Partição - Formatando e mantendo seu UUID

Publicado por Perfil removido em 29/01/2014

[ Hits: 4.738 ]

 


Partição - Formatando e mantendo seu UUID



Universally Unique Identifier (UUID) ou "Identificador Único Universal", é um tipo especial de identificador utilizado para criar uma referência única, dentro de um contexto computacional.

Apesar de sabermos que não há garantia de um UUID "verdadeiramente" único, a vantagem é sua enorme amplitude de variações, pois o número total de opções é da potência 128 de base 2 (2^128). Isso garante um número bem grande de opções na ordem de ~3.4 x 10^38 combinações.

Seu formato em grupos de 8-4-4-4-12, é formado por dígitos no conjunto hexadigital (0-9 e a-f), como, por exemplo, esse UUID retirado do /etc/fstab de um sistema Debian 7.3 64 bits:

/dev/sda3: UUID="85b997e7-3c7d-4e4e-8eb3-234bf7c498a9" TYPE="ext4"

O problema tratado nesta dica, é que se precisamos formatar uma determinada partição, um novo UUID será gerado automaticamente, fazendo com o sistema não inicialize mais ou que seja preciso atualizar o /etc/fstab.

A solução, é manter o mesmo UUID permitindo formatar o sistema "a quente" e depois remontar essa partição com os novos dados.

Primeiro, é preciso obter o UUID da partição que vamos formatar, o que fazemos com o comando blkid:

# blkid /dev/sda3

/dev/sda3: UUID="85b997e7-3c7d-4e4e-8eb3-234bf7c498a9" TYPE="ext4"

Armazene em um arquivo, ou copie para a área de transferência para salvar em arquivo:

# blkid /dev/sda3 > ~/UUID.txt

# cat UUID.txt

/dev/sda3: UUID="85b997e7-3c7d-4e4e-8eb3-234bf7c498a9" TYPE="ext4"

Garanta que sua partição está desmontada antes de formatar, e passe o UUID antigo como um parâmetro na nova formatação:

# mkfs.ext4 -U 85b997e7-3c7d-4e4e-8eb3-234bf7c498a9 /dev/sda3
  mke2fs 1.42.5 (29-Jul-2012)
  Filesystem label=
  OS type: Linux
  Block size=4096 (log=2)
  Fragment size=4096 (log=2)
  Stride=0 blocks, Stripe width=0 blocks
  3204992 inodes, 12814592 blocks
  640729 blocks (5.00%) reserved for the super user
  First data block=0
  Maximum filesystem blocks=4294967296
  392 block groups
  32768 blocks per group, 32768 fragments per group
  8176 inodes per group
  Superblock backups stored on blocks:
         32768, 98304, 163840, 229376, 294912, 819200, 884736, 1605632, 2654208,
         4096000, 7962624, 11239424
    
  Allocating group tables: done
  Writing inode tables: done
  Creating journal (32768 blocks): done
  Writing superblocks and filesystem accounting information: done
   
   
Agora, basta conferir o resultado:

# dumpe2fs -h /dev/sda3 | egrep -i UUID
  dumpe2fs 1.42.5 (29-Jul-2012)
  Filesystem UUID:        85b997e7-3c7d-4e4e-8eb3-234bf7c498a9

   
E pode voltar a montar automaticamente a partição formatada como era antes:

# mount /dev/sda3 -v
  /dev/sda3 on /mnt/lfs type ext4 (rw)



Outras dicas deste autor

Atualizando o Firefox 3.0 para 3.0.1 sem precisar reinstalar

Instalando o driver da Nvidia no Mandriva 2008

Nano: editor

Placa de vídeo Nvidia em notebook HP DV2807NR

Instalando e ativando templates no Joomla

Leitura recomendada

Como acertar o relógio do Linux via console

find - Listar arquivos modificados nas últimas 24 horas

NGR para ISO e BIN/CUE para ISO

"Criando" um comando

Terminal: um jeito inteligente de copiar e colar

  

Comentários
[1] Comentário enviado por izaias em 29/01/2014 - 14:36h

Veja só, praticamente tudo no Linux é arquivo.
A questão fica na configuração correta!

Muito esclarecedora sua dica.

[2] Comentário enviado por 150u5a em 10/09/2018 - 23:40h

Proceed anyway? (y,N) y
/dev/sda: Sistema de arquivos somente para leitura durante configuração de superbloco



Contribuir com comentário