LXQt no Slackware

Publicado por Xerxes em 04/07/2014

[ Hits: 6.834 ]

 


LXQt no Slackware



Dica testada no Slackware 14.1.

Primeiramente, o que é o LXQt? É um ambiente Desktop leve e simples, com base no framework Qt. Se você já usou o ambiente LXDE que usa GTK, pode fazer uma comparação. O LXQt segue a mesma filosofia.

Bem, um slacker puro, anti-pink, adorador do J. R. "Bob" Dobbs, simplesmente acessaria o site oficial do projeto:
Depois, baixaria o código fonte e compilaria manualmente cada peça de software, mesmo que isso levasse um bom tempo. Afinal, qual seria a graça em usar Slackware, se tudo fosse mastigado?

Mas eu sou herege! Eu gosto das coisas mastigadas, mas não quero abrir mão da estabilidade do Slackware. Por isso, eu instalo o LXQt no Slackware da seguinte forma:

# slackpkg install lxqt

Fim.

Mas que macumba é essa? Simples: o segredo está em usar o Slackpkg+ (Slackpkg plus), uma extensão para o Slackpkg que permite o uso de repositórios não-oficiais.

Para saber como instalar e configurar o Slackpkg+, leia esta dica:
Vejamos o que acontece, quando procuro por lxqt com o Slackpkg+:
Hm... Aparentemente o titio AlienBOB (Eric Hameleers), já fez todo o trabalho. Nesse caso, basta executar:

# slackpkg install lxqt

Resultado:
É isso! Só instalar.

Depois que instalar, execute:

xwmconfig

E selecione a opção lxqt:
Reinicie o ambiente gráfico. Configure temas, ícones, gerenciador de janelas e etc, a seu gosto.

É isso!

Outras dicas deste autor

Extrair rar com o p7zip

Popcorn Time independente de distro

Deixando a barra do Unity, no Ubuntu, na parte de baixo

Adicionando esquemas de cores ao Geany

Acessar diretórios Windows pela rede

Leitura recomendada

Nova maneira para instalar aMSN 0.96 (Kurumin 7.0)

Transição usando o Kdenlive [vídeo]

Cairo Dock - Barra de atalhos no Ubuntu

Aumentando a produtividade com zsh

Manual inkscape (desenhos vetoriais)

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário