Negócios [RESOLVIDO]

1. Negócios [RESOLVIDO]

Marcos Vinícius Dunguel Nunes
mdunguel

(usa Debian)

Enviado em 02/07/2012 - 17:02h

Senhores, boa tarde.
Possuo um local reservado (quarto vazio) e estou com a idéia de montar alguns servidores para eu poder vender uns planos de hospedagem de sites.
Vale a pena?
mdunguel.



  


2. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Perfil removido
removido

(usa Nenhuma)

Enviado em 02/07/2012 - 17:13h

Tu consegue competir com esses preços e qualidades de serviço?
http://www.locaweb.com.br/produtos/hospedagem-de-sites/planos.html
http://www.uolhost.com.br/hospedagem-de-sites.html

Veja o detalhe do suporte também.


3. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Fabiano de Oliveira e Souza
fosouza

(usa Slackware)

Enviado em 02/07/2012 - 18:37h

Além do mais vc precisa fazer um bom investimento para competir no mercado, tipo:
1. Link
2. Aplicação para hospedagem com facilidade, muitos usam o cPanel ou o Plesk que requer licença
3. Sistemas integrados para atender a demanda
4. Propaganda


4. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Marcos Vinícius Dunguel Nunes
mdunguel

(usa Debian)

Enviado em 02/07/2012 - 18:41h

Então qual seria a melhor opção para mim?
Tenho esse espaço e estou querendo aumentar a renda?



5. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 02/07/2012 - 19:26h

Sem querer "jogar água no teu churrasco", acho que esse suposto "aproveitamento" vai na verdade gerar uma série de despesas e de compromissos indesejáveis a médio e longo prazos.
Além do que, conforme já foi dito, que condições você teria de competir com os preços e as estruturas dos servidores americanos?

Apenas a sua conta de energia elétrica e refrigeração do ar já irão subir consideravelmente, alem do que vocêprecisará de uma instalação mais "profissional" com no-breaks e um bom aterramento.
E note que não estou falando desses short-breaks que se encontram por aí, mas de no-breaks de verdade, aqueles verdadeiros "armários".
Eles por sua parte geram - assim como as CPUs - bolsões de ar quente localizados, o que levaria você a optar necessariamente por um ar condicionado central, do tipo "aberto", que facilita a manutenção emergencial (isso não é propriamente uma "opção", mas uma "obrigação").

E como você daria o tal suporte 24 x 7 x 365 e garantiria um mínimo de 98% de uptime?

Pois é. Não basta ter um quarto disponível e alguns servidores sobrando...
Fazer um servidor de hospedagem é tecnicamente tão simples quanto montar uma lanhouse, porém envolve além das despesas imediatas, compromissos financeiros, éticos, fiduciários, etc. a longo prazo.

Sem um bom planejamento, fazer um servidor assim soa como fazer aquela famosa sopa de pedras, onde você teria umas pedrinhas maneiras no teu quintal, uma panela, um fogão e água.
Colocadas as pedras na água fervente, bastaria comprar e adicionar os legumes, a carne, os temperos...


6. Hospedagem

Bárbara Machado
bnetwork

(usa Ubuntu)

Enviado em 17/01/2013 - 00:09h

Concordo com você Teixeira. Revender hospedagem de sites envolve uma séria questões muito burocráticas bem como no suporte. Hospedar sites para quem esta iniciando e não tem o apoio de uma empresa especializada em hosting dá dor de cabeça sim.

É preciso entender que, sem uma estrutura física de acesso externo que mantenha um bom link de comunicação com provedores, é o mesmo que não ter nada além de um servidor configurado para uso local.

Sugiro a você buscar um hosting que lhe ofereça além de serviços práticos como email, bases de dados, painel personalizado e próprio(não pago), revenda multiplataforma, suporte especializado e técnico que alto nível a empresa Kinghost Hospedagem de Sites.

Eles possuem estrutura no Rio Grande do Sul, entre outros serviços, o Ipv6 esta pronto para uso em todos os servidores, é possivel solicitar certificados ssl para lojas virtuais, pode customizar seus planos e solicitar saques a qualquer momento.

Sugiro verificar no link com desconto em http://www.kinghost.com.br/promo/QUEROMAISKING2013.html você ganha 10% de desconto nas primeiras 3 mensalidades.

Boa sorte!


7. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Daniel Lara Souza
danniel-lara

(usa Fedora)

Enviado em 17/01/2013 - 00:28h

bnetwork escreveu:

Concordo com você Teixeira. Revender hospedagem de sites envolve uma séria questões muito burocráticas bem como no suporte. Hospedar sites para quem esta iniciando e não tem o apoio de uma empresa especializada em hosting dá dor de cabeça sim.

É preciso entender que, sem uma estrutura física de acesso externo que mantenha um bom link de comunicação com provedores, é o mesmo que não ter nada além de um servidor configurado para uso local.

Sugiro a você buscar um hosting que lhe ofereça além de serviços práticos como email, bases de dados, painel personalizado e próprio(não pago), revenda multiplataforma, suporte especializado e técnico que alto nível a empresa Kinghost Hospedagem de Sites.

Eles possuem estrutura no Rio Grande do Sul, entre outros serviços, o Ipv6 esta pronto para uso em todos os servidores, é possivel solicitar certificados ssl para lojas virtuais, pode customizar seus planos e solicitar saques a qualquer momento.

Sugiro verificar no link com desconto em http://www.kinghost.com.br/promo/QUEROMAISKING2013.html você ganha 10% de desconto nas primeiras 3 mensalidades.

Boa sorte!


Também concordo


8. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 17/01/2013 - 18:41h

Uma boa solução, se você realmente tem condições de levar o projeto adiante (baseado no universo de clientes que você já tenha como garantidos), é pegar uma excelente empresa de hospedagem e contratar com ela um plano de revenda.
Sai bem em conta e mais da metade do problema já estará resolvida.

Para os seus clientes, isso será absolutamente transparente, e para eles a empresa que hospeda o site deles é sua, pois em todos os momentos é a sua cara que aparecerá. Em nenhum momento aparecerá o nome do host.
Assim, prepare-se para a eventual necessidade de formalizar seu empreendimento (constituir uma empresa, obter CNPJ, inscrição estadual, alvará de funcionamento, pagar impostos, contador, fazer declarações fiscais, etc.)

Agora, visto que é somente você o responsável perante o seu cliente (o mais completo pára-raios que se possa imaginar), torna-se óbvio que o seu host tem de ser "excelente", e não "o mais barato".
Seu host tem de ser daqueles que o pessoal do suporte entende mesmo, e atende "25" horas por dia, "8" dias na semana, "32" dias no mês e "367" dias no ano. Afinal eles darão suporte para você, e não para seus clientes.

Dá para ganhar um bom dinheiro sem muito esforço (sem precisar arrancar os cabelos), mas a responsabilidade mesmo assim ainda é grande perante o cliente e perante o host.
Cuidado portanto para não basear seu empreendimento em "futuros possíveis clientes", mas em clientes firmes com os quais você já possa contar no presente, agora, ontem.
Dessa forma, quando as coisas começarem a clarear ($$$) ficará mais fácil rever seu contrato com o host ou mesmo contratar novos espaços conforme as necessidades que certamente irão surgindo.
Na pior das hipóteses, as despesas terão de pelo menos empatar com as despesas.
Procure não bancar tudo sozinho esperando retorno láááá adiante.


9. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Daniel Lara Souza
danniel-lara

(usa Fedora)

Enviado em 17/01/2013 - 21:18h

como o Teixeira falou , plano de revenda é uma boa , eu conheço um amigo
que trabalha em casa com revenda , esta tirando uma grana boa
e não se estressa com muita coisa



10. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 18/01/2013 - 10:07h

Nesse caso, seu sucesso depende da confiabilidade de seu host e da relação custo x benefício.
Existem ocasiões em que o caro sai barato e outras em que o barato sai caro.
O preço que você cobrará de seus clientes tem de ser razoável, e tem de igualmente apresentar um bom custo x benefício.
Mas a sua margem de lucro é você quem irá determinar.
Isso irá requerer de você uma pesquisa bem detalhada de preços, serviços, recursos e suporte de acordo com as características de seus clientes.
E devido a tais características, não dá para sugerirmos host A ou B.
Alguns que são considerados "problemáticos" por alguns, poderão eventualmente ser "a solução" de que você necessita.
Particularmente sugiro que você, depois de colocar sua pesquisa em um papel, procura informações sobre seu host inicialmente no site Reclame Aqui e veja o grau de satisfação dos clientes de cada um desses hosts.
Não dê tanta importância à "quantidade" de reclamações, mas sim ao percentual de "soluções" e ao percentual de clientes que "voltariam a fazer negócio".


11. Re: Negócios [RESOLVIDO]

Cristiano Diedrich
csdiedrich

(usa Suse)

Enviado em 29/04/2013 - 10:08h

Tu já chegou dar uma olhada na Revenda de Hospedagem da RedeHost? ( http://www.redehost.com.br/hospedagem-de-site/revenda )






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts