Usar roteador domestico como servidor DNS.

1. Usar roteador domestico como servidor DNS.

Luis Felipe rodrigues
luisfeliperm

(usa Linux Mint)

Enviado em 23/04/2021 - 00:59h

Fiz um teste com um roteador TP Link tl-wr840n. Deixei o DNS automático, o roteador entrega o dns 192.168.0.1. No segundo teste usei o dns 8.8.8.8.
Usando o dns automatico do roteador a consulta dns leva.
Na primeira consulta o roteador tp link busca externamente e depois guarda no cache interno do roteador, ai as proximas consultas ficam bem mais rapidas. Ele armazena no cache por menos de 1 hora de acordo com os testes que fiz.
Em resumo, se deixar o dns automático a primeira consulta é demorada, mas as proximas são bem mais rapidas pois ficam no cache dns do roteador.
Segue resultado:
[email protected]:~# dig @8.8.8.8  youtube.com | grep "Query time:"
;; Query time: 17 msec
[email protected]:~# dig @192.168.0.1 youtube.com | grep "Query time:"
;; Query time: 59 msec
[email protected]:~# dig @192.168.0.1 youtube.com | grep "Query time:"
;; Query time: 5 msec
[email protected]:~#


A dúvida é, será que vale a pena deixar o dns automático do roteador, fazendo com que ele mesmo atue como servidor DNS? Ou será que é melhor usar um dns externo da google por exemplo, ou até do ISP? Fico pensando se o processamento do roteador não aumenta e afeta o desempenho da conexão.


  






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts