Cronometrando o tempo de execução

Publicado por D. M. Tavares em 07/03/2008

[ Hits: 17.151 ]

 


Cronometrando o tempo de execução



Caso precise cronometrar o tempo de um programa em execução (processo), você poderá usar o comando time. O comando time é capaz de cronometrar o tempo de execução de qualquer processo.

Exemplos de uso e saída do comando time:

# time ./ordenacao_metodo_bolha
real 0m7.281s
user 0m1.108s
sys 0m0.400s

# time ./ordenacao_metodo_selecao
real 0m4.619s
user 0m0.808s
sys 0m0.224s

Interpretando a saída do comando time:
  • "real" é o tempo real decorrido desde a criação do processo até sua destruição.
  • "user" é o tempo gasto pelo processo em modo usuário.
  • "sys" é o tempo gasto pelo processo em modo kernel.

Uma boa utilidade para o comando time é fazer verificação de ganho ou de perca de performance após alterações de configurações de um determinado programa ou serviço.

(Obs.: Use-o antes e depois de realizar as alterações)

Abraços,

Prof. D.M.T.

Outras dicas deste autor

Exibindo o conteúdo ao contrário

TAR seletivo

Desmontando um dispositivo ocupado

Til (~) no modo console do Slackware

Mantendo o programa em execução após logout

Leitura recomendada

Resolvendo o erro: Sub-processo gzip retornou um código de erro (1)

Monitorando a entrada e saída de pacotes

Criação de rotas volátil e fixa - Fedora 20

Verificando espaço em filesystems e pastas

Convertendo formato de vídeo OGV para AVI

  

Comentários
[1] Comentário enviado por JoseLucas em 07/03/2008 - 22:15h

bem interessante.



Contribuir com comentário