Substituição de Servidor.

1. Substituição de Servidor.

Fernando
fernandoborges

(usa Ubuntu)

Enviado em 08/04/2008 - 11:25h

Pessoal, a minha situação é a seguinte:

Tenho uma máquina que é PDC da minha rede interna, servindo Arquivos e Autenticando os usuários via SAMBA+WINBIND.

Vou substituir essa máquina por outra que recebi, com uma configuração melhor, mais memória e mais espaço em HD.

Bom, para fazer a substituição sem maiores problemas, o que eu devo backupear para diminuir minhas dores de cabeça na troca?

Até agora pensei nos seguintes arquivos:

- Os arquivos compartilhados (dãã...);
- smb.conf;
- A pasta /home

Quando eu iniciar o servidor novo as máquinas e as contas de usuários terão de ser novamente cadastradas no samba? E as senhas dos usuários? Serão perdidas?

Outra dúvida é sobre particionamento. Para rodar o Debian ETCH com o Gnome, quanto de espaço eu devo deixar para o sistema ( / )para que ele rode sem problemas?

E o /home? Deixá-lo separado mesmo?

Pensei tb em deixar os arquivos a serem compartilhados na rede numa partição separada.

A nova máquina é um Pentium IV com 1 Gb RAM. Quanto deixar para SWAP?

Alguém já passou por isso alguma vez e tem alguma sugestão?

Obrigado,

Fernando.


  


2. Re: Substituição de Servidor.

Vitor Ribeiro de Souza
vitor.jjb

(usa Slackware)

Enviado em 08/04/2008 - 11:38h

Amigão,

Fica um tempinho futucando o servidor.. cria uma pasta e vai copiando tudo que vc achar necessário dentro dela... dá um
#nmap 127.0.0.1
ve os serviços e pega os confs deles.. da um
#netstat -na
ve as portas. identifica o servico e pega os confs...

Se vc pegar todos os confs direitinho, acho que não vai ter problemas... agora.. pode ser que vc tenha que alterar alguns confs, devido a atualização de software, tipo o smb.conf muda algumas diretrizes de versão para versão..
mas creio que não terá nenhum problema. nada que um
#tail -f /var/log/??
não resolva!
abraços!


3. Re: Substituição de Servidor.

Vitor Ribeiro de Souza
vitor.jjb

(usa Slackware)

Enviado em 08/04/2008 - 11:41h

Outra coisa amigão... em relação a espaço para cada partição.. recomendo o seguinte..

/ = Não precisa de tantos GBS apenas o necessário para instalar o sistema e softwares terceiros.

/home = Depende do porte do servidor

/var = sempre gosto de colocar muitos gigas

/boot = 1gb - é muito, porém se quiser virtualizar ou algo do tipo vai ser tranquilo

Outra coisa... use LVMS para que sua dor de cabeça, tenha volta!

abraços!


4. Re: Substituição de Servidor.

Fernando
fernandoborges

(usa Ubuntu)

Enviado em 08/04/2008 - 11:44h

vrsinfo,

Muito obrigado pelas dicas!


5. O que eu faria...

Rodrigo Ferreira Valentim
engos

(usa openSUSE)

Enviado em 08/04/2008 - 12:01h

Com dd tiraria um backup completo do HD

Se for fazer backup apenas do que realmente precisa, faça também do /etc (alem do samba você deve ter outros serviços configurados)

Colocaria o servidor novo em paralelo ao antigo e iria migrando aos poucos para ter certeza que TODOS os usuários estão conseguindo ver tudo normalmente. Durante esse processo faria o servidor antigo montar a estrutura toda da parte compartilhada no novo servidor, para ganhar tempo poderia colocar outra placa de rede e fazer um cross-over entre os servidores.


Uma alternativa mais simples e tão eficaz (porem um pouco mais demorada) seria você configurar o basicão nesse novo servidor e usar o rsync para sincronizar todas as informações entre eles. Assim se faltar alguma coisa, seria só sincronizar o que você se esqueceu.


Sobre a parte de login e senha, se você replicar as configurações direitinho isso não deve ser problema.


Sobre particionamento em servidores isso é totalmente customizado e se você seguir um padrão vai estar errado.

Você precisa entender o que cada partição significa, analisar o quanto está sendo usado do servidor atual e com base nisso elaborar um plano de particionamento.

Sobre deixar os arquivos de compartilhamento em partição separada, estou surpreso por isso estar diferente hoje, é totalmente errado deixar os arquivos compartilhados fora de uma partição exclusiva, pois nesse tipo de partição você precisa de um controle maior, com por exemplo, proibindo a execução de arquivos por ela.


Sobre a SWAP cai no mesmo caso de você entender melhor o que cada partição significa. A SWAP serve como memoria auxiliar a RAM, sendo assim se no servidor atual você tem 1GB e está usando 1GB de SWAP, você vai precisar no novo servidor ter 3GB de SWAP, pois com o crescimento do uso do servidor você vai precisar de mais memoria e a SWAP deve sempre conter o espaço necessário para esse recurso, mais a quantidade total de RAM, pois se a RAM precisar ser resetada durante algum processo ela despeja todo seu conteudo na SWAP e depois o resgata de volta, em outras palavras, se você não tiver espaço em SWAP pra isso, seu server vai travar (ao menos é o que acontece com o meu Debian lenny, com outras distros ele fica lento e depois volta sem precisar de boot, mas provavelmente alguma coisa menos importante deve ser perdida nesse processo).


6. Re: Substituição de Servidor.

Fernando
fernandoborges

(usa Ubuntu)

Enviado em 08/04/2008 - 12:50h

engos,

Valeu pelas observações, vou seguir seus conselhos. Obrigado!

Mais alguma dica?






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts