Logout automático do root

Publicado por Lincoln Lordello em 07/02/2004

[ Hits: 9.270 ]

 


Logout automático do root



Muitas vezes deixamos o terminal aberto com o root logado durante a madrugada para fazer uma atualização e com isso, no meio da noite, a tarefa acaba e o root continua logado, sem necessidade. Saiba que isso tem solução com apenas um comando simples:

# echo TMOUT=300 >> ~/.bashrc

Esse exemplo coloca um timeout de 10 minutos, na variável o valor deve estar em segundos. Caso você já tenha colocado, mas queira alterar o tempo, não use o comando citado, use um editor de texto como o gedit, kedit ou vim.

Ao começar a escrever essa dica, vi que já havia sido postada pelo meu amigo JuNiOx, mas ele não mencionou o .bashrc, pois é onde precisa estar a variável:
A informação também obtive de outra fonte.

Lembrem-se, não usem o login do root em vão, senão seus sistemas vão ser tão vulneráveis quanto o sistema da M$. Existem diversas formas seguras de rodar programas que teoricamente só o root teria acesso.

Falow!

Outras dicas deste autor

Slackware 10.0 com Linux-2.6.7

Swaret agora em Português do Brasil

ED2K no Gnome

Mozilla 1.6 em Português

Montando partição NTFS corretamente

Leitura recomendada

Restringindo o poder do super usuário

Como instalar o Guardiáo Itaú (Warsaw) no Ubuntu ou Linux Mint

Lista de Livros de Segurança

Backtrack 4 XSpy

Como proteger seus dados no computador e smartphone?

  

Comentários
[1] Comentário enviado por profetas em 12/04/2004 - 22:51h

Me desculpe nao vejo a utilidade de da um log out no root.

[2] Comentário enviado por lordello em 13/04/2004 - 17:50h

Com o root logado na máquina, qualquer serviço executado por ele que tenha uma falha de segurança ou qualquer transmissão feita sem encriptação que venha a conter senhas pode deixar uma brecha para um hacker usando um snifer capturar essas senhas e invadir sua máquina.
Usar o root deve sert feito de forma restrita, apenas para tarefas realmente administrativas.

[3] Comentário enviado por fchevitarese em 06/10/2005 - 12:31h

mto bom kra

[4] Comentário enviado por TheDarknessRJ em 29/03/2007 - 22:20h

Muito boa dica.

Já conhecia do meu tempo de admim de sistemas UNIX, mas havia me esquecido desse recurso.

Vou colocar nas minhas anotações de segurança e ativar no meu sistema só por garantia.

[5] Comentário enviado por removido em 23/02/2008 - 12:33h

Bem, só lembrando que 300 segundos são 5 min e não 10 min como informado. Para o timeout ser de 10 min basta colocar ao invés de 300, 600.

No mais, excelente dica. Não sabia que existia tal recurso.

[6] Comentário enviado por cytron em 24/07/2012 - 12:38h

Acho que no lugar de "echo" o comando certo seria "export", visto que echo é usando para exibir mensagens na tela e export usa-se para exportar variável de ambiente. ;)

Se passaram 4 anos, mas aqui no VOL alguém sempre acaba encontrado informações antigas, pois conteúdo bom nunca perde a validade.

[7] Comentário enviado por lordello em 24/07/2012 - 13:00h

O comando está correto, o intuito não é exportar a variável e sim gravá-la no arquivo ~/.bashrc
Abraço.

[8] Comentário enviado por cytron em 24/07/2012 - 14:14h

A sim! kkk, tantos anos de linux e acabei me equivocando por uma mera ilusão de ótica hehehe.
É que eu costumo fazer assm:

echo "export TMOUT=300" >> ~/.bashrc

No seu exemplo está sem aspas, meu cérebro interpretou que seria a linha a ser colocada dentro do bashrc... isso é o que dá ficar lendo rápido hehe.

Mas de qualquer forma é isso mesmo, sem falar que mesmo sem aspas dá certo.

[9] Comentário enviado por lordello em 24/07/2012 - 15:45h

No caso em questão, o uso do "export" será desnecessário, pois todas as variáveis dentro do .bashrc serão exportadas no final do login, pelo menos era assim quando escrevi essa dica.
Exageros à parte, prefiro não pôr e mantenho assim meu shell mais limpo.
Abraço.



Contribuir com comentário