Desvendando os acrônimos do Linux

Publicado por Perfil removido em 16/05/2007

[ Hits: 12.823 ]

 


Desvendando os acrônimos do Linux



O mundo dos computadores é formado por uma verdadeira sopa de letrinhas quando o assunto são siglas, biglas ou acrônimos. Apesar de aparentemente iguais, essas abreviações são consideradas diferentes para efeito de denominação.

Segundo o dicionário Aurélio, acrônimo é uma palavra formada pela redução de uma locução. Por exemplo, a palavra sonar foi criada a partir da redução das palavras em inglês para: so(und) n(avigating) a(nd) r(anging). Enquanto a palavra radar é formada por ra(dio) d(etecting) a(nd) r(angind).

Ou seja, um acrônimo pode ser formado por uma ou mais letras de cada palavra que compõe a redução.

Ainda segundo Aurélio, siglas são palavras formadas exclusivamente pelas letras iniciais das palavras que formam a redução. Por exemplo, PCI é a sigla para Peripheral Component Interconnect (um barramento de computador).

Assim, caso a redução seja formada por duas letras não é sigla é bigla, por três é trigla e assim sucessivamente... (se existir isso né!).

Então quando precisar de uma definição para um acrônimo ou sigla do Linux ou da área de informática acesse o sítio:
Para localizar definições grafadas corretamente em inglês para incluir em seus textos e artigos sobre Linux. Desta maneira, não vai fazer feio na hora de escrever um artigo aqui para o VOL e deixar uma sigla ou acrônimo sem a devida definição.

As definições são apresentadas por assunto. Basta selecionar informação e tecnologia para ver as definições dessa área.

Uma pesquisa sobre o termo GPL por exemplo retorna os seguintes resultados:
  • GPL - General Public License (GNU)
  • GPL - GNU Public License (less common)
  • GPL - Game Programming Library
  • GPL - Graphics Programming Language
  • GPL - Generalized Programming Language
  • GPL - General Purpose Loop

Faça bom uso,

Unasi...

Outras dicas deste autor

Aumento de 40% na velocidade do ReiserFS

GSCAN2PDF: escaneando direto em PDF

Letras coloridas no Vim

Instalando plugins para gráficos SVG no Mozilla/Firefox

Instalação do Pidgin 2.0.2 no Slackware (parte 3)

Leitura recomendada

Orientação da barra do Unity - Ubuntu 16.04 LTS

Orientação a objetos com a linguagem Ruby

Alfresco: Gerenciando documentos digitais na Era da Informação

Monitorando o Squid pelo navegador

Entendendo essa coisa de Grátis (GNU)

  

Comentários
[1] Comentário enviado por tenchi em 16/05/2007 - 11:36h

Legal a dica. Eu mesmo já havia pensado em escrever uma, mas sobre os acrônimos recursivos, que são mais legais.
Uns tem função de negar algo:
GNU is Not Unix
Wine Is Not Emulator

E o mais bizarro de todos:

UIRA Isn't a Recursive Acronym

Ou afirmando:
Yet Another Setup Tool

O legal é que, por serem recursivos, vc pode substituir a primeira letra do acrônimo, que a frase não perde o sentido.
Exemplo: TNU : TNU is Not Unix

Lógico que eles fazem de tudo para que os nomes façam algum sentido, como o GNU (pronuncia-se gnew), que é um "boi" africano (o logo do projeto GNU).
No caso do wine, temos o vinho, que também é o símbolo do projeto.

Temos ainda uma centena de acrônimos recursivos na Informática (esses geeks malditos ;-)):

PHP: PHP: Hypertext Preprocessor

E tantos outros...



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts