Peppermint 10 em um PC da "pré-histórico"

Publicado por Andrei Amorim Santos em 04/09/2020

[ Hits: 436 ]

 


Peppermint 10 em um PC da "pré-histórico"



Nesta dica eu conto como foi a minha experiencia de usuário final do Sistema Operacional (SO) Peppermint 10. Eu usei está distro em uma máquina de 17 anos, com um processador Intel Atom de 2,50 Ghz e 2 GB de RAM, sendo armazenado em PenDrive SanDisk de 8GB 1.0, porque o HDD dele acabou dando defeito. Venha descobrir como foi usá-lo nestas condições de hardware.

Um pouco sobre o hardware e a instalação e, finalmente, o software

Eu estava pela internet (mais especificamente no YouTube), buscando uma distribuição GNU/Linux que fosse pequena e leve para um hardware precário como o meu. Acabei encontrando o Peppermint. O que me chamou bastante atenção foi sua interface gráfica e o seu tamanho. Foi dito, em um vídeo que vi, que ela precisava de no mínimo 4GB de armazenamento e 1GB de RAM para utilidades básicas como navegar na Internet. Parecia perfeito, já que o hardware era bem modesto mesmo.

O hardware

Com apenas 17 anos de vida, um Intel Atom de 2.50Ghz e um HD de 320 GB que não funcionava direito, por estranho que pareça. Estava instalado com Windows 7 Ultimate de 32 bits que, por sorte (ou não) raramente funcionava. Esta era a máquina.

A questão do HD era a seguinte: ele raramente funcionava, normalmente ficava na tela de inicialização e a máquina ficava tentando identificar o disco rígido e, quando funcionava, não dava para conseguir fazer nada por muito tempo, pois logo o sistema "crachava" e já era, não identificava o disco tão cedo mais.

Eu usei o Lubuntu para formatar o HD, mas quando fiz isso, o disco ficou ilegível e daí perdi o Windows que já não funcionava direito. Então decidi o instalar o Lubuntu em um pendrive de 8GB de 1.0, mas primeiro eu precisava comprar outro. Então foi aí que eu me decepcionei, porque 8GB de armazenamento não era o suficiente, então tive que buscar alguma distro que me servisse.

A instalação

Pareceu que durou um ano para instalar o SO, devido ao que tinha como hardware. Eu testei os dois tipos de instalação, o normal e a minimal, já que eu queria ter o máximo de aproveitamento do que restaria do armazenamento e saber quanto ocupava de memória normalmente.

Depois de muito tempo, o que levou de 2 horas para ser instalado no modo normal e cerca de 1 e meia no modo minimal, eu não vi muito de armazenamento disponível, pois no modo normal restou apenas 1 GB e no modo mínimo 2GB.

O software

O Sistema Operacional era praticamente o Mint, só que em uma versão ruim. O sistema é muito leve, porém, a usabilidade dele é no modo online, já que a maioria das ferramentas se encontram neste modo.

Na navegação pela internet utilizando o Firefox era uma tristeza, pois ele "crashava" bastante, eu coloque o Opera e aí ficou uma maravilha para a navegação. Quanto ao design, tem aplicações com o mesmo ícone, há muitas opções de personalização de janelas e aparências de pastas. O Peppermint não era uma maravilha, mas quebrou o meu galho.

Conte aqui nos comentários desta dica como foi a sua experiencia com esta distro, o que achou do meu texto e se pretende testar você mesmo a distro!

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

openSUSE Build Service (OBS)

Comandao fácil: baixando blogs do Wordpress com o wget

Introdução a linguagem Assembly com o MIPS

E-book sobre Ubuntu 12.04

Manipulando arquivos PDF no terminal

  

Comentários
[1] Comentário enviado por mauricio123 em 04/09/2020 - 14:48h


O computador tem 17 anos então. E eu reclamando do meu pc que tem 10.

___________________________________________________________
[code]Conhecimento não se Leva para o Túmulo.
https://github.com/MauricioFerrari-NovaTrento [/code]

[2] Comentário enviado por clodoaldops em 04/09/2020 - 17:37h

-existiam processadores Intel-Atom em 2003?
-eu tive um netbook AcerAspireOne Azul com Intel-Atom-N270 comprei usado mas acho que era de 2008




Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts