Dilema para criar o primeiro jogo

1. Dilema para criar o primeiro jogo

MajikkuMausu
majikkumausu

(usa XUbuntu)

Enviado em 22/04/2013 - 08:16h

Meu sonho era criar um jogo, e ainda mais um jogo que fosee para tanto Linux quanto para Windows, só que não me dou bem com programação. Há um programa jogos de forma bastante fácil e prática, chamada Construct Classic. Além de ser gratuita, também é opensource. O problema é que ele só funciona no Windows e só criar jogos que usam DirectX9. O Construct Classic roda bem via Wine, com um ou outro bug, mas ainda é usavel.

Meu dilema bate com os ideiais do Movimento Linux. Um jogo para Linux deveria, além de rodar nativamente para ele, ser também livre de qualquer patente proprietária, e o DirectX, da Microsoft, obviamente não é livre. Gostaria de arranjar alguma solução para isso, há outros programas para criar games no Linux, mas nenhum deles chega a ser tão simples e prático quanto esse programa.


  


2. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

Estefanio Brunhara
stefaniobrunhara

(usa CentOS)

Enviado em 22/04/2013 - 09:02h

Se você gosta, não existe trabalho e nem dificuldades, arregace as mangas e aprenda programação, nada impede de você iniciar no Windows, uma vez que desenvolvimento tem varias etapas, você pode usar o Windows, fazendo a parte logica e funcional do seu jogo, e enquanto isto vai estudando programação um dia, você conclui seu projeto.




3. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

ian cléver sales fernandes
ianclever

(usa Arch Linux)

Enviado em 22/04/2013 - 09:18h

majikkumausu escreveu:

Meu sonho era criar um jogo, e ainda mais um jogo que fosee para tanto Linux quanto para Windows, só que não me dou bem com programação. Há um programa jogos de forma bastante fácil e prática, chamada Construct Classic. Além de ser gratuita, também é opensource. O problema é que ele só funciona no Windows e só criar jogos que usam DirectX9. O Construct Classic roda bem via Wine, com um ou outro bug, mas ainda é usavel.

Meu dilema bate com os ideiais do Movimento Linux. Um jogo para Linux deveria, além de rodar nativamente para ele, ser também livre de qualquer patente proprietária, e o DirectX, da Microsoft, obviamente não é livre. Gostaria de arranjar alguma solução para isso, há outros programas para criar games no Linux, mas nenhum deles chega a ser tão simples e prático quanto esse programa.


estou começando a ver programação agora, mas pelo que já conheço, se você não souber programar, não vai conseguir fazer algo bom de verdade, pois todo programa criado para automatizar algo já teve alguem que o programou para isso e nem sempre essa pessoa usa o melhor caminho para fazer isso, alguns usam gambiarras, que funcionam mas não fica bom, e isso em um jogo de grandes proporções pode ser crucial, sem contar que pelo que você falou esse programa é para criar jogos para Windows, portanto o melhor mesmo é aprender a programar, mas não basta só isso, para ser um bom desenvolvedor GNU/Linux vc precisa conhecer profundamente as variáveis e bibliotecas de ambiente, visto isso o resto vai de sua criatividade.


4. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

ian cléver sales fernandes
ianclever

(usa Arch Linux)

Enviado em 22/04/2013 - 09:26h

A... não sei se voce conhece, mas no GNU/Linux temos o blender 3d que tanto cria objetos 3d como também cria jogos é concorrente direto da engine Unity, se quizer conhecer basta caçar ai nos repositórios esse é nativo GNU/Linux.
Sem falar que tem uma documentação muito boa, vc encontra tutoriais e vídeos fácil fácil.


5. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 22/04/2013 - 10:20h

Não sei que tipo de jogos você deseja desenvolver.
Para os que requerem ambientes (cenários) ou engines, já existem alguns prontos nos repositórios do Ubuntu, por exemplo, e que são open source.
Nesse caso, você entraria com a idéia e o código principal, aproveitando esses ambientes predesenhados e os mecanismos necessários, que são em geral 90% do trabalho bruto.
Os jogos modernos usam códigos imensos, exatamente por causa desses detalhes e da necessidade (obrigatoriedade?) de se usar uma interface gráfica.
Para portabilidade, Java seria uma linguagem a ser considerada.
De qualquer forma, não basta "enfileirar comandos" para fazer um programa: Uma boa noção do que cada comando desses representa, é indispensável.
Para chegar lá, precisa de prática, e essa somente se adquire praticando.
Se você porventura chegar à conclusão de que seu projeto atual é ambicioso demais, mesmo assim não desista, pois os grandes resultados somente são conseguidas através de esforço e perseverança, qualidades que um programador não pode jamais desprezar.


6. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

Alex Fernando Ferreira
staltux

(usa Slackware)

Enviado em 23/04/2013 - 07:13h

realmente falta uma ferramenta dessa pra linux
Eu ja pensei diversas vezes em desenvolver uma, porem sozinho fica dificil, bom, não necessariamente dificil, mas muito demorado
Mesmo com um estudo basico (tecnico + faculdade) a coisa não se torna simples, é como o Teixeira falou, não é só enfileirar codigos...
Mas um dia chego lá...


7. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 23/04/2013 - 19:31h

Existe a possibilidade de fazer longos programas tipo adventure, baseados em texto interativo, que não precisarão de bibliotecas extensas nem nada.
O problema é que esse tipo de programa já caiu em desuso, e para desenterrar essa técnica, tem de ter muita inventividade mesmo.
O "Tourist Trap" (Sinclair), dá uma boa idéia do que pode ser feito:
Um turista (você) tem uma determinada quantia em dinheiro, e proõe-se a conhecer determinada cidade ou a assistir a um determinado espetáculo em algum lugar remoto.
Então o turista terá de pagar passagens, comprar ingressos, bem como terá também a oportunidade de ganhar algum dinheiro para realimentar o seu "caixa".
Também passará por situações onde terá de perder algum (ou todo) dinheiro.
Poderá pegar ônibus errado, ser assaltado, chegar fora do horário, etc.
A coisa prossegue até que o tal turista, depois dessa odisséia toda, chegue finalmente ao seu destino.
Então, o programa poderia ser auxiliado por algumas imagens bonitas.
O mais parecido com isso são os antigos Carmen San Diego e Pokémon (que no entanto têm animações, diferentemente do Tourist Trap, que é texto puro).
O interessante é que um programa assim deve ter - embora veladamente - a sua parte educativa, ajudando a desenvolver o raciocínio e a resolver problemas práticos do dia a dia, como lidar com operações aritiméticas, conhecimentos de geografia, história, segurança, economia básica, etc.
Programar jogos requer uma boa idéia na cabeça, conhecimento e perseverança.
Um criança para fazer "crash tests" do programa será de muita ajuda.
Crianças detonam tudo sem remorso algum, e isso é ótimo para ajudar a depurar o código.


8. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

Relsi H. Maron
relsi.ramone

(usa Ubuntu)

Enviado em 25/04/2013 - 10:58h

majikkumausu escreveu:
Meu sonho era criar um jogo, e ainda mais um jogo que fosee para tanto Linux quanto para Windows, só que não me dou bem com programação.


Infelizmente sem programação tu não vai conseguir algo legal, ou melhor, até pode, mas com mais dificuldade. Hoje em dia com as engines que existem disponíveis (como a Blender Game Engine que um colega mencionou), fica fácil para um iniciante começar a programar seus jogos sem um conhecimento avançado de programação, já outras requerem um pouco mais de conhecimento, mas nada que um pouco de estudo não resolva. E também não há necessidade de se prender no mundo C/C++, pois (o que assusta muitos aspirantes), tu pode desenvolver um jogo em qualquer linguagem.


Há um programa jogos de forma bastante fácil e prática, chamada Construct Classic. Além de ser gratuita, também é opensource. O problema é que ele só funciona no Windows e só criar jogos que usam DirectX9. O Construct Classic roda bem via Wine, com um ou outro bug, mas ainda é usavel.


Pra linux, existe uma ferramenta chamada Game Developer (é multi-plataforma na verdade), ela é bem semelhante ao Construct, porém creio que não gere jogos em HTML5 como o Construct, mas merece uma boa olhada:

http://www.compilgames.net/


Meu dilema bate com os ideiais do Movimento Linux. Um jogo para Linux deveria, além de rodar nativamente para ele, ser também livre de qualquer patente proprietária, e o DirectX, da Microsoft, obviamente não é livre. Gostaria de arranjar alguma solução para isso, há outros programas para criar games no Linux, mas nenhum deles chega a ser tão simples e prático quanto esse programa.


Realmente, nesse caso tem que meter a mão no código. Existem ferramentas como a Unity3D (http://unity3d.com) que geram código nativo para linux, porém para desenvolver tem que usar o Windows ou Mac, mas eles estão trabalhando bem essa parte de suporte ao linux, quem sabe no futuro não tenha um SDK nativo também, eu to acompanhando la o trabalho deles, é uma ferramenta fantástica para desenvolvimento visual de jogos (mas tem que programar).

Do jeito que tu quer, eu só conheço a Game Developer mesmo, mas sugiro também que tu de uma olhada na Blender Game Engine, como o colega ja havia sugerido.

Um abraço, boa sorte, e siga em frente.








9. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

Rodrigo Brzoski
brezo

(usa Slackware)

Enviado em 25/04/2013 - 12:26h

se quiser para pequenos jogos
http://www.stencyl.com/


10. Flash ainda é um recurso proprietário

MajikkuMausu
majikkumausu

(usa XUbuntu)

Enviado em 26/04/2013 - 13:33h

brezo escreveu:
se quiser para pequenos jogos
http://www.stencyl.com/


Verdade, o Stencyl tem uma versão para Linux e é uma boa ferramenta, mas ainda dá na mesma. Isso porque ele exporta, na versão gratuita, para Flash e, se for arquivo de desktop, só para Windows também. Como sendo ambos proprietários...

Mesmo assim, obrigado pela sugestão :)




11. Re: Dilema para criar o primeiro jogo

MajikkuMausu
majikkumausu

(usa XUbuntu)

Enviado em 26/04/2013 - 13:34h

estefaniobrunha escreveu:

Se você gosta, não existe trabalho e nem dificuldades, arregace as mangas e aprenda programação, nada impede de você iniciar no Windows, uma vez que desenvolvimento tem varias etapas, você pode usar o Windows, fazendo a parte logica e funcional do seu jogo, e enquanto isto vai estudando programação um dia, você conclui seu projeto.



Obrigado. Talvez possa fazer esse primeiro jogo pro Windows e quando tiver mais conhecimento em programação, posso fazer para mais plataformas. :)


12. Para esclarecer...

MajikkuMausu
majikkumausu

(usa XUbuntu)

Enviado em 26/04/2013 - 13:52h

Bem, antes peço-lhes desculpas pelo post triplo, minha intenção era de responder cada um indivudualmente. ^^;

Obrigado pelo suporte dos meus novos amigos, a comunidade daqui é bem amigável. :) Deixe-me ver se consigo ser mais claro agora. Minha intenção era criar um jogo de plataforma/ação, em 2D. Pelo que vi, há como criar jogos em 2D em programas como Blender, mas seria mais prático em editor feito para jogos 2D mesmo.

Programação é essencial, verdade, embora que, além de ser uma pessoa acostumada em criar os códigos no estilo "Clica e Arrasta" (Multimedia Fusion, Construct entre alguns outros.), também o jogo que estou fazendo é um "projeto solo". Digo, o jogo é ideia minha, faço principalmente os gráficos, sprites, cenários... Programas como Construct Classic ajudam muito, economiza as dores de cabeça e, como disse, é bem prático e divertido de se usar.

Claro, trabalhar em grupo é melhor, mas não poderia pedir ajuda de alguém para trabalhar na programação... 0////0 Digo... Seria bom, de verdade, mas tenho meus receios...

No momento ainda estou trabalhando no jogo que mencionei, tenho um vídeo com o primeiro "alpha" dele: https://www.youtube.com/watch?v=7SOoK9h_1qY Não é grande coisa, é só para testar os movimentos da personagem. Inclui o link para baixar o "alpha" e também o arquivo editável do Construct Classic, se alguém estiver interessado. Roda bem no WINE, só precisa do DirectX. Mas, fora o DirectX, o jogo é quase todo livre de material proprietário.

Obrigado à todos, e peço desculpas por qualquer incômodo. :) Estou ansioso para ouvir mais respostas.



01 02



Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts