Slingshot Launcher no Ubuntu

Publicado por Bilufe em 27/10/2013

[ Hits: 8.748 ]

Blog: https://www.vivaolinux.com.br/~bilufe

 


Slingshot Launcher no Ubuntu



O Slingshot Launcher é o lançador de aplicativos do Pantheon Shell, usado na distribuição Linux elementary OS.

Para ter o Slingshot Launcher no Ubuntu, basta adicionar a fonte de software abaixo e atualizar a lista de pacotes (que ocorre ao executar o Atualizador de Programas):

ppa:elementary-os/daily



Se você tem intimidade com o terminal, poderá executar os comandos abaixo para adicionar a fonte de software que permitirá instalar o Slingshot Launcher:

sudo apt-add-repository -y ppa:elementary-os/daily
$ sudo apt-get update


Depois de habilitada a fonte de software, basta instalar o pacote Slingshot Launcher na Central de Programas ou ainda, executar o comando:

sudo apt-get install slingshot-launcher

Por último, crie um lançador para o aplicativo e fixe-o na barra lateral do Ubuntu.

Linux: Slingshot Launcher no Ubuntu



Dica também publicada em:
Outras dicas deste autor

Coleção de paletas para sK1, Inkscape, Krita, Gimp e outros softwares artísticos

Scan Tailor - pós-processamento de páginas digitalizadas

Shockweaver - IDE para desenvolvimento em Flash

Writer's Cafe - Software para reunir suas idéias

Rainlendar - Calendário para o desktop

Leitura recomendada

Instalação do Sublime Text 2 no Ubuntu

Instalando o Firefox 4 Beta no Debian 6

Configurando Ktranslator no Kubuntu 9.04

Ubuntu 12.4 no VirtualBox - Corrigindo erro de instalação

suspicious cache-id, must contain _cv_ to be cached ao compilar o rdesktop

  

Comentários
[1] Comentário enviado por lcavalheiro em 29/10/2013 - 13:41h

Rodrigo usando um PPA do eOS? Que coisa...

Bem, eu também tenho que admitir que ao lado do Pantheon o Slingshot (algo como "teco de estilingue") foi uma grande sacada da galera do eOS pro mundo do Software Livre. Favoritado, com certeza

[2] Comentário enviado por bilufe em 31/10/2013 - 08:43h

Sim, apesar de não concordar com o ElementaryOS como remasterização do Ubuntu, tenho que admitir que os programas desenvolvidos por eles tem futuro. Porém, caso tivessem escolhido desenvolver apenas aplicativos para Linux e esquecerem de fazer uma remasterização do Ubuntu, pode-se ter certeza que sobraria tempo para melhorar os aplicativos e desenvolver novos.

Não adianta fazer uma nova distribuição Linux que tem uma interface formidável, agradável e bonita se não há aplicativos a serem executados. O Linux precisa de novos aplicativos e não de novas interfaces gráficas

[3] Comentário enviado por lcavalheiro em 01/11/2013 - 12:22h


[2] Comentário enviado por bilufe em 31/10/2013 - 08:43h:

Sim, apesar de não concordar com o ElementaryOS como remasterização do Ubuntu, tenho que admitir que os programas desenvolvidos por eles tem futuro. Porém, caso tivessem escolhido desenvolver apenas aplicativos para Linux e esquecerem de fazer uma remasterização do Ubuntu, pode-se ter certeza que sobraria tempo para melhorar os aplicativos e desenvolver novos.

Não adianta fazer uma nova distribuição Linux que tem uma interface formidável, agradável e bonita se não há aplicativos a serem executados. O Linux precisa de novos aplicativos e não de novas interfaces gráficas


Concordo plenamente. O pessoal do eOS contribuiria muito mais focando no que fizeram de bom do que cobrando dez contos num "remaster"



Contribuir com comentário