Crescimento do Linux

1. Crescimento do Linux

marilson medim braga junior
juniormedim

(usa Ubuntu)

Enviado em 31/08/2010 - 01:07h

Pessoal queria saber a opnião de vcs , o que vcs estão achando do grande crescimento que as fistribuições linux estão tendo nestes ultimos anos desde que ele começou a ser levado a serio em 1996 ?


  


2. Re: Crescimento do Linux

Andre (pinduvoz)
pinduvoz

(usa Debian)

Enviado em 31/08/2010 - 01:20h

O Linux cresce, mais cresce devagar. Não há e não houve um "boom" no uso do Linux, embora ele tenha sido amplamente prometido quando do lançamento do Windows Vista (em vez de mudar para Linux, o pessoal continuou no Windows XP).

O que interessa é que o Linux está cada vez melhor no software (vcs lembram que a navegação na internet era diferente até bem pouco tempo atrás, pois as transparências do Adobe Flash não funcionavam e deixavam muitos sites inúteis) e no reconhecimento de hardware (wifi agora não chega a ser problema), e fica mais fácil de usar a cada versão lançada das principais distros.

Vamos crescer, disso estou certo. Mas nosso crescimento é, e será no futuro próximo, no modelo "devagar e sempre".


3. Re: Crescimento do Linux

Clodoaldo Santos
clodoaldops

(usa Linux Mint)

Enviado em 31/08/2010 - 01:32h

uso linxu há apenas 2 anos...comecei com ubuntu 8.04.

qdo "descobri" o distrowatch fiquei "perplexo" com o número de distros existentes

pois a maioria do winusers como eu acha que linux era um só com o windows

e esse gde numero de distros tem um ponto "negativo": novatos ficam perdidos em qual distro escolher

a diversidade é reflexo da liberdade , mas isso é "ameaçador" p/ os "escravos do windows" que sentem temor em se libertar e experimentar "algo novo" pelo simples medo do desconhecido.

distros faceis de usar como ubuntu e linuxmint "ganham o mundo" pois aprenderam a romper essa barreira


4. Re: Crescimento do Linux

Arthur Damasceno de Andrade
Arthur Andrade

(usa Debian)

Enviado em 31/08/2010 - 01:40h

Isso até a gente perceber que a maioria das distros são muito similares. São "poucas" distros que tem diferenças relevantes de uma para outra. =D
Mas de todo geito, para um WinUser, a grande quantidade de distros é um ponto bem negativo. E mesmo com o grande crescimento dos usuários Linux, a coisa mais comun do mundo é alguem chegar na sua casa e não saber entrar na internet porque o ícone do navegador fica em cima. --'


5. Re: Crescimento do Linux

Douglas Giorgio Fim
douglas.giorgio

(usa Fedora)

Enviado em 31/08/2010 - 02:05h

antes o linux era coisa rara, hj em dia todo mundo em TI ja ouviu falar sobre linux, quem é de TI e não sabe oq é linux é totalmente desatualizado e ignorantemente burra em TI ou preguiçoso em relação a de buscar informação


6. Re: Crescimento do Linux

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 31/08/2010 - 09:10h

As distribuições linux se alastram com excessiva velocidade, de forma lateral e em grande quantidade, o que a meu ver não contribui para uma boa divulgação. Pelo contrário, para o novato isso mais parece um cipoal de diversidades, e não um produto que irá ajudá-lo em alguma coisa.

Vejo com bons olhos que Linux hoje em dia é bastante amigável para um estreante, para alguém que deseja migrar ou simplesmente experimentar.

Por outro lado, também acho que qualquer profissional de TI que não conheça e não tenha desenvoltura em Linux equivale a um Contador (Bacharel em Ciências Contábeis) que conhece apenas os "Débitos" mas não sabe o que são os "Créditos".

E aproveitando o gancho, ontem no programa "CQC" foi noticiado que na cidade de Alumínio (SP) a prefeitura adotou um sistema de apostilas que contém erros. Isso é o tema geral da reportagem.
A prefeitura alega que a adoção do sistema de apostilas foi feito através de licitação pública, e foi aprovada a proposta de menor preço. O programa ponderou que utilizar os livros do MEC sairia de graça, e aquela prefeitura rebateu alegando a demora do MEC em fornecer o material.
Mas o que me chamou a atenção é que a professora de informatica reclamou que a apostila veio falando de "Linux" mas que a prefeitura adota "outro" sistema operacional e que enfim Linux não interessaria ao curso de informática naquela cidade ou especificamente àquela escola.

Significa isso que os próprios governos não vem cumprindo aquilo que deveriam cumprir, ou seja, continuam gastando rios de DINHEIRO PÚBLICO em coisas desnecessárias. No caso, tanto as tais de apostilas quanto a preexistência de um sistema operacional proprietário e fruto de monopólio internacional e pelo qual foi pago o preço de tabela, ou sem licitação, ou com licitação viciosa, já que não há nenhum outro produto COMERCIAL equivalente.
Observe-se também o despreparo da professora de informática quanto a esse assunto. Está faltando simplesmente um pouquinho de atualização, porém nota-se que muitos não querem se dar ao trabalho de atingir esse "pouquinho".


7. Re: Crescimento do Linux

Alberto Federman Neto.
albfneto

(usa Sabayon)

Enviado em 31/08/2010 - 09:29h

acabei de responder em outro topico, os micros virem com linux, e boa ideia, divulga, mas enquanto, mesmo com Mandriva que e bom, os fabricantes e os vendedores nao configurarem esse linux direito, nao vai!

O usuario leigo em linux,liga o micro novo e ve, nao um X bonito,com compiz, mas um Bash de comando, ai o cara assusta, ai nao da... Isso depoe contra Linux!

a impressao que da e que esses linux foram instalados na fabrica, por winuser que nao sabe configurar Linux!

Crescimento tem, mas devagar, certas inciativas soa otimas, governos, prefeituras, empresas, usarem linux e bom, mas tem que mostrar Linux funcionando!

Agora.. teixeira, ouvir um professora dizer que Linux nao interessa para um curso de informatica, e lamentavel!


8. Re: Crescimento do Linux

Sergio Teixeira - Linux User # 499126
Teixeira

(usa Linux Mint)

Enviado em 31/08/2010 - 09:46h

Pois é.
Paira no ar a dúvida se não interessa PARA ELA ou se não interessa para o município que antecipadamente já "forrou" a rede municipal com software proprietário sob aquelas alegações que a gente já conhece muito bem...


9. Crescimento do Linux

Edwal F. Paiva Filho
nicolo

(usa Ubuntu)

Enviado em 31/08/2010 - 14:16h

Nos últimos 7 anos o linux passou de algo como 2.2 para 4.8%. Mixuruca.
O Win 7 cresceu 17% na fatia global em seis meses.
Qualquer dia vou surtar e publicar o artigo que já escrevi explicando "porque o Linux não decola", e se continuar teimando na abordagem para conquistar o publico vai continuar uma "coisa de maluco para maluco" pela eternidade.
Não publiquei ainda por medo de ser linchado.


10. Re: Crescimento do Linux

Joao
stack_of

(usa Slackware)

Enviado em 31/08/2010 - 18:54h

Nos dias atuais muitos, se nao a maioria, dos dispositivos com SO embarcado utilizam Linux. Quantos usuários domésticos possuem um modem ADSL com SO Linux para se conectar à Internet? Não quero nem mencionar os smartphones. Quantos servidores web rodam sobre o Linux?
O Linux cresceu de maneira invisível. Hoje o desenvolvimento do kernel interessa a um número crescente de empresas. O Linux deixou de ser brincadeira de geeks há muito tempo.
Na computação pessoal continua muito atraz do sistema da Microsoft. As perspectivas futuras são uma incógnita nesse segmento.






Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts