Organizando as tralhas

Publicado por Perfil removido em 19/03/2012

[ Hits: 6.601 ]

 


Organizando as tralhas



Minha 1ª dica aqui no VOL.

Pode ajudar e muito no dia a dia, na organização. Não é tão bom quando queremos algo, e vamos direto onde está? Vamos arrumar métodos fáceis e comuns de se organizar, poupar espaço no HD, e consequentemente ajudando no desempenho do sistema.

O importante é evitar o stress, e não se frustrar ao procurar algo! Eu, por exemplo me deparei com tudo desorganizado, em um HD de 500GB cheio, quase dei um surto, e você já ficou assim?
Linux: Organizando as tralhas

Pasta Documentos

É onde salvamos a maioria dos arquivos, exemplos:
Trabalho de Fisica
Trabalho de Matemarica
curriculum vitae
boletos
Site base
Dados Sql

Como vimos no exemplo, temos vários fins, o certo seria organizarmos em pastas usando "hashtags" seguidos de números de acordo com sua importância:

#1 - Arquivos de trabalho
#1 - Projeto Z
#2 - PRojeto Y
#2 - Arquivos de Escola
#1 - Trabalho de Fisica
#2 - Trabalho de Matematica
#3 - Sites
#1 Dados SQL
#2 Estrutura PHP e HTML
# 4 -Meus arquivos

Linux: Organizando as tralhas

Como vocês podem ver no screenshot acima, as numerações estão assim:

#1 01 Nome da pasta *
  • Onde a hashtag representa a ordem desejada, que é representada pelo número;
  • Onde 01, depois da hashtag é o mês de criação, para uma maior precisão na hora da procura, pois há muitos casos onde existam vários arquivos do mesmo fim, mas criados em datas diferentes;
  • E, podemos ver no final um asterisco, sinalizando um backup, que significa que o arquivo deve ser transferido para algo externo, por ter tamanho maior.

- Algo velho?

A melhor maneira de guardar algo velho é compactando (rar ,7z ,zip), e guardando em um drive externo, seja ele um HD externo, pendrive ou armazenamento "InCloud".

- Armazenamento Externo

O que podemos ter:
  • Um HD externo - Para backup (Recomendo 1 TB);
  • Um HD externo - Para filmes, músicas, jogos e imagens (Recomendo também 1TB);
  • Um pendrive - Para Documentos (8 GB).

Evite particionar um HD para isso, compre um HD externo somente para esse fim (500 GB), assim seus dados estarão protegidos.

Bem, minha recomendação para isso é o sistema de hashtags, e armazenamento externo, pode não ter sido rica, mas é bem útil aqui em casa.

Aceito críticas!

A inimiga do espaço livre: A pasta Download!

Isso vai ser complicado... Certo dia (estava fazendo um LFS), e fui procurar um arquivo que por acidente caiu no abismo (a pasta download) então fui procurar... 2 horas e ainda searching..., daí fui ver o conteúdo inútil da pasta Download (2050 itens, 460 GBs de ocupação), aí pronto amigo! Entre 2050 filmes, músicas, imagens, jogos, um maldito kernel !!! OMG!

- Colocando tudo em seu devido lugar:

Minha providência foi a seguinte: Usando o Nautilus comecei do topo e fui arrumando tudo, peguei tudo e compactei (2 horas), soltei no meu HD externo, e fui arrastando tudo. Entre vídeos, músicas, imagens e jogos, usei o sistema de hashtag , que fica muito organizado. Finalmente fiquei alegre com isto.
Linux: Organizando as tralhas

Assim, você se organiza e se ajuda, evitando stress desnecessário.

Outras dicas deste autor

Firefox 5 com erro de Java

Instalando o jSMS no Mandriva 2006

Criando memória swap com a máquina em produção (ON-THE-FLY)

Instalar/atualizar Mozilla-Firefox e Thunderbird

cat como um editor de texto simples

Leitura recomendada

Criando um sistema de arquivos EXT3 em um arquivo

Scanner de segurança OpenVAS

wget, o melhor amigo da crise de distos

Xoom no Ubuntu - Montando a Media interna

Venha pro Sabayon você também!

  

Comentários
[1] Comentário enviado por luiznathan em 19/03/2012 - 11:54h

Cara, muito prático a ideia de hashtags.
Como ninguém pensou nisso antes? rsrs
Valeu a dica!

[2] Comentário enviado por removido em 19/03/2012 - 22:23h

Cara, recentemente me deu uma imensa vontade de organizar meus arquivos, mas eram tantos: .html, .docs, .pdfs, txts, .confs, etc... que a melhor organização possível que encontrei foi dar-lhes o seguinte remédio:

$ rm -fv

mantive apenas alguns .pdfs e me propus a partir de então: ignorar (não salvar) qualquer conteúdo que encontre pela net, afinal se está lá, no futuro em teoria também vão estar e salvar apenas meus documentos pessoais, assim fica uma coisa mais 'clean'.

* sua idéia é muito boa!

um abraço.

[3] Comentário enviado por rafaelocremix em 22/03/2012 - 16:01h

Adorei esse artigo, organizar arquivos no pc é um arte para poucos e é uma dor de cabeça terrível se for uma conta compartilhada ou coisa do tipo.

Também adotei a filosofia do "tenha apenas o que pode carregar", então mantenho poucos arquivos "correntes" comigo. Porém, tenho uma quantidade muito grande de arquivos "legados" que ficam armazenados para consulta. Basicamente organizo tudo como se fossem projetos (orientado a projetos, por assim dizer) e cada projeto tem uma estrutura interna de arquivos padronizada que inclui formatos de arquivo, nível de desenvolvimento, relação com o projeto e etc. No fim tenho um hierarquia de pastas simples contento um zilhão de arquivos. Também coloco a "versão-ubuntu" no nome de alguns arquivos para controlar versões.

[4] Comentário enviado por snk em 25/05/2012 - 10:40h

Para arquivos de texto, eu uso o Evernote, salvo tudo nele e está na nuvem automaticamente, acesso do pc do trabalho, do pc de casa, tablet e celular. Recomendo.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts