Mandriva Control Center: o canivete suíço do usuário Linux

Publicado por Perfil removido em 22/03/2006

[ Hits: 13.674 ]

 


Mandriva Control Center: o canivete suíço do usuário Linux



O usuário do Mandrake/Mandriva tem à sua disposição um centro de controle onde pode realizar as principais tarefas administrativas, o MCC (Mandrake/Mandriva Control Center).

Antes de explicarmos como utilizar o MCC, instale os pacotes "drakwizard" e "draksec".

# urpmi drakwizard

O urpmi irá pedir o CD respectivo. Ponha-o no drive e tecle "ENTER" logo em seguida.

Para utilizar o MCC, vá em "K / Sistema / Configuração / Configurar seu computador" ou então digite "mcc" no terminal (será exigida senha de root).

Veja abaixo a imagem inicial:



À esquerda estão os itens que podem ser configurados; à direita, o que fazer com cada parte.

Abra o MCC e clique nos ítens à esquerda para poder habituar-se com o que há disponível.

1. Gerenciador de software


Nesta área você poderá instalar/desinstalar pacotes sem maiores problemas. As dependências serão todas satisfeitas com os CD's da versão que você estiver usando.


Também é possível atualizar a lista de seus pacotes com os updates lançados pela Mandriva.

Pode-se também adicionar manualmente os endereços onde deseja-se baixar pacotes.

2. Partilhar


Aqui lava-se a égua: há assistentes para servidores FTP, Apache e SAMBA. Poucas perguntas são necessárias para ter-se uma configuração básica, mas qualquer incremento deverá ser feito na unha... ;-)


3. Serviços de rede

Servidores DHCP, cache internet, DNS e sincronização com servidor de hora:


4. Autenticação


Configure aqui os serviços NIS, autofs e diretórios LDAP:


5. Groupware

Servidores de e-mail, notícias e groupware têm sua vez aqui:


6. Hardware


Mouse, monitor, impressora, scanners, TV, no-break, teclado, criação/formatação de partições são trabalhados aqui sem maiores problemas.


7. Rede & internet


Quaisquer alterações nos parâmetros da rede são realizadas nesta parte: endereço IP, rede dinâmica/estática, comartilhamento de conexão, valor de proxy para o ambiente (http_proxy e ftp_proxy) entre outras possibilidades. Obviamente você precisará dominar alguns dos conhecimentos básicos sobre este tópico, mas nada de complicado:


8. Sistema


Aqui você vai ativar serviços, abrir terminal, instalar fontes TTF, alterar o menu K (para todos os usuários), visualizar logs, ajustar a hora e gerenciar os usuários do sistema:


9. Pontos de montagem

Pontos de montagem NFS, SAMBA, webdav e compartilhamento de partes do HD serão trabalhados aqui. Não é necessário grande sofrimento - mais uma vez -, poucas perguntas fazem-se necessárias. Criar/remover partições também são realizados nesta parte:


10. Segurança


Um firewall básico pode ser feito aqui e também a determinação do nível de segurança que se deseja para seu Mandrake/Mandriva:


Estes níveis de segurança vão desde uma simples estação de trabalho até um servidor e o menu é auto explicativo. Pode-se ainda configurar dezenas de parâmetros par aumentar ainda mais a proteção de seu sistema:


11. Inicialização

Habilitar usuários para logins automáticos no sistema, configurar o LiLo/GRUB e o tema do boot gráfico têm sua vez aqui:


Como você vê, este centro de controle é uma mão na roda para o usuário que não quer perder tempo com leitura de arquivos de configuração.

Mas um trabalho refinado não dispensa esta fase e, sendo necessário, o VOL resolve isto para você fácil, fácil... ;-)

Outras dicas deste autor

Splash do VOL no seu Gnome

Instalando o amsn-0.97RC1-1 no Kurumin 7.0

Vídeo no lugar do papel de parede

Fazendo o wine reconhecer os drives multimídia

Problemas na instalação do j2re1.4 no Debian?

Leitura recomendada

Webcam no Sony Vaio FZ240Q usando Fedora 9

Plugin Java no Banco do Brasil para Ubuntu 64 bits

Configurando modo grafico no Debian

Configurando o modem HSP56 no SuSE 9.0

Configurando o Fedora 13 com Gnome em português (pt-br)

  

Comentários
[1] Comentário enviado por JoseRenan em 13/01/2011 - 15:11h

Realmente, o MCC é um ótimo software, faz tudo e é bom no que faz.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts