Teclados USB, entradas USB 1.1 e Linux: a saga chega a seu fim!

Publicado por Bryan Garber da Silva em 14/04/2008

[ Hits: 4.483 ]

 


Teclados USB, entradas USB 1.1 e Linux: a saga chega a seu fim!



Olá!

Hoje eu venho com uma ótima notícia para aqueles que tiveram problemas como o meu. Num artigo que publiquei aqui no VOL, eu apresentei uma solução ao problema de IRQ #11 Disabled do kernel, para as entradas USB 1.1. Por algum motivo misterioso, o kernel desabilitava as interrupções de USB e meu teclado não funcionava corretamente. Enfim, não vou expôr a história inteira aqui, já que pode ser lida no artigo.

A boa notícia é que a nova versão do kernel, a versão 2.6.24, corrige este problema! Nesta versão, os caras que mantém o kernel jogaram bastante coisa antiga fora e reescreveram boa parte do código. Agora, as portas USB 1.1 funcionam corretamente e o kernel não desabilita as interrupções, mantendo o teclado funcionando perfeitamente!

Portanto, aqui está minha dica: usem o kernel 2.6.24. Realmente, fizeram um ótimo trabalho, até o desempenho da máquina ficou melhor com relação às versões anteriores.

Espero que tenha ajudado a muita gente,
Bryan Garber da Silva

Outras dicas deste autor

Corrigindo acentuação no gnome-terminal

Teclado USB + Grub

Rhythmbox + músicas M4A (AAC) no Ubuntu

Recuperando posição do cursor na última linha editada no VIM

Abiword, a alternativa GTK ao OpenOffice

Leitura recomendada

Linux KNOPPIX!, não precisa instalar... é só baixar e usar!

KDE 4.X - Resolvendo problema de instabilidade no som

Conky: Caracteres estranhos ao invés de cedilha e símbolo de grau?

Economizando espaço nos seus screenshots

Aumentando (bastante) o desempenho dos processos

  

Comentários
[1] Comentário enviado por bryan em 28/03/2009 - 15:40h

Informo que o problema voltou a ocorrer, mesmo com o kernel 2.6.24. Por alguma ironia do destino, ele passou um tempão sem ocorrer e, de repente, voltou. Acho que vou instalar Linux 2.4 na minha máquina, que, pelo que eu me lembre, funciona tranqüilo. Pretendo pegar os fontes do kernel para alterar, qualquer dia desses e fazer um workaround para esse problema, mas quando a faculdade der uma folga... ;-) Foi mal aí para o pessoal que tinha alguma esperança de que estivesse realmente corrigido.



Contribuir com comentário