Compiz no Debian e Devuan

Publicado por Xerxes em 14/12/2018

[ Hits: 1.811 ]

Blog: https://notabug.org/xerxeslins/dicasgnulinux

 


Compiz no Debian e Devuan



Dica testada no Devuan 2.0 (ascii), o que também vale para Debian 9 (strech).

Usei o ambiente Xfce no momento da criação desta dica.

Caso tenha algo relacionado ao Compiz remova com:

sudo apt remove compiz*

Depois adicione o novo repositório do Compiz:

sudo su
# wget -q http://download.tuxfamily.org/compiz/apt/key.pub -O- | apt-key add -
# echo "deb http://download.tuxfamily.org/compiz/debian stretch main" | tee /etc/apt/sources.list.d/compiz-debian.list
# apt-get update
# exit


Obs.: atenção ao "stretch" usado acima. É para colocar o nome da versão do Debian que você usa. No meu caso foi "stretch", pois o Devuan 2.0 ascii equivale ao Debian 9 stretch. Se você usa Devuan, não adianta colocar "ascii".

A seguir instale os pacotes necessários:

# apt-get install simple-ccsm-reloaded compiz-reloaded compiz-reloaded-plugins-extra compiz-reloaded-plugins-experimental fusion-icon

O pulo do gato...

Se você iniciar o Compiz agora até vai funcionar, mas o tema das bordas ficará feio. Então corrija isso primeiro. Muito simples. Abra o gerenciador do Compiz com o comando:

ccsm

Vá em Decoração da Janela:
Troque o "compiz-decorator --replace" por "gtk-window-decorator --metacity-theme [NOME DO TEMA] --replace".

Exemplo:

gtk-window-decorator --metacity-theme Clearlooks-Phenix-DarkPurpy --replace

Use o nome do tema que deseja. Para ver a lista dos nomes use o comado:

ls /usr/share/themes/

Agora sim você poderá iniciar o Compiz. Seja pelo comando:

compiz --replace

Ou pelo Fusion Icon:

fusion-icon

Você também poderá configurar o Compiz de maneira mais simples com:

simple-ccsm
Mas ele vai sobrescrever suas configurações, e você terá que ajustar as bordas novamente.
Abraço!

Fontes:
Outras dicas deste autor

Gentoo 99% puro em menos de 5 minutos

Como baixar MP3 do Grooveshark

Instalar Popcorn Time no Linux Mint (Ubuntu)

Papel de parede aleatório no Fluxbox

Como instalar o kernel Liquorix no Devuan

Leitura recomendada

Tornando-se root sem digitar a senha com sudo

Instalar novas Splash Screens no XFCE

Instalando o Webmin no Kurumin

Codecs multimídia no Ubuntu 6.10

runlevel no Debian 8 e Red Hat 7

  

Comentários
[1] Comentário enviado por BiaMonteiro em 15/12/2018 - 17:26h

O Compiz continua estável? Foi descontinuado?
Esse repositório é confiável? Tem Compiz nos oficiais do Debian, nem que seja no testing ou sid?
KWin pode substitui-lo?

[2] Comentário enviado por xerxeslins em 16/12/2018 - 02:42h


[1] Comentário enviado por BiaMonteiro em 15/12/2018 - 17:26h

O Compiz continua estável? Foi descontinuado?
Esse repositório é confiável? Tem Compiz nos oficiais do Debian, nem que seja no testing ou sid?
KWin pode substitui-lo?


Pois é, há várias formas de se fazer uma coisa. Achei mais prático usar essa forma que usar pacotes de versões instáveis do Debian misturadas.

Avredito que esse projeto oferece um Compiz mais estável. Pelo menos é o objetivo.

E não acho que o Kwin substitui o Compiz, mas é uma outra opção.

O repositório é tão confiável quanto qualquer outro projeto open source. O código do Compiz Reloaded está disponível no github para os interessados.

[3] Comentário enviado por pinduvoz em 16/12/2018 - 03:54h

O Kwin tem quase todos os efeitos do Compiz. E o Gnome também já vem com efeitos; poucos, mas vem. Não sei se ainda vale a pena usar o Compiz, mas valeu pela dica.

[4] Comentário enviado por BiaMonteiro em 16/12/2018 - 13:31h


[2] Comentário enviado por xerxeslins em 16/12/2018 - 02:42h


[1] Comentário enviado por BiaMonteiro em 15/12/2018 - 17:26h

O Compiz continua estável? Foi descontinuado?
Esse repositório é confiável? Tem Compiz nos oficiais do Debian, nem que seja no testing ou sid?
KWin pode substitui-lo?


Pois é, há várias formas de se fazer uma coisa. Achei mais prático usar essa forma que usar pacotes de versões instáveis do Debian misturadas.

Avredito que esse projeto oferece um Compiz mais estável. Pelo menos é o objetivo.

E não acho que o Kwin substitui o Compiz, mas é uma outra opção.

O repositório é tão confiável quanto qualquer outro projeto open source. O código do Compiz Reloaded está disponível no github para os interessados.


Uso Debian estável e tenho o hábito de usar somente repositórios dessa versão. Mas o que quis dizer com instalar o Compiz através de repositório testing ou sid, foi baixar o pacote, fazer algumas alterações nele se for necessário, e manipulá-lo com o dpkg, um gerenciador de baixo nível, ao invés do apt, que é de alto.

[5] Comentário enviado por BiaMonteiro em 16/12/2018 - 13:36h

No mais, gostei da dica!

[6] Comentário enviado por hrcerq em 16/12/2018 - 23:48h

Olá, Xerxes. Legal você ter mencionado o Devuan no seu artigo, uma distro que eu acho que todo usuário do Debian deveria experimentar. Aliás, não só do Debian.

Quanto ao uso de repositórios de terceiros, sou bastante conservador. Não uso. Existe algum motivo pra você recomendar um repositório de terceiro em vez de usar o compiz do repositório do Debian/Devuan? Pergunto só de curiosidade mesmo, porque uso o compton pra composição de janelas.

---

Atenciosamente,
Hugo Cerqueira

Devuan - https://devuan.org/

[7] Comentário enviado por xerxeslins em 17/12/2018 - 00:39h


[6] Comentário enviado por hrcerq em 16/12/2018 - 23:48h

Olá, Xerxes. Legal você ter mencionado o Devuan no seu artigo, uma distro que eu acho que todo usuário do Debian deveria experimentar. Aliás, não só do Debian.

Quanto ao uso de repositórios de terceiros, sou bastante conservador. Não uso. Existe algum motivo pra você recomendar um repositório de terceiro em vez de usar o compiz do repositório do Debian/Devuan? Pergunto só de curiosidade mesmo, porque uso o compton pra composição de janelas.

---

Atenciosamente,
Hugo Cerqueira

Devuan - https://devuan.org/


Existe um motivo, sim. Mas é pessoal. O projeto Compiz Reloaded oferece um conjunto coeso de pacotes Compiz mais completo que os pacotes normais do atual Debian estável. Por exemplo, não existe o "simple-ccsm", nem o "compiz-plugins-experimental" (que dá mais efeitos) e nem o "fusion-icon" nos repositórios do Debian Stretch ou do Devuan Ascii. Talvez falte mais coisas, mas não sei. Não cheguei a analisar detalhadamente.

Uma forma de obter esses pacotes faltantes seria adicioná-los de versões instáveis do Debian, se houver, mas preferi acolher o projeto que oferece tudo isso de forma harmoniosa e estável por pura comodidade.



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts