Dovecot - Mover Spam automaticamente para a pasta desejada

Publicado por Fabio Soares Schmidt em 14/09/2013

[ Hits: 4.167 ]

 


Dovecot - Mover Spam automaticamente para a pasta desejada



Quem implementa uma solução anti-spam em seu ambiente, certamente pode desejar mover automaticamente as mensagens marcadas como Spam para uma pasta específica do usuário.

Muitas vezes isto é feito através do Procmail, porém, é possível efetuar essa configuração diretamente no Dovecot (se o estiver utilizando para armazenamento das caixas postais, obviamente), não sendo necessário incluir mais um componente no ambiente.

No Dovecot, essa configuração é possível utilizando o serviço Sieve, assumindo que você já o tenha configurado no seu Dovecot, basta modificar a diretiva plugin, incluindo a linha abaixo:

plugin {

...

sieve_global_path = /var/lib/dovecot/default.sieve

...

}

O script que irá mover as mensagens marcadas como Spam automaticamente é este, portanto, você deve alterar o arquivo configurado no sieve_global_path da seguinte forma:

require ["fileinto"];

# rule:[Move Spam to Junk Folder]
if header :is "X-Spam-Flag" "YES"
{
fileinto "Spam";
stop;
}

Caso deseje mover para uma outra pasta, como "Junk", que é muito utilizada, basta substituir o nome da pasta após o "fileinto".

Obrigado,
Respirando Linux, por Fabio Soares Schmidt.

Outras dicas deste autor

Compilando o Cyrus Imap 2.4.8 no Debian, sem Kerberos

Postfix - Erro: fatal: no SASL authentication mechanisms [Resolvido]

suspicious cache-id, must contain _cv_ to be cached ao compilar o rdesktop

Apache com mod_proxy para múltiplos endereços

Failed to auto-start Oracle Net Listener using /ade/vikrkuma_new/oracle/bin/tnslsnr

Leitura recomendada

Cyrus IMAPD - Erro "Unsupported feature(s) in require" ao aplicar filtros Sieve

Cliente de e-mail que funciona com Hotmail no Linux

Thunderbird - Instalando complementos para todos os usuários

Expresso Livre: Corrigindo erros de atualização para versão 2.5

Solução para e-mails repetidos

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário