Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

1. Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Alexandre
s.arquivos

(usa Outra)

Enviado em 01/02/2011 - 15:55h

Bom,

meu problema agora (pós instalação), é o não reconhecimento

da partição linux pelo Windows e vice-versa.

Pesquisando pelo google encontrei “programinhas”

E também um camarada lembrando que:

“nunca deve escrever com windows no linux ou vice versa,

pode estragar seu hd.”

Então que me dizem...

Qual a melhor forma ou caminho?



  


2. MELHOR RESPOSTA

Willian
ThePinkShark

(usa Slackware)

Enviado em 02/02/2011 - 10:42h

Meu caro vamos ver um pouco de lógica, se o Sr. criar uma partição extra em NTFS o windows irá acessa-la normalmente correto? e o Linux também poderá acessa-la normalmente utilizando o ntfs-3g ou seja o Sr. terá acesso total a partição com ambos os sistemas, ou seja não existe necessidade do FAT32 isto seria erroneo devido a perda de estabilidade do sistema. O Sr. pode utilizar tranquilamente o NTFS o windows não poderá acessar o extended4 (ext4) onde ficará o sistema linux entretanto o Linux poderá acessar o NTFS assim como o windows, se ver por esta vertente notará que apenas um S.O. ver o sistema do outro resolve seu problema então o Sr. poderá tranquilamente criar uma partição NTFS e nela colocar os dados apra compartilhar com ambos os sistemas.
resumindo o Sr. instalaria o windows em um NTFS, o Linux numa ext4 o swap no swap e criaria uma outra partição que o windows e também o linux acessaria utilizando NTFS.
Irá funcionar perfeitamente.

3. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Willian
ThePinkShark

(usa Slackware)

Enviado em 01/02/2011 - 16:01h

Acessar o windows com o linux utilizando o NTFS-3G.

É super simples e fácil de usar.
ntfs-3g /dev/unidade /ponto/de/montagem

ex:
mkdir /mnt/C/
ntfs-3g /dev/sda1 /mnt/C/

Acessar o linux com o windows não é uma boa ideia devido a inexistência do suporte.
Dependendo da sua distribuição ele irá montar altomaticamente os HD's do seu windows, caso contrário existe meios de fazer com que eles sejam montados logo na inicialização.

Não, não vai estragar, o máximo que irá ocorrer é fragmentar o HD com maior facilidade e terá que ser desfragmentado no windows, mas isto não é tão relevante.


4. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Filippe
spolti

(usa Fedora)

Enviado em 01/02/2011 - 16:10h

use o NTFS-3G tanto para linux > windows quanto windows > linux


5. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Douglas Giorgio Fim
douglas.giorgio

(usa Fedora)

Enviado em 01/02/2011 - 17:58h

acessar partições do linux pelo windows, somente se a partição for ext2, e não me engano ja da p acessar com ext3

mas somente com programa, o windows por padrão não é compativel

========================

agr acessar partições do windows pelo linux é possivel, procure por ntfs-3g

aqui no VOL tem muito assunto sobre isso, use a pesquisa do VOL

detalhe: não tem problema e nem da problema no HD acessar as partições do windows pelo linux =)

o unico problema é que a partição do windows é NTFS e como sempre, a partição fica beeem fragmentado, ai tem que ficar desfragmentando, pois é coisa da partição


6. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Alexandre
s.arquivos

(usa Outra)

Enviado em 01/02/2011 - 18:19h

Bom,

A minha inexperiência com o linux me leva a este pensamento;




Uma partição “ext4” para o linux 4GB
Uma partição “swap” para arquivo de troca 500MB
Uma partição “fat32” para o windowsXp ou Vista 10GB
O restante para dados “fat32”

O problema é; poderão os dois SO acessar essa partição sem complicações?

Tipo; poderei manipular (escrever, copiar, colar, etc) os dados quando estiver com o linux

E poderei manipular os mesmos dados da mesma forma quando estiver com o Windows?

Qual a melhor forma ou caminho?

Tenho instalado: Linux Ubuntu 10.10 – Maverick Meerkat 32bits




7. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

8. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Willian
ThePinkShark

(usa Slackware)

Enviado em 01/02/2011 - 20:11h

Poderá fazer tudo o que faz num HD normalmente pelo Linux, eu realmente não recomendo o acesso a partições linux através do windows pois haverá necessidade de instalação de algum programas que reconheçam o formato das partições linux e normalmente tem um suporte precário e não existe até então o suporte a ext4 para windows, portanto o ntfs-3g seria a melhor alternativa.
Caso use fat32 ambos reconhecerão sem necessidade de programas adversos exceto apra as partições ext porém não vejo motivo plausível para o uso do fat32 no windows isso o tornaria instável ainda mais se tratando de versões acima do windows 2000, o windows deverá estar numa partição NTFS e o linux numa etx3,4,5,6,7,8,9... o swap normalmente é definido com o mesmo tamanho da memória RAM até 1GB de RAM após 1GB ele poderá ser definido como sendo qualquer valor acima de 256MB.


9. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Andre (pinduvoz)
pinduvoz

(usa Debian)

Enviado em 01/02/2011 - 20:11h

Windows Vista em apenas 10 GB?

Pela minha experiência é muito pouco. 15 GB no mínimo, sem instalar muitos programas. Já para o XP, 10 GB são suficientes.

Partições FAT32 para o Windows?

Não. Fique com o NTFS, que é mais seguro e totalmente suportado pelo Linux.





10. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Alexandre
s.arquivos

(usa Outra)

Enviado em 02/02/2011 - 10:24h

Então,

Como disse em tópico anterior, embora tenha o curso de Montagem e

manutenção, nunca tive coragem de atuar por medo de detonar

Computador alheio. Mas me enchi de coragem, e de cara uma “bomba”

Trocar a placa de um pc (desmontar, retirar o processador da placa defeituosa

e instalar na placa nova – pasta térmica e etc) um dos meu maiores medos.

O pc do camarada chegou cheio de WD na placa (é mole?...). Região de praia.

Não senti (sinceramente) firmeza no curso que fiz. Achei o Prof. muito fraco.

Meu segundo trabalho é mais leve, fazer limpeza geral no micro.

Mas enfim;

A postagem em questão é sob a ótica de um provável cliente, pois eu escolheria

ficar apenas com um SO. Todavia, o cabra pode querer ficar com os dois.

O amigo ai em cima disse:
“eu realmente não recomendo o acesso a partições linux através do windows pois haverá necessidade de instalação de algum programas que reconheçam o formato das partições linux e normalmente tem um suporte precário e não existe até então o suporte a ext4”

Por isso mesmo pensei:

Uma partição “ext4” para o linux 4GB
Uma partição “swap” para arquivo de troca 500MB
Uma partição “fat32” para o windowsXp ou Vista 10GB
O restante somente para dados em “fat32”

Onde as partições de 4 e 10GB respectivamente, não teriam a necessidade

de um ou outro SO invadir, pois seriam partições apenas para os SO de cada um,

e o restante (em fat32) ficaria como uma parte comum a ambos SO,

onde ambos poderiam escrever, copiar, colar, etc..

Sei que o fat32 é arcaico, mas é o único SA acessível à ambos SO

Também sei que o vista exige mais do hardware, a colocação é simbólica

mas agradeço o toque mesmo assim.

A dúvida é; poderão os dois SO acessar essa partição fat32 sem complicações,

E ambos SO manipular esses arquivos contidos nesta partição amigavelmente?

Qual a melhor forma de fazê-lo ou caminho?

Outra pergunta: como faço o dual boot Windows/linux?

Editei a inicialização assim:

[boot loader]
timeout=10
default=multi(0)disk(0)rdisk(1)partition(1)\WINDOWS
[operating systems]
multi(0)disk(0)rdisk(1)partition(1)\WINDOWS="Windows Xp" c:\windows
multi(0)disk(0)rdisk(0)partition(2)\WINDOWS="Linux Ubuntu" /noexecute=optin /fastdetect

Mas não funcionou por se tratar de inicialização do Windows.



Detalhes adicionais:

Esse programa “Ext2IFS_1_11a.exe” (que na verdade é um driver) cumpriu

o prometido, acessou os arquivos linux em ext2, mas somente para leitura




11. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

Alexandre
s.arquivos

(usa Outra)

Enviado em 02/02/2011 - 12:14h

Putz;

Desculpe tamanha ignorância.

Tive que rir comigo mesmo.

As vezes o negócio está tão na cara que não enxergamos.

Só faltou agora o Dual Boot...
como resolver?



12. Re: Escrever com windows no linux ou vice versa, pode estragar o HD? [RESOLVIDO]

j g meinhardt
meinhardt_jgbr

(usa Debian)

Enviado em 02/02/2011 - 13:11h

Ainda não cheguei ao ponto de usar apenas uma partição de dados tanto para windows como para Linux.
Com as distros atuais, já não tem sido necessário instalar nenhum pacote especifico como o ntfs-3g para ter acesso do Linux a partições windows, seja NTFS ou FAT32.

Ainda preciso manter um XP instalado em boot múltiplo com Linux, porque eventualmente e a cada dia menos, tenho que usar o windows. Por esta razão mantenho a primeira partição primaria (sda1 ou hda1) para o XP, formatada em NTFS. 15Gb são mais do que suficientes principalmente porque tenho os dados todos separados da partição "raiz" do XP.
Tenho ainda mais duas partições primárias (sda2, sda3 ou hda2, hda3) em ext3 com duas distros Linux instaladas. Na partição estendida (sda4 ou hda4), tenho duas partições de dados, uma para windows (que pode ser tanto NTFS como FAT32) e outra para o Linux (/home) em ext3 que são sda5 e 6 ou hda5 e 6. Além disto, tenho uma partiçãozinha de 128Mb para swap, também dentro da partição estendida, como sda7 ou hda7.

Desde o XP, não consigo ver nem o Linux (partições raiz das duas distros, nem a partição de dados (/home) do Linux. Desde o Linux entretanto, consigo ver, acessar , alterar, salvar, etc do windows XP.
Ainda não tenho confiança suficiente para usar ext4 para trabalho.



01 02



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts