Limpar o histórico dos documentos recentes do Ubuntu 11.10

Publicado por Edson G. de Lima (última atualização em 04/11/2011)

[ Hits: 21.983 ]

Download clean_doc.sh

Download clean-doc.sh (versão 2)




Script para limpar o histórico dos documentos recentes do Ubuntu 11.10.

1 - Privacidade é algo importante;
2 - Fiz para uso pessoal e está funcionando;
3 - Não encontrei uma ferramenta pronta no Ubuntu 11.10;
5 - Salve na pasta do usuário e dê permissão para execução (chmod +x); e
6 - Se quiser melhorar o script, vá em frente e disponibilize para a comunidade.

  



Versões atualizadas deste script

Versão 2 - Enviado por Edson G. de Lima em 27/10/2011

Changelog: 1- Colocados os redirecionamentos em linhas diferentes; e
2- Matando o processo de gravação do histórico de forma transparente.

Download clean-doc.sh


Esconder código-fonte

#!/bin/bash

dialog --msgbox "Script para limpeza do histórico de documentos recentes." 7 60
dialog --yesno "Deseja limpar histórico de documentos recentes?" 7 50
if [ $? = "0" ]; then
   rm -f ~/.local/share/recently-used.xbel
   sudo touch ~/.local/share/recently-used.xbel
   sudo chmod 400 ~/.local/share/recently-used.xbel
   sudo chattr +i ~/.local/share/recently-used.xbel
   rm -f ~/.local/share/zeitgeist/activity.sqlite
   dialog --msgbox "O histórico será limpo após encerrar esta sessão." 7 70
else
   dialog --msgbox "Sainda sem fazer nada..." 7 50
fi
dialog --yesno "Deseja interromper o programa de gravação do histórico?" 7 70
if [ $? = "0" ]; then
   ps -ax | grep zeitgeist-datahub > /tmp/meu_script | grep ? /tmp/meu_script > /tmp/meu_script2 | cut -d" " -f2 /tmp/meu_script2 > /tmp/meu_script3 | cat /tmp/meu_script3
   dialog --msgbox "Use o comando kill para matar o processo: `cat /tmp/meu_script3`" 7 70
else
   dialog --msgbox "Ok, execute o script ao final da seção para limpar o histórico." 7 70
fi
rm -f /tmp/meu_scrip*

Scripts recomendados

Pegando as informações do usuario

Script para listar arquivos, diretórios e uso do espaço em disco destes

Instalar temas do Windowmaker

Script para screenshots

Calculadora simples


  

Comentários
[1] Comentário enviado por wadilson em 25/10/2011 - 11:31h

Há uma solução mais limpa e fácil e ainda totalmente customizável! Não preciso apagar todo o histórico por causa de um arquivo comprometedor.

Edson, eu tive problemas no Ubuntu, a partir da versão 11.04, pois quando abrimos o Dash no histórico apareciam arquivos que não queremos que outros vejam (claro, aqueles arquivos...)
Encontrei a solução somente em sites em inglês. Há uma maneira de controlar o Zeitgeist, o histórico de arquivos e programas do Ubuntu. Aqui vai:

Vários sites, como o OMGUbuntu, dão a dica completa, eu instalei e roda perfeitamente bem.

Activity Log Manager é uma interface gráfica que permite o controle simples do que fica logado pelo Zeitgeist.

Pode ser configurado de acordo com vários critérios, como aplicações específicas, tipo de arquivo ou pastas, interrompendo o login ou deletando os eventos no Journal (Diário de Atividades)

Instale Zeitgeist e Activity Log Manager for Zeitgeist no Ubuntu usando o PPA

Abra o Terminal e digite os comandos:
--------------------------------------------
sudo add-apt-repository ppa:zeitgeist/ppa

sudo apt-get update

sudo apt-get install zeitgeist activity-log-manager
--------------------------------------------
Se não estiver já instalado, instale o Diário de Atividades pela Central de Programas.

Eu escolhi, por exemplo, nunca mostrar no histórico arquivos de qualquer tipo de uma determinada pasta.
No entanto, os arquivos que já estavam lá continuarão aparecendo. Para apagar esses registros antigos, abra o Diário de Atividades (Gnome-activity-journal) e apague esses registros.
Depois disso, com o Activity Log Manager configurado, os arquivos ou pastas que vc escolheu não irão mais aparecer no histórico.

Se tiverem dúvidas, procurem por Activity Log Manager ou Activity Journal

Saudações



[2] Comentário enviado por daemonio em 26/10/2011 - 23:17h

Boa Edson.. estava precisando disso mesmo.

Ah... é possível também deletar arquivos individuais do histórico sem precisar deletá-lo por completo (como mencionado pelo wadilson).
Uma pequena noção de XML já ajuda nesse caso.


Muito bom script Edson, e valew pela dica ai wadilson.
t+

[3] Comentário enviado por d3ividp em 27/12/2011 - 12:41h

Edson, gostei da ideia do script, porém acho que o comando para criar o arquivo não poderia ser com "sudo", pois deste modo inutiliza o histórico. Uma vez que o dono do arquivo será o root o usuário "comum" não conseguirá mais escrever no arquivo.

Na verdade, no meu caso, depois que rodei o script o arquivo "recently-used.xbel" ficou "bloqueado", nem o root consegue mais fazer nenhuma alteração! Ou seja, o histórico parou de funcionar :(

[4] Comentário enviado por d3ividp em 27/12/2011 - 13:23h

Desculpa, corrigindo minha observação anterior: o histórico ficou "bloqueado" por causa do comando "chattr". Então, o "bloqueio" que me referi antes foi proposital. A observação fica por conta que o script não limpa apenas, e sim limpa e desabilita, pois o atributo do arquivo responsável pelo histórico foi mudado para "imutável".
Referência:
http://askubuntu.com/questions/82584/prevent-gnome-shells-dash-from-listing-recent-items
http://knezevblog.blogspot.com/2010/05/how-to-ubuntu-clear-and-disable-recent.html

[5] Comentário enviado por removido em 17/04/2012 - 13:51h

Vale lembrar também (pra quem não tem a ferramenta dialog, como eu não tinha) que antes de executar, tem que baixar a ferramenta dialog, assim:
apt-get install dialog
Ai sim executar.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts