Onde está o "rc.local" no SUSE Linux

Publicado por Carlos Henrique Y Furushima em 04/06/2013

[ Hits: 9.220 ]

Blog: http://dbafurushima.com.br/index.html

 


Onde está o "rc.local" no SUSE Linux



Estive usando o SUSE Linux para fazer alguns testes. Estava procurando o arquivo "rc.local".

Para quem ainda não sabe o que é o "rc.local": o arquivo "/etc/rc.local" é um script onde você instrui ao sistema o que deve ser executado logo após a inicialização de todos os serviços.

Resumindo, é o último script a ser executado na inicialização do sistema operacional. Portanto, caso você queira que um comando mount, uma regra de firewall ou qualquer outra coisa execute automaticamente após a inicialização de todos os serviços, use o "rc.local".

Devido à existência de várias distribuições, o GNU/Linux está deixando de ser padronizado. Prova disso é a não existência do arquivo "/etc/rc.local" (arquivo padrão do Redhat/Fedora) no Linux SUSE (e agora?).

Estudando a documentação do SUSE, percebi que o script de inicialização está em "/etc/rc.d/boot.local".

Assim:
  • Na família Redhat e Fedora, em geral: "/etc/rc.local"
  • No Linux SUSE: "/etc/rc.d/boot.local"

Se você é um purista compulsivo, e não aceita a não existência do arquivo "rc.local”, vamos fazer uma "gambiarrazinha" básica, criando um link simbólico para o arquivo:

ln -s /etc/rc.d/boot.local /etc/rc.local

Pronto, temos agora o "rc.local" no Linux SUSE!


Visite meu Portal de Conhecimento.
Carlos Henrique Yakithi Furushima - DBA Oracle

"A maior recompensa do nosso trabalho não é o que nos pagam por ele, mas aquilo em que ele nos transforma."
- John Ruskin

"Quem busca o conhecimento e o acha, obterá dois prêmios: um por procurá-lo, e outro por achá-lo. Se não o encontrar, ainda restará o primeiro prémio."
- Textos Islâmicos


Outras dicas deste autor

cpuinfo - Verificando CPU e Core

Desvendando o Hardware no GNU/Linux - Slots de memória

Alterando permissões em arquivos ou somente nos diretórios

Logical Volume Manager - LVM (GNU/Linux)

SQL*Plus em modo silencioso

Leitura recomendada

Lista de discussão sobre a certificação LPI (Linux Professional Institute)

Criando pequenos pacotes TGZ

Ferramentas de produtividade do KDE

Sodipodi - Pra jogar o Corel/Ilustrator no lixo

Corrigindo erros no módulo do VirtualBox (Ubuntu)

  

Comentários
[1] Comentário enviado por Carlos_Cunha em 26/11/2013 - 09:12h

Opa!!
Testado e funcionou amigo....
Obrigado.

[2] Comentário enviado por lcavalheiro em 29/11/2013 - 12:47h

Excelente dica, meus parabéns!
Concordo com você sobre a padronização. Vale lembrar que das grandes distros só o Slackware segue o FHS e os outros padrões FOSS, por exemplo.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts