ED2K no Gnome

Publicado por Lincoln Lordello em 10/08/2006

[ Hits: 7.676 ]

 


ED2K no Gnome



Para ativar os links ed2k:// no Gnome para que ele seja aceito pelo Epiphany, Galeon ou qualquer navegador que use o GConf, você precisa executar esses comandos como usuário comum:

$ gconftool-2 -t string -s /desktop/gnome/url-handlers/ed2k/command "/usr/bin/ed2k \"%s\""
$ gconftool-2 -t bool -s /desktop/gnome/url-handlers/ed2k/enabled true
$ gconftool-2 -t bool -s /desktop/gnome/url-handlers/ed2k/needs_terminal false


Se você compilou o aMule na mão e ele está em outra pasta, troque /usr/bin/ed2k pelo endereço onde ele se encontra. Normalmente você descobre isso digitando "which ed2k" no terminal.

Para desfazer o processo, apenas digite:

$ gconftool-2 -u /desktop/gnome/url-handlers/ed2k --recursive-unset

Aqui no meu computador preciso deixar o aMule aberto para que o processo funcione, não testei em outros navegadores, pois estou usando o Epiphany.

O processo no Firefox é diferente e fica pra outra dica ;-)

Outras dicas deste autor

Slackware 10.0 com Linux-2.6.7

Alternando entre desktops no Gnome

Mozilla 1.6 em Português

Usando o Google para buscar em um site específico

Logout automático do root

Leitura recomendada

Como instalar o Google Talkplugin no Arch Linux

Inicialização em modo texto puro - Red Hat/Fedora

"Backupeando" a MBR

Inicializando uma máquina virtual no VirtualBox via pendrive USB

Redimensionando imagens com Nautilus-Image-Manipulator

  

Comentários
[1] Comentário enviado por lordello em 10/08/2006 - 16:25h

Essa dica existe também no Wiki do aMule (inglês):
http://www.amule.org/wiki/index.php/Ed2k_links_handling#Galeon

Na minha contribuição eu consertei a falta de aspas duplas no comando, sem elas alguns endereços não são processados corretamente pelo navegador. É preciso proteger as aspas duplas com uma barra invertida, ou colocar o comando todo dentro de aspas simples.
Enviei a alteração para o wiki, assim fica consertado na página oficial ;-)



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts