Configurando ou consertando sudo gráfico no KDE

Publicado por Alberto Federman Neto. em 06/10/2022

[ Hits: 2.758 ]

Blog: https://ciencialivre.blog/

 


Configurando ou consertando sudo gráfico no KDE



Dica simples, mas eu acho útil, por isso publiquei.

INTRODUÇÃO

Se você não gosta de usar senha de Root, porque acha arriscado, provavelmente você use "sudo". E para abrir ou usar um pacote, quando exige privilégios de Root, você usa o comando desta maneira:

sudo COMANDO

Exemplo:

sudo nano nome_do_arquivo_a_ser_editado

E entra com sua senha, geralmente a de usuário (e não a de Root). E tudo funciona. Ou quase tudo! Em várias distribuições GNU/Linux, isso não abre os aplicativos gráficos.

Mas seu "sudo gráfico" pode não estar funcionando. Além disso, muitas versões novas de KDE não tem mais o pacote "kdesudo", e mesmo que seu "sudo gráfico" esteja funcionando, ele usará o pacote "kdesu", que é na realidade, um "Su Gráfico" (usa senha de Root) e não um "Sudo Gráfico".

Vamos supor que seu "Sudo Gráfico" não esteja funcionando, ou você não quer, de modo algum, usar senha de Root. O que fazer?

PROCEDIMENTO

Primeiro, tente um comando que faz a configuração diretamente:

sudo kwriteconfig5 --file kdesurc --group super-user-command --key super-user-command sudo

Mas se não funcionar (pode depender do local do seu arquivo kdesurc). Então faça assim:

Procure pelo arquivo de configuração do "Sudo Gráfico". Procure como Root, porque assim, achará tudo o que estiver no micro (cuidado para não danificar):

sudo find -name kdesurc

Se não existir você precisa criá-lo, mas geralmente existe. A localização mais comum é em "~/.config/kdesurc". Porém em alguns sistemas pode ser em "~/.kde4/share/config/kdesurc" ou em "/etc/xdg/kdesurc".

O arquivo precisa ser editado. Como você (em nosso exemplo) está sem sudo gráfico, use um editor em modo Root e em modo texto. Exemplo, o nano (ou o vim):

sudo nano local_do_arquivo/kdesurc

Exemplo:

sudo nano ~/.config/kdesurc

Edite as linhas do arquivo, e troque o "su" por "sudo". Ficará assim:

[super-user-command]
super-user-command=sudo

Para testar, tente abrir como Root um aplicativo gráfico do KDE, mas use sua senha de usuário. Exemplo o Gerenciador de Arquivos Krusader.

kdesu krusader

Deve abrir. Se quiser, crie um atalho na área de trabalho (no KDE, é com o botão direito do mouse).

Olha o Krusader, aberto no meu Sabayon, com KDE 5.
Linux: Configurando ou Consertando sudo Gráfico, em Linux com KDE.
Talvez não funcione com alguns aplicativos gráficos protegidos, como Dolphin e Kwrite. Neste caso, faça como descrevi nessa dica.

Espero ter ajudado, até a próxima!
Outras dicas deste autor

Aproveitando melhor o Terminal

Checando a aceleração 3D - Algumas opções

Acelerando downloads com facilidade em Firefox e SwiftWeasel

Sabayon e Gentoo - Atualizar Portage em um único comando

Projeto LINORG-USP: Baixe Linux no Estado de São Paulo

Leitura recomendada

Pegando o seu ip no Linux

Montar um compartilhamento Windows no Linux via linha de comando

Comandos básicos de rede 2

Executando programa em X remoto usando o Insigne Linux 2

Como gerar senhas fortes via terminal

  

Comentários
[1] Comentário enviado por maurixnovatrento em 23/10/2022 - 13:46h


show mesmo.

___________________________________________________________
Conhecimento não se Leva para o Túmulo.
https://github.com/mxnt10



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts