Fedora 35 + KDE e "Nvidia Optimus" para notebooks híbridos.

1. Fedora 35 + KDE e "Nvidia Optimus" para notebooks híbridos.

Tiago
tigmor

(usa Slackware)

Enviado em 17/04/2022 - 21:50h

Pessoal, aqui vai uma pequena contribuição para quem tem notebooks hibridos com CPU + Placa Nvidia (Nvidia Optimus) e quer usar o Fedora 35 com KDE. No meu caso é um Intel + RTX 3050.

Esse procedimento não funciona como um prime switch ou algo assim. Ele troca a GPU (manualmente) que vai renderizar o sistema “permanentemente” e isso afeta o uso da bateria drasticamente. Então recomendo usar esse procedimento somente quando for usar o note ligado na tomada, caso contrário reverta os arquivos do final do procedimento para iniciar com a GPU Intel. Também recomendo sempre o monitoramente de temperaturas durante o uso intenso da GPU.

Mesmo com esses "pontos negativos", esse procedimento provavelmente é o que mais entrega performance nesse tipo de configuração. Claro, se comparando com as outras soluções como o optimus-manager para distros arch e etc.

Outro ponto é que este procedimento fuciona somente para X11 e não Wayland. Caso esteja rodando em Wayland (padrão do Fedora para o Gnome e KDE), não esqueça de alterar antes de iniciar o procedimento.

O primeiro passo na verdade é uma dica de um problema que eu tive. Seria inserir um comando no boot (e posteriormtente via grub) para imperir que a tela fica “travando” ou “piscando” . Basicamente é uma alteração para evitar conflitos de renderização da GPUs no notebook.

*Procedimento para o grub. Editar o arquivo:

sudo nano /etc/default/grub

Onde tem a linha, GRUB_CMDLINE_LINUX=, entre as aspas, inserir o parãmetro:

i915.enable_psr=0

e fazer o update do grub. No caso do Fedora rodar o comando:

sudo grub2-mkconfig -o /etc/grub2.cfg

se tiver EFI rodar:

sudo grub2-mkconfig -o /etc/grub2-efi.cfg

Caso não tenha problemas na tela pode pular este passo.

Para instalar os drives propietários Nvidia no sistema, siga os seguintes passos:

sudo dnf update

sudo dnf install dnf-plugins-core -y

*Importar os respositórios RPM Fusion:

sudo dnf install \
https://download1.rpmfusion.org/free/fedora/rpmfusion-free-release-$(rpm -E %fedora).noarch.rpm


sudo dnf install \
https://download1.rpmfusion.org/nonfree/fedora/rpmfusion-nonfree-release-$(rpm -E %fedora).noarch.rpm


sudo dnf update --refresh

sudo dnf install gcc kernel-headers kernel-devel akmod-nvidia xorg-x11-drv-nvidia xorg-x11-drv-nvidia-libs xorg-x11-drv-nvidia-libs.i686

sudo dnf install xorg-x11-drv-nvidia-cuda

Após este passo, aguardar entre 5 e 10 minutos para ir aos seguintes passos.

Rodar os comandos

sudo akmods --force
sudo dracut --force


Ambos devem retornar sem erros.

Aguardar 5 minutos e dar o reboot no sistema.

Agora ajustar o arquivo de display e X11 (neste caso se usa o sddm devido ao KDE) para iniciar com o a GPU Nvidia.

sudo cp -p /usr/share/X11/xorg.conf.d/nvidia.conf /etc/X11/xorg.conf.d/nvidia.conf

sudo nano /etc/X11/xorg.conf.d/nvidia.conf

e inserir o parâmetro

Option "PrimaryGPU" "yes"

e salvar o arquivo.

Editar o sddm com os seguintes parâmetros:

sudo nano /etc/sddm/Xsetup

xrandr --setprovideroutputsource modesetting NVIDIA-0
xrandr --auto


e salvar o arquivo.

Após isso, rodar o reboot e verificar se a Nvidia é GPU principal do sistema:

glxinfo | egrep "OpenGL vendor|OpenGL renderer"

O resultado dever ser algo assim:

OpenGL vendor string: NVIDIA Corporation
OpenGL renderer string: NVIDIA GeForce RTX 3050 Laptop GPU/PCIe/SSE2


Após isso, a GPU Nvidia deve ser a placa pimária do seu sistema.


  






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts