aqui
-nunca deu problema
quero saber se existe uma boa razão técnica para isso.


[1] https://www.sudo.ws/intro.html



  


2. Re: SUDO - É realmente necessário?

Mauriciodez
Mauriciodez

(usa Debian)

Enviado em 10/08/2017 - 20:27h

uruk escreveu:

De acordo com o site do software [1] , sudo é, em uma "casca de noz" :

Obs.: Eu não estou perguntando se você usa o sudo no seu computador,

-uso aqui
-nunca deu problema
quero saber se existe uma boa razão técnica para isso.



Acho ele um bom facilitador, necessário não é .. veja bem

dar um comando como ROOT
sudo comando

su
comando
exit



------------------------------------------| Linux User #621728 |-----------------------------------------

" Nem sempre é amigo aquele que te tira do buraco !!! ( Saddam Hussein )"

------------------------------------------| Linux User #621728 |-----------------------------------------



3. Re: SUDO - É realmente necessário?

Homem Sem Nome
homemsemnome

(usa Debian)

Enviado em 10/08/2017 - 20:34h

uruk escreveu:
Levando isso em conta, surge uma indagação: POR QUE RAIOS PRECISA-SE DO SUDO QUANDO VOCÊ TEM UM ÚNICO USUÁRIO QUE TAMBÉM É ADMINISTRADOR DO SISTEMA?
Se ele não é necessário, por que caral.hos essa merd.a vem em quase todas as distros por padrão?


O sudo é utilizado em muitas distribuições user-friendly pela questão da comodidade. Você simplesmente pega os comandos prontos ali que algum canequeiro sugeriu e já entra com a sua -- pequena, geralmente -- senha de usuário mesmo.

Particularmente falando eu acho uma put* viadagem isso.

________________________________________________________________________

"I hate mankind, for I think myself one of the best of them, and I know how bad I am."
- Samuel Johnson


4. Re: SUDO - É realmente necessário?

uruk
uruk

(usa Outra)

Enviado em 10/08/2017 - 20:44h

Mauriciodez escreveu:
Acho ele um bom facilitador, necessário não é .. veja bem

dar um comando como ROOT
sudo comando

su
comando
exit


Uau! Um Ctrl + D a menos!





5. Re: SUDO - É realmente necessário?

Alberto Federman Neto.
albfneto

(usa Sabayon)

Enviado em 10/08/2017 - 20:44h

Indispensável, não é...

Mas é controverso,

tem gente que gosta muito, e usa e outros, não gostam de jeito nenhum....

Distros também. Por exemplo, openSUSE usa, Ubuntu usa, Sabayon usa (mas mesmo em Sabayon, muitos usuários não gostam).

Em outras Distros, como OpenMandriva, ele nem vem instalado como padrão,
¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨
Albfneto,
Ribeirão Preto, S.P., Brasil.
Usuário Linux, Linux Counter: #479903.
Distros Favoritas: Sabayon, Gentoo, openSUSE, Mageia e OpenMandriva.


6. Re: SUDO - É realmente necessário?

uruk
uruk

(usa Outra)

Enviado em 10/08/2017 - 20:47h

homemsemnome escreveu:
O sudo é utilizado em muitas distribuições user-friendly pela questão da comodidade. Você simplesmente pega os comandos prontos ali que algum canequeiro sugeriu e já entra com a sua -- pequena, geralmente -- senha de usuário mesmo.

Particularmente falando eu acho uma put* viadagem isso.

**Estou considerando que o user "normal" = root do sistema. **
Caramba, não consigo entender isso, qual a dificuldade em simplesmente logar como root com o su e digitar o raio do comando?
Isso não faz nenhum sentido técnico, é apenas uma frescura que faz algo que outra coisa menor, mais simples e direta já faz!
A senha root dos cidadãos é tão simplória quanto.


7. Re: SUDO - É realmente necessário?

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 10/08/2017 - 20:48h

Eu acho necessário caso algo de código malicioso ataque o sistema, ele não terá sua senha de acesso administrativo pra modificar o sistema de maneira abrupta. O que tá ocorrendo de deb-injection no Linux é triste, viu?
https://www.pcwelt.de/a/datenbanken-absichern-schutz-vor-sql-injection,3447671

A única distro que conheço que não tem sudo é Puppy Linux. Vc é sempre usuário root, o que pode ser perigoso para quem não sabe usar o sistema. Tudo o que digitar no terminal, não vai vir um aviso de "isso pode ser perigoso".


8. Re: SUDO - É realmente necessário?

Ricardo Groetaers
ricardogroetaers

(usa Linux Mint)

Enviado em 10/08/2017 - 20:58h

Útil, invocado apenas quando necessário e para executar uma, e somente uma, determinada tarefa específica que exige privilégio. Ou seja, é necessário novo "sudo" para executar outra tarefa. Terminada a tarefa, cessam os poderes dados pelo sudo. Evita que um usuário, que pode ser o próprio administrador, fique perambulando pelo sistema com plenos poderes o tempo todo.


9. Re: SUDO - É realmente necessário?

Mauriciodez
Mauriciodez

(usa Debian)

Enviado em 10/08/2017 - 21:03h

uruk escreveu:
**Estou considerando que o user "normal" = root do sistema. **
Caramba, não consigo entender isso, qual a dificuldade em simplesmente logar como root com o su e digitar o raio do comando?
Isso não faz nenhum sentido técnico, é apenas uma frescura que faz algo que outra coisa menor, mais simples e direta já faz!
A senha root dos cidadãos é tão simplória quanto.


já que vc reclamou do "único" exemplo que te dei toma um artigo !!! >> http://linux-sem-misterio.blogspot.com.br/2006/02/sudo-o-que-isso_27.html

NOTA: Não quer usar não usa !!! tá parecendo visitante no muro das lamentações uai .... kkkkkkkkkkkkkkk

Abçs

------------------------------------------| Linux User #621728 |-----------------------------------------

" Nem sempre é amigo aquele que te tira do buraco !!! ( Saddam Hussein )"

------------------------------------------| Linux User #621728 |-----------------------------------------



10. Re: SUDO - É realmente necessário?

uruk
uruk

(usa Outra)

Enviado em 10/08/2017 - 21:07h

Eu acho necessário caso algo de código malicioso ataque o sistema, ele não terá sua senha de acesso administrativo pra modificar o sistema de maneira abrupta. O que tá ocorrendo de deb-injection no Linux é triste, viu?
https://www.pcwelt.de/a/datenbanken-absichern-schutz-vor-sql-injection,3447671

Se o raio do comando foi executado como root e os 5 minutos do sudo ainda não acabaram, dá na mesma.

Vc é sempre usuário root, o que pode ser perigoso para quem não sabe usar o sistema. Tudo o que digitar no terminal, não vai vir um aviso de "isso pode ser perigoso".

Não estou falando para ninguém passar a utilizar a conta root 24/7, mas apenas quando for necessário.
E um
 $ sudo rm -rf / ## Não digite isso. 
ou outro comando danoso não dá na mesma?



11. Re: SUDO - É realmente necessário?

Homem Sem Nome
homemsemnome

(usa Debian)

Enviado em 10/08/2017 - 21:08h

Bactel escreveu:

Eu acho necessário caso algo de código malicioso ataque o sistema, ele não terá sua senha de acesso administrativo pra modificar o sistema de maneira abrupta. O que tá ocorrendo de deb-injection no Linux é triste, viu?
https://www.pcwelt.de/a/datenbanken-absichern-schutz-vor-sql-injection,3447671

A única distro que conheço que não tem sudo é Puppy Linux. Vc é sempre usuário root, o que pode ser perigoso para quem não sabe usar o sistema. Tudo o que digitar no terminal, não vai vir um aviso de "isso pode ser perigoso".




Ao utilizar o sudo para instalar um pacote malicioso qualquer você irá rodar do mesmo jeito.

E não, os sistemas sem sudo não ficam logados somente como root, existe a conta de usuário padrão que você cria no momento da instalação da distribuição.

________________________________________________________________________

"I hate mankind, for I think myself one of the best of them, and I know how bad I am."
- Samuel Johnson


12. Re: SUDO - É realmente necessário?

Patrick Costa da Silva
patrickpcs

(usa Nenhuma)

Enviado em 10/08/2017 - 21:09h

No uso doméstico realmente acho que não é nem um pouco necessário. Entretanto em um ambiente corporativo, o sudo tem muitas possibilidades de configurações, como por exemplo liberar privilégios administrativos para um grupo de usuários que estejam integrados em um AD ou LDAP da vida. Além de poder liberar apenas certos comandos, facilitar algumas tarefas administrativas ou por exemplo permitir que usuários comuns iniciem uma vpn dentro da sua intranet. Tudo graças ao sudo.

Não estou dizendo que é a única forma de atingir esses objetivos, mas é um ótimo facilitador.








Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts