Firefox no Slackware 14.1 - Traduzido e atualizado

Publicado por Pedro Guimarães em 14/03/2014

[ Hits: 9.415 ]

 


Firefox no Slackware 14.1 - Traduzido e atualizado



Dica bastante rápida, com dois métodos fáceis de traduzir e/ou manter atualizado o Firefox no Slackware Linux 14.1. Acredito que funcione em outras versões do Slackware, embora não possa garantir nada.

Primeiro método

Usando o SlackBuild oficial
Nível de dificuldade: fácil

Primeiro, vamos baixar o SlackBuild oficial do Mozilla Firefox.

Hoje, o Slackware 14.1 está no Firefox versão 24.3.0-ESR (ESR quer dizer que é uma versão com suporte estendido). Você pode tentar com outras versões, mas também não garanto que vá funcionar.

Lendo o SlackBuild, creio que funcione com outras versões, embora tenha tentando uma versão BETA e a compilação não tenha funcionado (se não quiser tentar a primeira dica e ainda quiser a última versão do Firefox, pule para a próxima dica). Continuando, abra um novo arquivo com o editor de texto que preferir e cole a seguinte lista:

http://slackware.mirrors.tds.net/pub/slackware/slackware_source/xap/mozilla-firefox/firefox.moz_plugin_path.diff.gz
http://slackware.mirrors.tds.net/pub/slackware/slackware_source/xap/mozilla-firefox/mimeTypes.rdf.gz
http://slackware.mirrors.tds.net/pub/slackware/slackware_source/xap/mozilla-firefox/mozilla-firefox-mimeTypes-fix.diff.gz
http://slackware.mirrors.tds.net/pub/slackware/slackware_source/xap/mozilla-firefox/mozilla-firefox.SlackBuild
http://slackware.mirrors.tds.net/pub/slackware/slackware_source/xap/mozilla-firefox/mozilla-firefox.desktop
http://slackware.mirrors.tds.net/pub/slackware/slackware_source/xap/mozilla-firefox/slack-desc
http://ftp.mozilla.org/pub/mozilla.org/firefox/releases/24.3.0esr/source/firefox-24.3.0esr.source.tar.bz2
http://ftp.mozilla.org/pub/mozilla.org/firefox/releases/24.3.0esr/source/firefox-24.3.0esr.source.tar.bz2.asc

Obs.: se quiser testar com outra versão do Firefox, troque o link do download pela versão que desejar. O SlackBuild procura pelo arquivo tar.bz2 no diretório, independentemente da versão.

Salve o arquivo com o nome que preferir (aqui, chamado de wget-list). Em seguida, usando o Wget, baixe todos os arquivos da lista com o comando:

wget -i wget-list

Agora, usando o SlackBuild oficial, vamos compilar o Firefox:

chmod +x mozilla-firefox.SlackBuild

# MOZLOCALIZE=pt-BR ./mozilla-firefox.SlackBuild


Explicações:
  • O primeiro comando torna o SlackBuild executável
  • O segundo comando executa o SlackBuild e
  • A variável MOZLOCALIZE define o idioma em que o Firefox será compilado.

Se executássemos o script com MOZLOCALIZE=it ./mozilla-firefox.SlackBuild, teríamos o Firefox em italiano, por exemplo.

Pronto, agora é só aguardar a compilação. O processo pode demorar um pouco, de 20 a 30 minutos. Se não quiser aguardar, pule para a próxima dica. :)

Instale o pacote compilado com o comando:

# upgradepkg --reinstall --install-new /tmp/mozilla-firefox-24.3.0esr-x86_64-1_slack14.1.txz

Segundo método

Nível de dificuldade: muito fácil

Baixe o script desenvolvido pelo usuário ruario do fórum LinuxQuestions.org:

wget -c http://www.panix.com/~ruari/latest-firefox

Rode o script com o comando:

FFLANG=pt-BR sh latest-firefox

Por padrão, o script vai baixar e empacotar a última versão do Firefox, hoje a versão 27.0.1. Não envolve compilação e é um processo bem mais rápido do que a primeira dica.

Se quiser baixar a última versão ESR, rode-o com o comando:

FFLANG=pt-BR FFESR=Y sh latest-firefox

* Dica: você pode editar o script para não ter que digitar as variáveis sempre.

O script retornará uma mensagem parecida com:

  "Slackware  package  /tmp/mozilla-firefox-24.3.0esr-x86_64-1ro.tgz  created"  -  última  versão  ESR
  "Slackware  package  /tmp/mozilla-firefox-27.0.1-x86_64-1ro.tgz  created"  -  última  versão  estável


Instale-o com:

# upgradepkg --reinstall --install-new /tmp/mozilla-firefox-24.3.0esr-x86_64-1ro.tgz


E pronto.
Última versão do Firefox em português no seu Slackware. :)

Outras dicas deste autor

Netflix no Slackware usando wine-pipelight

Logando automaticamente no Slackware

Leitura recomendada

Linpus Linux 9.6 Full - pequena revisão

Rodando o Quanta em uma única instância

Monitor de rede na bandeja do sistema do KDE: knemo

GRIP - Ripando CDs no Linux

Instalando 2 Conkys com fundo transparente no KDE e removendo o flicker da tela

  

Comentários
[1] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 11:15h

Finalmente consertaram o funcionamento do MOZLOCALIZE!

PS.: tem como também traduzir o Firefox pelo SlackBuild de AlienBOB: http://www.slackware.com/~alien/slackbuilds/mozilla-firefox-l10n/build/. Para esse procedimento, consultar http://vivaolinux.com.br/dica/Traduzindo-Firefox-para-pt-BR-no-Slackware-140/

[2] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 11:48h

Como assim?

[3] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 12:03h


[2] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 11:48h:

Como assim?


Na época em que o Xerxes escreveu o artigo dele, o Guia do Slackware, ficamos ele e eu pelejando para traduzir o Firefox para pt-BR. A primeira coisa que eu pensei, óbvio, foi ler o SlackBuild oficial e entender como ele funcionava. Bati o olho e encontrei essa variável, MOZLOCALIZE, e pensei, "raios, problema resolvido!". Aí vem a merda: não funcionava nem a pau para as versões ESR - tanto que eu na época compilei na mão o 25.0.1 usando esse script e aí sim a MOZLOCALIZE funcionou. Então apelei para Eric Hameleers, mais conhecido como AlienBOB. Resultado: ficamos ele e eu quebrando a cabeça pra entender por qual razão a MOZLOCALIZE não funcionava. Foi aí que ele me recomendou o script dele, o mozilla-firefox-l10n, que também não funcionava para as versões ESR! Só que o script dele consegui corrigir, e mandei as correções pra ele. Não sei se ele implementou, mas na dica que eu postei eu deixei um link pro script corrigido (e com algumas modificações é possível traduzir o Thunderbird usando o mozilla-firefox-l10n do AlienBOB).

[4] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 13:01h

Ah sim entendi. O SlackBuild não funcionava para versoes ESR de forma geral ou só funcionava para a versao em inglês? E qualquer coisa só usar o script do ruario.

[5] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 13:05h


[4] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 13:01h:

Ah sim entendi. O SlackBuild não funcionava para versoes ESR de forma geral ou só funcionava para a versao em inglês? E qualquer coisa só usar o script do ruario.


Não funcionava pra ESR em geral exceto inglês. E qualquer coisa tem o script do ruario, que eu não conhecia, e tem o do AlienBOB que eu modifiquei :-)

[6] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 13:27h

Ah sim, e pra quem se interessar o ruario tambem tem um script para o google chrome
http://www.panix.com/~ruari/latest-chrome

[7] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 13:32h


[6] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 13:27h:

Ah sim, e pra quem se interessar o ruario tambem tem um script para o google chrome
http://www.panix.com/~ruari/latest-chrome


Script pro Google Chrome não precisava, tem no /extra do DVD de instalação :-)

[8] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 13:41h

Os scripts do ruario não necessitam que se baixe o binario/source ou que os comandos sejam executados como root.

[9] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 13:42h

E como cria o pacote, já que o makepkg só roda como root?

[10] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 13:44h

Caralho, que gambiarra!
makepkg() {

# Handle Slackware's makepkg options
while [ 0 ]; do
if [ "$1" = "-p" -o "$1" = "--prepend" ]; then
# option ignored, links are always prepended
shift 1
elif [ "$1" = "--linkadd" -o "$1" = "-l" ]; then
if [ "$2" = "n" ]; then
echo "\"$1 $2\" ignored, links are always converted" >&2
fi
shift 2
elif [ "$1" = "--chown" -o "$1" = "-c" ]; then
SETPERMS="$2"
shift 2
else
break
fi
done

# Change any symlinks into shell script code
find * -type l -printf '( cd %h ; rm -rf %f )\n( cd %h ; ln -sf %l %f )\n' -delete > doinst.symlinks
if grep -q . doinst.symlinks; then
mkdir -p install
mv doinst.symlinks install/.
else
rm -f doinst.symlinks
fi

# Prepend symlink shell script to doinst.sh
if [ -e install/doinst.sh -a -e install/doinst.symlinks ]; then
printf "\n" | cat - install/doinst.sh >> install/doinst.symlinks
fi
if [ -e install/doinst.symlinks ]; then
mv install/doinst.symlinks install/doinst.sh
fi

# Reset permissions and ownership
if [ "${SETPERMS:-y}" = "y" ]; then
find . -type d -exec chmod 755 {} \;
TAROWNER="--group 0 --owner 0"
else
TAROWNER=""
fi

# Create package using tar 1.13 directory formatting
tar $TAROWNER --format=gnu --transform="s,^\./\(.\),\1," --show-stored-names -cavvf "$1" .
echo "Slackware package $1 created."

}


Nego é muito criativo, cara! Esse malandro tá de parabéns por pensar uma porra dessas!

[11] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 13:50h

Hahahaha ele é um Opera developer, se não me engano.

[12] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 13:55h

E um mestre do POG, com certeza

[13] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 14:02h

Bom, pelo menos funciona direitinho :)

[14] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/03/2014 - 14:04h


[13] Comentário enviado por moisespedro em 14/03/2014 - 14:02h:

Bom, pelo menos funciona direitinho :)


Cara, deu vontade de ver, quando eu chegar em casa, se o makepkg é um script...

[15] Comentário enviado por xerxeslins em 14/06/2014 - 10:19h

FAVORITADO

[16] Comentário enviado por lcavalheiro em 14/06/2014 - 18:15h

Meu método favorito ainda é usar o SlackBuild de AlienBOB, http://www.slackware.com/~alien/slackbuilds/mozilla-firefox-l10n/. No meu Dropbox tem uma alteração do script que faz a tradução do Thunderbird :-)

[17] Comentário enviado por tiago4171 em 31/08/2016 - 15:57h

Favoritado

[18] Comentário enviado por AndersonInacio em 28/05/2017 - 21:30h

Funcionou corretamente no Slackware Current, e só um adendo o Script está no git agora, podendo fazer o download com esse comando git clone https://gist.github.com/9672798.git

Abraços.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts