Criando um alias no GNU/Debian sem complicação

Publicado por Danilo Perillo Chiacchio em 26/01/2011

[ Hits: 13.407 ]

 


Criando um alias no GNU/Debian sem complicação



Basicamente, aliases são utilizados para incrementar alguns recursos ou simplesmente simplificar comandos mais complexos.

Exemplo de alias:

alias cdon="mount /dev/hdc /mnt/cdrom"

O alias acima diz que quando digitarmos o comando "cdon", será executado o comando "mount /dev/hdc /mnt/cdrom".

Para criarmos um alias, devemos seguir os passos abaixo:

Passo 1) Saber para qual comando ou conjunto de comandos e opções que vamos criar um Alias.

Passo 2) Devemos definir um nome para nosso alias e criá-lo. Por exemplo: vou criar um alias com o nome "mostra_tudo" onde execute por traz o comando "ls -la":

alias mostra_tudo = "ls -la"

Com isso, quando for digitado o comando "mostra_tudo", por traz será executado o comando "ls -la".

Observações: Vale ressaltar que esse alias criado ficara disponível para utilização apenas na sessão atual do shell. Nas outras sessões, não será possível utilizá-lo.

Importante ressaltar também que, após o reinício do sistema, o alias sera "perdido". Para que fique salvo, devemos inserí-lo no arquivo ~/.bashrc do usuário em questão ou no arquivo /etc/profile (para ficar disponível para todos os usuários do sistema).

Abraços,
Danilo.

Outras dicas deste autor

Configurando o atftpd - Advanced Trivial File Transfer Protocol (TFTP) no Debian Linux

Sincronização de coletor de dados MC3090 Symbol no Windows Seven virtualizado no Ubuntu 10.10 x64

Verificando qual módulo determinada interface de rede esta utilizando no Debian Lenny

Recompilação de Kernel no FreeBSD Release 8.1

SFTP (Secure File Transfer Protocol) no OpenSSH

Leitura recomendada

Ordenando as coisas com sort

Abrindo aplicativos gráficos como usuário root logado como usuário comum sem kdesudo ou gksudo

Uso básico dos comandos zip e unzip

Como acertar o relógio do Linux via console

Gravar CD ou DVD via linha de comando

  

Comentários
[1] Comentário enviado por albfneto em 26/01/2011 - 22:44h

vale salientar que funciona no Ubuntu e nos outros linux em geral.

[2] Comentário enviado por danchiacchio em 26/01/2011 - 22:53h

Boa Noite albfneto,

É isso ai.

Abraços,
Danilo.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts