d-VOL from Scratch

1. d-VOL from Scratch

Diego Hernandes Soares Alves
diegohsa

(usa Arch Linux)

Enviado em 23/02/2009 - 10:20h

Olá galera, tive pensando um pouco aqui, uma coisa inovadora e na minha opinião anda em falta é uma distribuição ( não um livro ) que funcionasse da seguinte forma:

1) Os repositórios teriam apenas fontes.

2) O CD para ser distribuído, iria contar com um sistema básico temporário e grupos de sources, que seriam:
i) Sistema Básico;
ii) Suporte a Ambiente Gráfico;
iii) Suporte a Desenvolvimento;
iv) Suporte a Servidor;
v) outros não citados.

3) ao "bootar" pelo CD da distro, uma interface gráfica ( ou texto, que creio eu, o comunidade do VOL tem capacidade de construir uma bem feita ) iria, baseado nas configurações inseridas pelo usuário, compilar e instalar o sistema na maquina do usuário.

4) eu sei! iria demorar muito, mas dá pra fazer isso com interrupções, não sei se é uma boa escolha, opinem.

5) os grupos de sources iriam deixar de fora a questão de duas distros, seria uma distro muito mais flexível, além de não deixar o usuário preso a atualizações da comunidade ou a pacotes .DEB, etc.

6) podemos utilizar esta ideologia e também colocarmos suporte a instalação de pacotes pré-compilados.





  


2. Re: d-VOL from Scratch

João Gabriel
joao_15

(usa Arch Linux)

Enviado em 23/02/2009 - 10:44h

Acho até legal a distro compilar os fontes. Mas para a instalação em um cd acharia melhor os pacote virem pré-compilados, só no CD. Para ir mais rápido.

No caso da distro compilar automaticamente os fontes, poderia haver alguns problemas já que existem uns fontes que tem uma maneira diferente de ser compilados. Mas acho de suma importância de não se criar um novo tipo de pacotes, já chega. No "mercado" tem muitas variedades. Acho até que todas as distros deveriam usar somente um tipo de pacote.

vlw.



3. Re: d-VOL from Scratch

Joaquim pedro
osmano807

(usa Outra)

Enviado em 23/02/2009 - 10:58h

No CD deveria vir com as duas opções: compilado dos fontes e pacotes pré-compilados.
Poderia também mais para frente, se conseguir um servidor FTP, instalar direto do FTP.


4. Re: d-VOL from Scratch

Diego Hernandes Soares Alves
diegohsa

(usa Arch Linux)

Enviado em 23/02/2009 - 11:18h

Também acho fora de questão a criação de outra "raça de pacotes", quanto a utilizar um do mercado, acho que uma adaptação em um gerenciador de pacotes para que o sistema seja híbrido também seria um grande forte.

quanto aos erros, eu acho que dá pra fazer um instalador que leia um arquivo que incluiríamos em cada source.


ah, uma instalação via internet é uma boa opção.


5. Re: d-VOL from Scratch

João Gabriel
joao_15

(usa Arch Linux)

Enviado em 23/02/2009 - 11:49h

<citacao> ah, uma instalação via internet é uma boa opção. </citacao>

É sim. No Arch é assim, no LiveCd só vem o básico. O resto a gente baixa da internet. O resultado é um sistema que tem o que você quer...


6. Re: d-VOL from Scratch

Diego Hernandes Soares Alves
diegohsa

(usa Arch Linux)

Enviado em 23/02/2009 - 12:20h

outra vantagem de uma mídia com sources é o espaço, dá pra por muita mais programas em menos espaço!


7. Re: d-VOL from Scratch

Juliano Giacomeli
julianjedi

(usa Deepin)

Enviado em 23/02/2009 - 15:40h

Não creio muito na ideia de ter q baixar tudo da internet, deveria vir no cd um sistema básico, com a opção no instalador ou até no live-cd de escolher se quer usar com ou sem interface grafica, isso da liberdade tanto para inal users quanto para os geeks usar o sistema, e pelo menos o básico dos pacotes deveriam vir pré-compilados ou até pré-instalados =] é apenas minha humilde opiniao


8. Re: d-VOL from Scratch

Diego Hernandes Soares Alves
diegohsa

(usa Arch Linux)

Enviado em 24/02/2009 - 08:38h

A idéia de compilarmos tudo irá dar muito trabalho, porem eu acho que o nível de personalização seria muito melhor, caso não seja possível, eu opino por uma distribuição baseada no Debian!, pela estabilidade e um número de usuários muito maior.


9. idéia "meio doida"

Leandro Correa dos Santos
nukelinux

(usa Ubuntu)

Enviado em 25/02/2009 - 13:52h

Gosto da idéia de usarmos o Debian como base, mas independente da "distro pai" escolhida:

pensei no seguinte:
a instalação de pacotes através de um sistema modular (ex: slax) parece ser uma solução bem flexível. os pacotes de qualquer formato são convertidos em módulos e instalados em uma pasta específica (ex: /modules). Isso torna simples o gerenciamento do sistema.

As ferramentas de gerenciamento de pacotes possuem muitas funcionalidades úteis (ex: o apt possui uma grande variedade de funções, como o apt-build que compila fontes e cria pacotes .deb, entre outros...)

A idéia é: Usarmos as duas formas de gerenciamento de pacotes. Não sei se isso é possível, mas pensem da seguinte forma:
Supondo que a base do sistema seja Debian, poderemos utilizar os pacotes .deb normalmente, mas se desejamos instalar um pacote fonte que não se encontra no repositório, então o gerenciador de pacotes irá compílar o pacote-fonte e converter em um módulo e assim realizar a instalação.

Não sei se isso é possível mas daria maior flexibilidade ao sistema
O que vocês acham?


10. Re: d-VOL from Scratch

Joaquim pedro
osmano807

(usa Outra)

Enviado em 25/02/2009 - 14:23h

Boa idéia desse /modules. Talvez configurando os pacotes DEB para instalar no /modules. Já pensou: /modules/bind, /modules/squid.
Uma maravilha!
E os arquivos no /bin seriam links para os originais em cada pasta separada


11. Re: d-VOL from Scratch

anna kamilla
annakamilla

(usa Debian)

Enviado em 25/02/2009 - 14:39h

seria legal, a customização poderia ser por debian pure blens como ja foi falado.




12. artigo

Juliao Junior
juliaojunior

(usa Debian)

Enviado em 28/02/2009 - 01:58h

sugiro que leiam o artigo http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Debian-Pure-Blends-DVOL/



01 02



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts