Squid - Como ver sites quebrados

Publicado por Phillip Vieira em 10/04/2012

[ Hits: 5.124 ]

 


Squid - Como ver sites quebrados



Bom, em várias ajudas no fórum aqui do VOL, vi que tem muitas pessoas com dúvidas quanto a sites 'quebrados' quando utilizam o Squid.

Isto ocorre porque muitos dos sites buscam suas imagens, vídeos ou qualquer outro conteúdo de outros sites.

Sendo assim, você precisa liberar estes conteúdos também. Para isto, devemos liberar o site em questão (óóóó) e também, o site do conteúdo.

Um simples comando basta:

# tail -f /var/log/squid3/access.log | grep host_de_origem | grep DENIED

Onde 'host_de_origem', significa o IP de sua estação local.

Ou seja, o 'tail' (que mostra as 10 últimas linhas de um arquivo) combinado com o parâmetro '-f', que faz o 'tail' acompanhar cada linha acrescentada ao arquivo, lê todos os Logs em tempo real do arquivo de Log do Squid (no caso, o "access.log").

O comando 'grep', serve para filtrar o que você busca, neste caso, o site que aparece quebrado, e o que mais estiver sendo bloqueado.

Lembre-se, o segundo comando 'grep' deve conter o 'DENIED' em maiúsculas, pois no Log do Squid, é assim que ele se apresenta, ou então, você pode inserir o parâmetro '-i' para que ele não faça distinção de maiúsculas ou minúsculas.

Vale lembrar que, quando realizar este procedimento, acesse apenas o site que você quer descobrir, evite outros sites para evitar a poluição visual.

E claro, após descobrir, libere o site de onde vem o(s) conteúdo(s) e teste.

Outras dicas deste autor

Ferramentas para o dia a dia

Desligando o Linux com mensagem personalizada

Exibir mensagens no terminal com FIGlet

Qual é o meu hardware?

Debian - Criando seu próprio Sources.List

Leitura recomendada

Reduzindo ruídos no Audacity

Instalando Google Chrome no Ubuntu 17.10

Disponível a versão 0.2 do X-Money!

Firefox e multimídia / som

Usando dicionários temáticos no BrOffice.org

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts