Como configurar proxy no Google Chrome para Linux

Publicado por DANIEL DA SILVA MATOS JUNIOR em 31/07/2017

[ Hits: 8.716 ]

 


Como configurar proxy no Google Chrome para Linux



Quantos fóruns você visitou, assim como eu, procurando de um site a outro uma maneira de colocar proxy no Google Chrome porque a rede wifi que você quer usar faz essa exigência (né)?

A questão é que o Chrome não possui esse suporte para proxy no Linux, como o há, no Windows. O que os desenvolvedores poderiam resolver bem rápido e ainda não tiveram a pachorra de fazer...

Para completar, não sou muito bom com a linhas de comando no terminal Linux porque às vezes elas não executam (o que não é um problema porque a interface gráfica ajuda muito).

Eu já havia lido que você pode habilitar o proxy para todo o sistema pelo terminal, segui as etapas mas não consegui. Fuçando alguns dias na net, achei esse modo facilzinho que pra você também vai ser moleza.

Sem mais delongas, o que você deve fazer é:

Se você não tem um wifi aberto por aí, e já precisa usar essa rede, use outro navegador (Firefox) ou baixe a extensão "SWITCHY OMEGA" no formato CRX (SWITCHY OMEGA.crx).

Então, abra o Chrome, no Menu clique em "Mais Ferramentas" > "Extensões" . Pegue o arquivo em crx e solte lá.

Exemplo prático: Google Chrome: como instalar extensões que não estão na Web Store - TecMundo

Após instalada, abra a extensão e clique em "Option" e ali, coloque o proxy que você precisar.

No meu caso eu coloquei o proxy que a faculdade exige para usar. E também, eu queria usar o Chrome, porque gosto de usar o ARC\welder, que roda aplicativos Android direto no navegador.

Espero ter ajudado!

Outras dicas deste autor
Nenhuma dica encontrada.
Leitura recomendada

Instalando agente do Zabbix em servidores Linux

Gping - ping com gráfico

Configuração do yum com proxy no CentOS

Configurar link aggregation com LACP no Ubuntu

Checklist para problemas com WiFi

  

Comentários
[1] Comentário enviado por andreduartesp em 31/07/2017 - 13:50h

O chrome usa as configurações de proxy do sistema, no windows ele abre a tela de configuração do próprio sistema, asim como no mac. No linux ele tenta detectar seu DE, caso seja um suportado (gnome, plasma ou unity) ele abre a config do ambiente, caso seja um ambiente não suportado, o melhor é recorrer a uma extensão mesmo.

[2] Comentário enviado por /bin/laden em 01/08/2017 - 11:05h


[1] Comentário enviado por andreduartesp em 31/07/2017 - 13:50h

O chrome usa as configurações de proxy do sistema, no windows ele abre a tela de configuração do próprio sistema, asim como no mac. No linux ele tenta detectar seu DE, caso seja um suportado (gnome, plasma ou unity) ele abre a config do ambiente, caso seja um ambiente não suportado, o melhor é recorrer a uma extensão mesmo.


Não há necessidade de extensões! Basta um simples:

google-chrome --proxy-server=host:porta

Isso pode ser executado num terminal, ou simplesmente editando-se o atalho no DE que chama o Chrome.

[3] Comentário enviado por Carlos_Cunha em 10/01/2018 - 11:38h

Legal, mas tem nativo....

https://www.vivaolinux.com.br/dica/Proxy-no-Google-Chrome-e-Vivaldi

#-------------------------------------------------------------------------------------#
Administrador de Redes Mistas Linux/Windows
LPI 101-102
LPI 201
Para consultas particulares acesse:
www.cunhatec.com.br

"Falar é fácil, me mostre o código." - Linus Torvalds



Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts