Criando Dispositivos de Blocos

Publicado por ANNA LUCIA FERREIRA DOS SANTOS em 05/03/2012

[ Hits: 9.544 ]

 


Criando Dispositivos de Blocos



Esta dica tem o objetivo de esclarecer dúvidas a respeito de como montar um dispositivo de disco que pode ser aproveitado para diversas operações.

Como por exemplo, criação de dispositivo de bloco que pode ser utilizado como DISCO ASM para uso do Banco de Dados Oracle.

- Criando dispositivos de blocos com "dd" e "losetup".

Vejamos alguns conceitos a seguir:

I. Dispositivos de Loop: (Loop devices, loopback devices) são drivers de dispositivo que permitem que arquivos de imagens (Image Files) sejam montados como se fossem dispositivos de blocos normais.

II. Criando arquivo com o comando "dd".

Vamos criar um arquivo com o tamanho desejado. Isto é, feito com o comando e o dispositivo zero (/dev/zero):

# dd if=/dev/zero of=asmdisk1 bs=1M count=100

- Explicando cada campo:
  • Comando dd: Este comando é utilizado para diversas operações, como: copiar e converter arquivos, para clonagem de dispositivos, trabalhar com área de dispositivo fixo ou removíveis como CD, DVD, HD, dispositivos USB, etc.
  • if=[origem] of=[destino]
  • Origem - /dev/zero: este recurso é utilizado para zerar o HD, apagando os dados fisicamente de maneira que não pode ser recuperado. Cria imagem virtual em arquivo com tamanho fixo que pode ser utilizado como dispositivo.
  • Destino - of=volume1: Novo dispositivo a ser criado, ou arquivo de imagem, arquivo de backup de uma partição de disco. Neste caso, é criado um arquivo que será utilizado para suportar configuração ASM para Banco de Dados Oracle.
  • bs - tamanho do bloco de entrada e saída: 1 k, 1 MB, 1 GB, seguindo as unidades de medida.
  • count - copia os blocos de entrada: é realizada uma multiplicação entre estes valores.

- No exemplo acima, onde temos:

bs=1M count=100 : temos um produto final contendo 100Mb 1024 X 100.

Após a criação do arquivo de imagem, devemos configurar este arquivo para se comportar como um dispositivo de bloco.

Para isto, iremos utilizar o comando "losetup".

# losetup /dev/loop0 asmdisk1

Os dispositivos loop[0 à 8] ficam no diretório “/dev”, e podem ser utilizados para criar um arquivo de bloco que se comporta como um disco.

Após a criação do dispositivo de bloco, é possível formatar ou utilizar ferramentas para torná-lo disponível para aplicações, como Grid Infraestrutura.

É isto pessoal, espero ter ajudado.

Este comando é super poderoso, pode ser utilizado para várias finalidades.

A que eu espero ter atendido, é criar um arquivo de blocos para uso como DISCO. Eu precisei para subir o ASM no Oracle e Grid Infraestrutura.

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

Skype no LMDE 2014

wget, o melhor amigo da crise de distos

CrunchBang Statler

The Code Linux

Configurando rede no FreeBSD 7.0

  

Comentários

Nenhum comentário foi encontrado.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts