Dreamweaver no Linux

Publicado por Rodrigo Kulb em 24/01/2008

[ Hits: 14.670 ]

Blog: https://www.youtube.com/user/rodrigoKulb

 


Dreamweaver no Linux



O Dreamweaver para Linux não existe ainda. Então, eu utilizo o programa Wine (Wine Is Not an Emulator) que roda programas .exe.

$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install wine
$ sudo wine
$ sudo apt-get install recode


Em seguida, você precisa copiar todos os arquivos do Windows.

Copie todo o conteúdo Macromedia das pastas abaixo
  • c:\Program Files\
  • c:\Documents and settings\All users\Application Data
  • c:\Windows\system32\
  • c:\Program Files\Common Files

para respectivas pastas:
  • ~/.wine/drive_c/Program Files/
  • ~/.wine/drive_c/windows/profile/all users/Application Data
  • ~/.wine/drive_c/windows/system32/
  • ~/.wine/drive_c/Program Files/Common Files/

Agora você precisará exportar as chaves do registro do Dreamweaver. Em seu Windows, digite "regedit" na linha de comando e exporte a chave HKEY_LOCAL_MACHINE/Software/Macromedia/ para o arquivo macromedia.reg. Copie este arquivo para seu Linux e execute este comando:

$ recode ucs-2..ascii macromedia.reg

Depois execute este comando para rodar no Wine:

$ sudo wine regedit macromedia.reg

Agora é só executar o Dreamweaver:

$ wine dreamweaver.exe

Aí está a dica.

Site de consulta:
Outras dicas deste autor

Solucionando erro de anexo, sem nome no Uebimiau

Se você esta pensando em migrar do ubuntu 7.4 para 7.10 vai.....

Imprimindo números no formato de moeda em PHP

Pegar parte do conteúdo (dados) de outro site com PHP utilizando explode()

Enviando parâmetros para o Google e gravando o resultado em banco

Leitura recomendada

Rodando Linux no Nintendo DS com o port dslinux

Corrigindo o bug no gnome-panel do Ubuntu 10.04

Habilitando/desabilitando o touchpad através da tecla de função Fn (Fn + F9) em notebooks Asus

Economizando espaço nos seus screenshots

Nomes científicos dos sistemas operacionais

  

Comentários
[1] Comentário enviado por skaterzera em 24/01/2008 - 17:27h

cara ja fiz essa brincadeira com o drewn mas, muitas coisas nao funcionão legal, é uma pena sem duvidas se a macromedia criasse uma versão para o linux eu pararia de usar o (r)windows ;~

até mais

[2] Comentário enviado por RodrigoKulb em 24/01/2008 - 18:27h

Eu sou programador e não uso Ruindows,O Dream funciona perfeito para mim a única função que não funciona e na tela de "Design" o ctrl-c do fire-fox para o Dream no wine, mais em "Code" funciona normalmente para mim é o suficiente. Posta os seus bugs ai....

[3] Comentário enviado por jonathasrr em 02/03/2008 - 02:25h

ué.. pra q isso tudo, copiando todas essas pastas e exportando esse registro?
aqui, nas vezes q fui instalar o Dreamweaver (quando o usava), só peguei o arquivo de instalação, abri ele com o wine, e instalei normalmente. Funcionou muito bem.
Porém, agora uso o Quanta+, e estou muito satisfeito..

[4] Comentário enviado por RodrigoKulb em 03/03/2008 - 15:42h

Legal seu comentario mais sempre bom mostrar o mais difícil e completo por que quando o mais fácil não funciona podemos fazer na mão.
Isso é o legal do linux..... (sempre funciona de um jeito ou de outro).

obs: O Quanta+ tambem é um FTP ??

[5] Comentário enviado por jonathasrr em 04/03/2008 - 13:43h

ahh.. é verdade.. vc tá certo..

e o Quanta+ tem um ftp integrado, se não me engano, quando vc vai criar um novo projeto, tem a opção lá de entrar com os dados do servidor, mas eu acabo msm sempre usando o gftp pra isso..

[6] Comentário enviado por crf-rafa em 25/09/2010 - 21:12h

A unica coisa q me prende ao windows agora eh o Dreamweaver ;/
So to com o pacote CS3 master aki, vou atras do cd q tinha com o dreamweaver pra tentar instalar no linux pra migrar de vez \o

o que é o recode?

[7] Comentário enviado por rodrigokulb em 26/09/2010 - 02:26h

recode:

O programa reconhece ou produz aprox. 150 conjuntos de caracteres e pode converter quase qualquer conjunto de caracteres em quase todas as outras. Quando traduções exatas não são possíveis, o programa pode se livrar de ofender caracteres ou aproximações uso. Particular atenção tem sido dada à representação adequada dos sinais diacríticos da língua francesa.

http://directory.fsf.org/project/recode/



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts