Opera 26 (estável) no openSUSE 13.2

Publicado por Sandro de Castro em 23/01/2015

[ Hits: 4.045 ]

Blog: http://www.blogopcaolinux.com.br

 


Opera 26 (estável) no openSUSE 13.2



Olá.

Dica de instalação do Opera 26 no openSUSE 13.2. Como ainda não existe uma versão oficial para as distros RPM do Opera 26, temos que usar o alien na conversão do pacote ".deb".

Primeiro faça o download:
Instale o alien:
Clique em: 1 Click Install (utilizei o repositório "utilities" e optei por não permanecer inscrito nele depois de instalado) e aguarde a instalação.

Agora, no terminal, entre na pasta onde baixou o pacote ".deb" e execute*:

sudo alien -r opera-stable_26.0.1656.60_amd64.deb

* Por aqui apareceu uma mensagem de erro:

sh: rpmbuild: comando não encontrado

Resolvi instalando o pacote "rpm-build" e assim completou a conversão.

Pacote ".rpm" criado agora era só instalar, mas faltava uma dependência:

Problema: ninguém fornece libudev.so.0()(64bit), que é necessário para opera-stable-26.0.1656.60-2.x86_64

Pesquisei e fiz sua instalação:
Podemos, então, agora instalar:

sudo zypper install opera-stable-26.0.1656.60-2.x86_64.rpm

Após a instalação ele não executa, no terminal vemos a mensagem de erro (no meu caso):

opera
[0122/100604:FATAL:setuid_sandbox_client.cc(283)] The SUID sandbox helper binary was found, but is not configured correctly. Rather than run without sandboxing I'm aborting now. You need to make sure that /usr/lib/x86_64-linux-gnu/opera/opera_sandbox is owned by root and has mode 4755.
Abortado


Execute o comando:

sudo chmod 4755 /usr/lib/x86_64-linux-gnu/opera/opera_sandbox

Pronto! Opera funcionando... e bem rápido!
Linux: Instalando o Opera 26 Estável no openSUSE 13.2
É isso!

Referência (comentário de Marcio Miranda):
Outras dicas deste autor

PeaZip no Ubuntu 14.04 64 bits - Instalação manual

Instalação do Oracle VirtualBox no openSUSE

Leitura recomendada

Temporizador Happy Timer

Criador de ficha D&D no GNU/Linux

Instalando o Google Earth no Linux (Debian / Ubuntu)

Servidores VNC no Ubuntu (e seus derivados)

Kazehakase - Navegador leve, simples e veloz para Linux!

  

Comentários
[1] Comentário enviado por Sandro1 em 23/01/2015 - 14:39h

__________________________________________________________________________________________
##################################### Editado #####################################

Dica postada também em: http://opcaolinux.blogspot.com/2015/09/instalando-o-opera-estavel-no-opensuse.html

Uma melhor maneira de ter o novo Opera no openSUSE é instalar pelos repositórios da comunidade como disse o Fabio_Farias, acessando o link ( http://software.opensuse.org/package/opera ), clicando em "1 Click Install" do repo que contém a versão mais nova do navegador. Assim não terá que fazer esse "passo a passo" toda vez que sair uma nova versão!

Já para instalar o Flash Player (Chromium Pepper Flash), acesse o link ( https://software.opensuse.org/package/chromium-pepper-flash ) e escolha o repo que tiver a versão mais recente do plugin (atualmente é o "
home:mhnovell").

[2] Comentário enviado por Fabio_Farias em 18/03/2015 - 10:47h

Boa dica! Parabéns!

[3] Comentário enviado por Sandro1 em 21/03/2015 - 12:22h


[2] Comentário enviado por Fabio_Farias em 18/03/2015 - 10:47h

Boa dica! Parabéns!


Valeu Fábio! Uma pena é ainda não ter uma versão oficial dele pra distros rpm (e parece que não vai ter mesmo), tendo que fazer essa "gambiarra" ou instalá-lo pelos repositórios da comunidade.

Forte Abraço!

[4] Comentário enviado por Fabio_Farias em 30/03/2015 - 13:55h

Nos repositórios oficiais não tem. Mas tem algumas pessoas que empacotam o Opera para o openSUSE. Veja nesse link:

http://software.opensuse.org/package/opera

Abraços!

[5] Comentário enviado por Sandro1 em 31/03/2015 - 16:44h


[4] Comentário enviado por Fabio_Farias em 30/03/2015 - 13:55h

Nos repositórios oficiais não tem. Mas tem algumas pessoas que empacotam o Opera para o openSUSE. Veja nesse link:

http://software.opensuse.org/package/opera

Abraços!


Bem lembrado Fábio! Cheguei a conclusão que é melhor instalá-lo pelos repositórios da comunidade mesmo, tem que repetir todos esses passos a cada nova versão dele... não vale a pena. Enfim, fica a sua dica pra quem quiser o novo Opera no openSUSE sem fazer essa "gambiarra" rsrsrs!

Abraços!

[6] Comentário enviado por Fabio_Farias em 01/04/2015 - 10:41h

Abraço!



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts