Sistema de backup em shell script

Publicado por Eduardo Fonseca Velasques em 17/06/2008

[ Hits: 7.742 ]

Blog: http://eduveks.blogspot.com

 


Sistema de backup em shell script



Há alguns anos fiz um sistema de backup em Shell Script, hoje configurei ele num servidor novo e reparei como ele tem sido útil e tem resultado muito bom, resolvi partilhar.

Criar as pastas:

# mkdir /backup
# mkdir /backup/log


Criar os seguintes arquivos:

# touch /backup/backup
# touch /backup/backup.start
# touch /backup/backup.end
# touch /backup/directory
# touch /backup/run


Dar permissões de execução:

# chmod +x /backup/backup
# chmod +x /backup/backup.start
# chmod +x /backup/backup.end
# chmod +x /backup/run


Os backups diários serão guardados dentro da pasta /backup/daily. E os mensais sempre no dia 1 serão guardados dentro da pasta /backup/monthly. Não é preciso criar estas pastas, elas são criadas automaticamente.

Colar este conteúdo no arquivo /backup/backup:

#!/bin/bash
echo ""
echo -e "\e[40;32;1m Backup \e[0m"
echo ""
echo -e "\e[44;33;1m Start \e[0m"
echo ""
dir1=/backup
dir2=$1
echo -ne "\e[34;1mcomand.begin\e[0m \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
$dir1/backup.start
echo -e "\e[31;1m end \e[0m"
echo ""
dateDay=`date "+%d"`
dateMonth=`date "+%m"`
dateYear=`date "+%Y"`
folder1=$dir1/daily/$dateDay
folder2=$dir2/daily/$dateDay
echo -ne "\e[34;1mWork Folder\e[0m $folder1 \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
rm -dfr $folder1
mkdir -p $folder1
echo -e "\e[31;1m end \e[0m"
echo ""
if [[ $dir2 != "" ]]; then
echo -ne "\e[34;1mWork Folder\e[0m $folder2 \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
rm -dfr $folder2
mkdir -p $folder2
echo -e "\e[31;1m end \e[0m"
echo ""
fi
echo -e "\e[40;31;1m BACKUP: directory \e[0m"
echo " |"
_x=0
_to=""
for i in `cat /backup/directory`; do
if [ $_x = 0 ]; then
_to=$folder1/$i.tar.gz
echo -ne " | $i \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
_x=1
else
tar -czPf $_to $i
if [[ $dir2 != "" ]]; then
cp -rf $_to $folder2
fi
echo -e "\e[31;1m end \e[0m"
_x=0
fi
done
echo " |____________________________________________________"
echo ""
echo -ne "\e[34;1mcomand.end\e[0m \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
$dir1/backup.end $folder1
echo -e "\e[31;1m end \e[0m"
if [ $dateDay = 01 ]; then
folderMonthly1=$dir1/monthly/$dateYear.$dateMonth.$dateDay
echo -ne "\e[34;1mMonthly Backup]\e[0m $folderMonthly1 \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
mkdir -p $folderMonthly1
cp -rf $folder1 $folderMonthly1
echo -e "\e[31;1m end \e[0m"
if [[ $dir2 != "" ]]; then
folderMonthly2=$dir2/monthly/$dateYear.$dateMonth.$dateDay
echo -ne "\e[34;1mMonthly Backup]\e[0m $folderMonthly2 \e[32mstart\e[0m \e[30;5m...\e[0m"
mkdir -p $folderMonthly2
cp -rf $folder2 $folderMonthly2
fi
echo ""
fi
echo ""
echo -e "\e[44;33;1m End \e[0m"
echo ""
echo -e "\e[40;32;1m by eduveks \e[0m"
echo ""

O arquivo /backup/run é o que inicia o backup e grava o output no arquivo de log, colocar o seguinte conteúdo:

#!/bin/bash
logFileName=`date "+%Y-%m-%d_%H-%M-%S"`
/backup/backup "/mnt/backupmirror" > /backup/log/$logFileName

Atenção ao "/mnt/backupmirror/backup", esta opção é para fazer uma cópia do backup para outra pasta, no meu caso sempre uso um servidor secundário para ter um espelho do backup original, e esta pasta é uma pasta montada remotamente ao outro servidor.

Os arquivos /backup/backup.start e /backup/backup.end, servem para poder colocar comandos para serem executados antes e depois do backup respectivamente, por exemplo para fazer o mount e o umount de uma partilha remota, preparando o cenário da cópia secundária. Ou ainda para parar serviços e reiniciá-los no fim, por exemplo para o MySQL antes de começar o backup e no fim voltar a inicializá-lo. Gravar nestes arquivos o conteúdo:

#!/bin/bash

Finalmente o arquivo /backup/directory serve para dizer as pastas que deverá ser feito backup, adicionar aqui o nome que vai ter o arquivo.tar.gz e qual a pasta que vai ser armazenada neste arquivo, no seguinte formato:

DB_NAME     /var/lib/mysql/DB_NAME
USER1       /home/USER1

Depois de tudo afinado vamos executar o backup, assim podemos ver o output:

# /backup/backup

Se tudo correu bem, o backup deverá estar em:

/backup/daily/01/DB_NAME.tar.gz
/backup/daily/01/USER1.tar.gz

Onde o "01" é o número do dia do mês atual.

Assim a cada dia haverá uma pasta com os backups deste dia, e no dia 1 de cada mês, o backup deste dia estará em:

/backup/monthly/2008.05.01/01/DB_NAME.tar.gz
/backup/monthly/2008.05.01/01/USER1.tar.gz

E executar o backup passando uma pasta para ser o espelho do backup:

# /backup/backup /tmp

Poderá reparar que também dentro do /tmp passará a ter o conteúdo do backup.

Feito o teste, voltar a ver como esta o /backup/run, verificar se esta tudo certo, e testá-lo:

# /backup/run

Dentro da pasta /backup/log deverá ter o log do backup:

# cd /backup/log
# ls
# cat 2008-05-01_11-51-53


Agora só falta configurar no crond para executar o backup, criar um arquivo no /etc/cron.daily/backup, com o seguinte conteúdo:

#!/bin/sh
/backup/run

Pronto, agora o backup irá ser executado todos os dias, e assim temos uma solução bem simples e prática para fazer backups...

Esta também disponível no meu blog em:
Outras dicas deste autor

Script Python para consumir Web Services em .Net

Compilando a última versão do WINE no Linux

Apache 2.2 - Modules

LVM vs Mount

GlassFish vs Apache

Leitura recomendada

Canivete suíço em bash

Removendo linhas duplicadas de um arquivo texto

Verificando disco de backup e enviando e-mail

Renomeando arquivos de maiúsculo para minúsculo

Comentar em bloco

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts