Instalando o Squid com suporte ao ZPH

Publicado por Ygor Thomaz em 25/05/2010

[ Hits: 10.983 ]

Blog: http://www.ygorthomaz.net/

 


Instalando o Squid com suporte ao ZPH



Passo a passo que demonstra a instalação do Squid com suporte ao Zero Penalty Hit (ZPH) no GNU/Linux Debian com G++ 4.1. É importante lembrar que esta "receita de bolo" objetiva o processo de aplicação do patch do ZPH sem problemas de compilação e não configurações de parâmetros do arquivo squid.conf.

Passo 1) Baixar o Squid3-Stable8.

Passo 2) Baixar o patch ZPH para o squid3-Stable8, não pode ser diferente.

Passo 3) Descompactar o arquivo squid3-stable8 "tar -xvzf NOME_DO_ARQUIVO_SQUID".

Passo 4) Entre na pasta que você descompactou o Squid.

Passo 5) Aplique o patch do ZPH: "patch -p1 < ../NOME_DO_ARQUIVO_DO_PATCH.patch".

Passo 6) Verificar se todos os arquivos foram alterados com sucesso.

Passo 7) É necessário ter o GCC e G++ 4.1 instalados no maquina, isso é muito importante. Este erro é gerado quando a compilação acontece em máquinas com versões superiores ao G++ 4.1: client_side_reply.cc: NUMERO DA LINHA : error: suggest parentheses around && within ||

Passo 8 ) Ainda na pasta do Squid digite: "./configure -prefix=/etc/squid".

Passo 9) Após o "./configure", digite "make" e agora "make install".

Passo 10) Com seu Squid instalado agora é necessário editar o arquivo /etc/squid/squid.conf setando o diretório do cache entre outros diretórios, regras, ACLs etc.

Passo 11) Dar permissão nas pastas de log e cache para o usuário que o Squid está usando (normalmente o usuário é "proxy", você pode alterar o usuário para root, embora não seja recomendado).

Passo 12) Digite "squid -k reconfigure" para que o Squid releia o arquivo de configuração /etc/squid/squid.conf.

Passo 13) Digite "squid stop" para parar o Squid.

Passo 14) Digite "squid -z" para que o Squid crie os diretórios de caches (só funciona com o Squid parado).

Passo 15) Digite "squid start" para executar o Squid.

Passo 16) Use o comando "ps -ax | grep squid" para ver se o processo do Squid está rodando (o nome do processo é mostrado entre parênteses).

Passo 17) Seu Squid está configurado e com cache full.

Agradecimentos: Lucas Andrade | Estudante de Sistemas de Informação, UNIFACS.

Outras dicas deste autor

Configurando seu scanner no Gnu/Linux

talk - chat entre usuários de uma rede local ou internet

Dicas para o projeto de classes no Java (parte 1)

Limpando a tela sem NCURSES ou clrsrc() - DOS

Instalando o Oracle 10g no Red Hat Enterprise Linux 5

Leitura recomendada

Lista de downloads travando no Firefox

Atalho para Google Chrome que some no menu do Debian Squeeze (solução)

Smart-Download-Mania - Baixando ISOs de Sabayon automaticamente

Horário certo no Linux - via internet

Baixando conteúdo de alguns sites usando wget

  

Comentários
[1] Comentário enviado por SMarcell em 26/05/2010 - 08:54h

Complementando.

A partir da versão 3.1.x (a mais atual e estável é a 3.1.3) o zph já está incorporado ao source do Squid, bastando compilá-lo com tal suporte.

configure --enable-zph-qos ...

[2] Comentário enviado por tosko em 03/01/2012 - 18:44h

amigo Smarcell poderia me dar mais detalhes como ativar tal modulo no squid 3.x



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts