Instalando PostgreSQL no Slackware Linux

Publicado por Diego Pereira Grassato em 08/06/2009

[ Hits: 13.739 ]

Blog: http://www.bestlinux.com.br

 


Instalando PostgreSQL no Slackware Linux



Por padrão o Slackware Linux não disponibiliza o PostgreSQL em sua distribuição.

Baixaremos a versão já compilada para o Slackware:

# wget http://repository.slacky.eu/slackware-12. 2/database/postgresql/8.3.7/postgresql-8.3.7-i486-2sl.tgz

Criaremos o diretório onde ficarão os arquivos do banco dados:

# mkdir -p /var/lib/pgsql

Daremos agora permissões:

# chown pgsql.pgsql /var/lib/pgsql -R

Daremos permissão ao arquivo de execução do PostgreSQL.

# chmod +x /etc/rc.d/rc.pgsql

Iniciaremos agora o banco de dados:

# su - pgsql
$ initdb -D /var/lib/pgsql/data
$ exit


Pronto, seu PostgreSQL está devidamente configurado. Feito isto basta iniciar o banco de dados:

# /etc/rc.d/rc.pgsql start

Starting PostgreSQL...
server starting

Configurações do SGDB

Neste momento o banco de dados está plenamente funcional, é necessário no entanto configurar o SGDB para torná-lo seguro. O mínimo a ser efetuado seria algo do tipo:

# su pgsql
$ psql pgsql

postgres=# alter user pgsql with password 'senha';

O comando acima foi para definir uma senha para o superusuário pgsql.

Criaremos um usuário para acessar o Postgres:

postgres=# create user diego;
postgres=# alter user diego with password 'senha';

E editar o arquivo /var/lib/pgsql/pg_hba.conf para restringir quem pode acessar o banco de dados e como. O ideal seria comentar todas as três entradas default e acrescentar algo como:

# cat pg_hba.conf | grep -Ev '^#|^$'
local   postgres         postgres                               password
host    postgres         postgres         127.0.0.1/32          password
host    banco            conta            a.b.c.d/32            password

Conexões internas e externas

Se não quiser apenas conexões locais (via socket), adicione as variáveis no arquivo de inicialização do PostGres BIND e HOST, HOST é a variável que guardará o endereço onde o servidor irá aguardar novas conexões, editando o arquivo:

# vim /etc/rc.d/rc.pgsql

Adicionar as variáveis (no lugar de 192.168.2.10 o IP da máquina):

HOST=192.168.2.10
BIND="-o '-i -h $HOST'"

Na linha onde contem (su pgsql -c "pg_ctl start -D $DBCLUSTER -l $SERVERLOG), altere para:

su pgsql -c "pg_ctl start -D $DBCLUSTER -l $SERVERLOG $BIND"

Para acessar pela rede será desta forma:

# psql -h 192.168.2.10 banco -U conta
banco=>

Se você estiver no Windows e estiver usando algum cliente PostgreSQL como PGADMIN III, conseguirá acessar normalmente.

Outras dicas deste autor

Como criar e manter um mirror do Slackware em seu próprio micro

Leitura recomendada

Testando sua memória RAM

Bloqueando PortScanners com IPTABLES

Como usar o Wine

Consideração sobre a instalação do MPD no Ubuntu 11.04

Assistente Pessoal para Linux

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts