Usando o dicionário ispell

Publicado por Roberson Carlos em 08/12/2004

[ Hits: 7.604 ]

Blog: http://carlrobers.wordpress.com

 


Usando o dicionário ispell



Muitas vezes quando estamos escrevendo algum documento, por falta de atenção deixamos escapar alguns erros de ortografia, para que seja sanado esta falha humana, no Linux nós temos o ISPELL, ele é um programa que captura o conteúdo de um arquivo e logo em seguida analisa-o, fazendo comparações a partir de um dicionário que fica dentro do diretório /usr/lib/ispell/, caso ele encontre alguma palavra desconhecida no documento, ele solicita ao usuário que repare o erro.

Antes de iniciar a verificação de erros, você deve se certificar que o ispell esteja instalado, caso contrário, instale-o. Ele pode ser facilmente encontrado no site www.rpmfind.net.

A sintaxe para a verificação é a seguinte:

$ ispell documento.txt

Após se fazer isto será aberta uma janela onde você deverá fazer as substituições como achar melhor.

Quando o ispell encontrar alguma ocorrência que ele julgue incorreta, ele mostrará uma série de palavras iniciadas por um valor numérico, você deverá digitar o número que corresponde a forma correta da palavra, também pode acontecer casos em que ele irá julgar a palavra erraticamente, basta pressionar a tecla A para ignorar a sugestão que ele oferece.

Caso você queira substituir uma palavra errada por outra correta, como 'VOCê' por 'você', então pressione a tecla R e escreva a palavra corretamente.

Caso o interesse seja adicionar ao dicionário do ispell uma palavra, pressione a tecla I e escreva a palavra.

Outras dicas deste autor

Kismet + Gkismet no Slackware

Meet The Gimp - Baixando os videocasts do site

Songbird não inicia - Could not initialize GStreamer

Kismet em modo monitor

Problemas de falta de pacotes resolvidos com o aMule

Leitura recomendada

Rsyslog - Gravando os logs do syslog em um banco de dados

Wireless Atheros no OpenSuSE com Madwifi simplificado

Utilizando aplicativos do VI (editor)

DL0003 - LPIC-1 - Prova 101 - Continuando o tópico 101: Arquitetura de Sistema

Fedora Directory Server

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário