LXQt no Slackware

Publicado por Xerxes em 04/07/2014

[ Hits: 6.191 ]

Blog: https://static.vivaolinux.com.br/imagens/dicas/comunidade/300.jpg

 


LXQt no Slackware



Dica testada no Slackware 14.1.

Primeiramente, o que é o LXQt? É um ambiente Desktop leve e simples, com base no framework Qt. Se você já usou o ambiente LXDE que usa GTK, pode fazer uma comparação. O LXQt segue a mesma filosofia.

Bem, um slacker puro, anti-pink, adorador do J. R. "Bob" Dobbs, simplesmente acessaria o site oficial do projeto:
Depois, baixaria o código fonte e compilaria manualmente cada peça de software, mesmo que isso levasse um bom tempo. Afinal, qual seria a graça em usar Slackware, se tudo fosse mastigado?

Mas eu sou herege! Eu gosto das coisas mastigadas, mas não quero abrir mão da estabilidade do Slackware. Por isso, eu instalo o LXQt no Slackware da seguinte forma:

# slackpkg install lxqt

Fim.

Mas que macumba é essa? Simples: o segredo está em usar o Slackpkg+ (Slackpkg plus), uma extensão para o Slackpkg que permite o uso de repositórios não-oficiais.

Para saber como instalar e configurar o Slackpkg+, leia esta dica:
Vejamos o que acontece, quando procuro por lxqt com o Slackpkg+:
Hm... Aparentemente o titio AlienBOB (Eric Hameleers), já fez todo o trabalho. Nesse caso, basta executar:

# slackpkg install lxqt

Resultado:
É isso! Só instalar.

Depois que instalar, execute:

xwmconfig

E selecione a opção lxqt:
Reinicie o ambiente gráfico. Configure temas, ícones, gerenciador de janelas e etc, a seu gosto.

É isso!

Outras dicas deste autor

Conheça um pouco os Roguelikes

Tiling nativo no Openbox

Driver de vídeo ATI no Debian 10 (Buster)

Como restaurar o Portage no Funtoo

Fontes do Ubuntu no Fedora

Leitura recomendada

Terminal Guake

Instalar Gnome no Slackware 12

Ansible no Fedora 27

Skype no Ubuntu/Xubuntu 14.04 - Vídeo demonstrativo

Templates em português para o bugzilla

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário