Reiniciando o KDE 5 Plasma sem reiniciar o computador

Publicado por Luís Fernando C. Cavalheiro em 26/03/2018

[ Hits: 2.969 ]

Blog: https://github.com/lcavalheiro/

 


Reiniciando o KDE 5 Plasma sem reiniciar o computador



Ubunteiros e pinks do Viva o Linux, aqui começa mais uma Dica do Dino® trazendo para todos vocês informações que vocês conseguiriam achar por conta própria se fossem slackers. A Dica de hoje vai ser bem direto ao ponto. Estava eu no meu KDE 5, brincando com algumas coisas, quando do nada a área de trabalho e o painel inferior (aquele em que aparece os botões de janelas e o botão do menu K) sumiram. Por sorte eu tinha um terminal e um navegador aberto (eis um Conselho do Dino®: sempre tenha um terminal e um navegador abertos, isso salva vidas).

Após uma breve pesquisada, descobri que seria preciso reiniciar o plasmashell, o que, em termos leigos, equivale a dizer "reiniciar o KDE". Como eu estava fazendo coisas críticas, reiniciar o computador não seria uma opção, então tive que apelar para:

killall plasmashell
$ kstart plasmashell


E pronto, a área de trabalho e a barra de tarefas tinham voltado aos seus lugares! E com isso o Dino se despede de todos vocês desejando que vocês virem GNU/Linuxers de verdade e usem a única verdadeira distribuição. GET SLACK OR DIE!!!

Outras dicas deste autor

Pacotes RPM - Instalação em sua distribuição sem usar o Alien

Fazendo o Steam funcionar no openSUSE Leap 42.2

Problema com acentuação das pastas do usuário no XFCE sob Slackware e de quebra altere as pastas de usuário padrão

OpenJDK 7 em Debians-like - Como instalar corretamente

Window Maker 0.95.3 no Debian Wheezy - Instalação via repositórios oficiais

Leitura recomendada

Menu do FluxBox com ícones

Instalando o ubuntu-system-panel (USP) no Gnome

Instalação de programas em máquinas offline

ranger - Prático gerenciador de arquivos em modo texto

Anthares - Nova distro no mercado

  

Comentários
[1] Comentário enviado por andretyn em 26/03/2018 - 21:33h

E, se não tiver o dito terminal (nem sempre ele estará), veja se o krunner está rodando, um Alt+space abrirá, e taca um killall -9 plasmashell (esse mata mesmo!) e depois abra de novo o krunner e taca um simples plasmashell! kkkkk Tá feito!
Obs. Os comandos ficam armazenados para você, então só terá que faze-los uma unica vez!
Até mais!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts