LiveUSB - Instalando GNU/Linux no pendrive com o VirtualBox

Publicado por Bruno " em 13/09/2012

[ Hits: 17.883 ]

 


LiveUSB - Instalando GNU/Linux no pendrive com o VirtualBox



Na dica abaixo, um método para instalar distribuições no pendrive, criando assim, um LiveUSB.

Abra sua caixa de ferramentas e pegue o necessário:
  • Programa VirtualBox;
  • Imagem ISO da distribuição desejada;
  • Um pendrive com 4 GB (ou mais).

Vamos trabalhar.

1. Crie um "link/atalho" do pendrive a ser usado pelo VirtualBox:

VBoxManage internalcommands createrawvmdk -filename /home/user/usb-hd.vmdk -rawdisk /dev/sdb

Onde:
  • /home/user/usb-hd.vmdk: arquivo/atalho que será criado;
  • /dev/sdb: letra-unidade referente ao pendrive (você confere as letras certas com: sudo fdisk -l).

2. Crie uma máquina virtual, mas com um porém, na tela de criação do "Disco rígido":
Linux: LiveUSB - Instalando GNU/Linux no pendrive com o VirtualBox
Ao invés de criarmos um "...novo disco rígido", marcamos a opção "...disco rígido existente", e buscamos o arquivo criado (usb-hd.vmdk).

Com isso, o HD da máquina virtual será o pendrive.

3. Agora, você instala a distribuição de sua preferência na máquina virtual.

Após a instalação, damos boot pelo pendrive em nossa máquina real para conferir se deu tudo certo.

Obs.: Nem todas as distribuições funcionam perfeitamente, algumas travam ao iniciar, mas obtive sucesso total com Fedora 15 e Fedora 17.

Meu screenshot do Fedora 15 num pendrive de 4 GB:
Outras dicas deste autor

Grub Customizer - Instalação no Fedora e openSUSE

Instalando temas no KDE

Diversão - Alguns joguinhos para GNU/Linux

VirtualBox no Sabayon - Instalação e resolução de erro

ImageWriter - Criando pendrive bootável no openSUSE

Leitura recomendada

Sistema em EXT4 não pode ser montado como "read-write" [Resolvido]

Suas partições Linux encheram? Não tem mais espaço? Veja o que você pode fazer!

Desmontando partição em uso (is busy)

Criando links para arquivos e diretórios no Linux

SUSE Linux Enterprise Server 10 - "fsck failed. Please repair manually and reboot"

  

Comentários
[1] Comentário enviado por removido em 13/09/2012 - 14:56h

Valeu bruno por essa dica!

Já foi postado um artigo aqui na VOL pelo rei_astro sobre como instalar o linux no pendrive usando o VirtualBox, veja o link:

http://www.vivaolinux.com.br/artigo/Instalacao-do-Linux-em-pendrive-com-VirtualBox/

mas com o comando passado na sua dica já consigo dá boot pelo pendrive e iniciar várias distros pelo pendrive( algo que não conseguia antes.

Tenho só uma pergunta: se remover o arquivo que é o link para o arquivo de dispositivo do pendrive os dados do pendrive serão removidos também ?

[2] Comentário enviado por asdf2 em 13/09/2012 - 17:53h

muito util essa dica, valeu demais


EDIT:

agora fiquei curioso pra saber se essa dica funciona mesmo,

então no meu pendriver só vai haver um arquivo: hd-usb.vmdk

e se eu der boot na maquina real com a opção de primeiro boot o driver USB, quer dizer que ele vai rodar o fedora do pendriver (o arquivo hd-usb.vmdk), sem usar o virtualbox ?

tá muito estranho... explique melhor isso

[3] Comentário enviado por BrunoTecnico em 13/09/2012 - 19:16h

@ eabreu

# Vc só precisa desse "link", caso queira usar denovo o Pendrive na Máquina Virtual (como HD).

(pode apagar o "usb.vmdk", seus dados vão continuar no pendrive)

- - - - -

@ asdf2

. O arquivo não vai para seu pendrive...
no seu pendrive vão estar todos os arquivos de um Linux comum ( de /, /home, o fstab... igual seu HD ).

. Exato, ao dar boot, ele vai rodar o Fedora do seu Pendrive.



*** O arquivo "usb.vmdk", é uma forma de fazer o Vbox usar o pendrive como HD. ***

Seguiu a minha Dica - apaga o arquivo usb.vmdk, pois ele não é mais útil.

Deu boot pelo Pendrive - finge que ele é seu HD (pode gravar arquivos em /home e onde quiser);

Podem apagar o usb.vmdk, ele serve apenas 1 vez, que é durante a dica.

*** Acabou a dica: tire o arquivo da cabeça, finge que nunca usou ele, podem excluir. ***

[4] Comentário enviado por asdf2 em 13/09/2012 - 22:34h


[3] Comentário enviado por Bruno Tecnico em 13/09/2012 - 19:16h:

@ eabreu

# Vc só precisa desse "link", caso queira usar denovo o Pendrive na Máquina Virtual (como HD).

(pode apagar o "usb.vmdk", seus dados vão continuar no pendrive)

- - - - -

@ asdf2

. O arquivo não vai para seu pendrive...
no seu pendrive vão estar todos os arquivos de um Linux comum ( de /, /home, o fstab... igual seu HD ).

. Exato, ao dar boot, ele vai rodar o Fedora do seu Pendrive.



*** O arquivo "usb.vmdk", é uma forma de fazer o Vbox usar o pendrive como HD. ***

Seguiu a minha Dica - apaga o arquivo usb.vmdk, pois ele não é mais útil.

Deu boot pelo Pendrive - finge que ele é seu HD (pode gravar arquivos em /home e onde quiser);

Podem apagar o usb.vmdk, ele serve apenas 1 vez, que é durante a dica.

*** Acabou a dica: tire o arquivo da cabeça, finge que nunca usou ele, podem excluir. ***


interessante viu, não sabia dessas coisas não,

estou sempre aprendendo mesmo, não fica nervoso não, fica tranquilo,


mais de 3 anos uso o virtualbox, e nem sabia que tinha essa possibilidade, e nunca me passou pela cabeça essa sua dica, legal demais viu

valeu mesmo

abraço.:)

[5] Comentário enviado por asdf2 em 13/09/2012 - 22:52h

uma ideia aqui:

no caso aé, eu poderia converter um aquivo .vdi (fedora.vdi) em um aquivo .vmdk (fedora.vmdk (no caso o link fedora.vmdk)):

http://www.dedoimedo.com/computers/virtualbox-convert.html

comando:
primeiro eu faria isso:

$ VBoxManage internalcommands createrawvmdk -filename /home/user/fedora.vmdk (obs: é só um link) -rawdisk /dev/sdb


e depois isso:

$ VBoxManage clonehd fedora.vdi /home/user/fedora.vmdk (obs: é só um link) --format VMDK

obs: fedora.vdi é uma maquina virtual .vdi comum.

e sendo assim daria pra usar o arquivo vmdk (no caso o link fedora.vmdk (que vai ser deletado depois só deixando os outros arquivos do sistema mesmo)) no pendriver e funcionaria o boot por ela ?


só me fala se essa ideia dária certo ?

sou totalmente noob com essas coisas...só aprendendo mesmo

[6] Comentário enviado por BrunoTecnico em 14/09/2012 - 06:03h

@ asdf2

" estou sempre aprendendo mesmo, não fica nervoso não, fica tranquilo,"

# Não meu caro... não fiquei.


>>> Vdi x Vmdk:

Esse .vdi que vc citou seria uma máquina virtual com Linux já instalado (certo)?
Esse fedora.vdi é o "HD" da máquina virtual.

O meu "usb.vmdk" é um link que diz o seguinte: - Máquina virtual, por favor, tudo que eu fizer vc grava no pendrive, ok?

O meu "usb.vmdk" não é um arquivo comum. Com o comando eu especifiquei, que ao invés de gravar tudo no arquivo .vmdk,
eu quero que ele grave tudo no meu pendrive.

>>> O que vc poderia fazer:

. Na Máquina virtual com seu "fedora.vdi"...
vc adiciona esse arquivo "usb.vmdk", com isso a maquina passa a ter 2 HD's (fedora.vdi e o pendrive - usb.vmdk).

. Agora vc baixa/arruma um programa ou uma forma de clonar HD's, e na Máquina virtual vc clona o seu fedora para esse novo HD.


*** Não funciona: Converter .vdi para .vmdk, no seu caso, não copiaria os arquivos para o Pendrive. ***

[7] Comentário enviado por BrunoTecnico em 14/09/2012 - 06:09h

"mais de 3 anos uso o virtualbox, e nem sabia que tinha essa possibilidade, e nunca me passou pela cabeça essa sua dica, legal demais viu "

# Quase meu caso, eu sabia e não sabia.


Eu sabia dá existência desse comando "VboxManage" á meses. Semana passada me veio a idéia:

- Se eu sei que o comando me permite usar o Pendrive como HD no VirtualBox...
Poxa! então eu posso instalar uma distro nesse HD (descobri a polvora). Oba! vou fazer o teste.

* Sucesso.

[8] Comentário enviado por asdf2 em 14/09/2012 - 08:47h


[7] Comentário enviado por Bruno Tecnico em 14/09/2012 - 06:09h:

"mais de 3 anos uso o virtualbox, e nem sabia que tinha essa possibilidade, e nunca me passou pela cabeça essa sua dica, legal demais viu "

# Quase meu caso, eu sabia e não sabia.


Eu sabia dá existência desse comando "VboxManage" á meses. Semana passada me veio a idéia:

- Se eu sei que o comando me permite usar o Pendrive como HD no VirtualBox...
Poxa! então eu posso instalar uma distro nesse HD (descobri a polvora). Oba! vou fazer o teste.

* Sucesso.


entendi tudo,

bela dica, meus parabéns, vai ser muito útil aqui

valeu



[9] Comentário enviado por MARLONBORBA em 14/09/2012 - 18:15h

Apenas um comentário: Notei que a geração do disco virtual (executada pelo comando VBoxManage) é apresentada em seu exemplo em um shell de usuário comum. Para que ele possa ter acesso a modificar a estrutura do disco físico (pendrive), em algumas distribuições Linux, como o OpenSuse, ele deve estar em um grupo especial (no caso do OpenSuse, que utilizo, o grupo "disk").



Contribuir com comentário