WordPress com Docker

Neste artigo, iremos criar uma aplicação de forma simples usando Containers Docker. Trabalharemos com WordPress, que é conhecido como o mais popular CMS (acrônimo para: Content Management System), sistema de gerenciamento de conteúdo. Ele também é conhecido pela sua facilidade de instalação.

[ Hits: 6.446 ]

Por: Renato Diniz Marigo em 24/11/2016 | Blog: http://www.renatomarigo.com.br


Introdução



Docker é uma plataforma Open Source para desenvolvimento de aplicações em containers. O Docker tem como objetivo, fazer a entrega de aplicações de forma rápida e sem complicações. Com Docker, você pode separar as suas aplicações em containers que, futuramente, podem ser recriados em caso de falha e escalável com facilidade, dependendo da necessidade.

O que o Docker promete: "Construa o Navio e Execute".

Mais informações podem ser obtidas na documentação oficial do projeto:
Caso você não tenha o Docker Engine instalado em seu sistema, pode seguir um processo simples de instalação de um artigo que criei anteriormente no VOL:

Requisitos

Cenário proposto - instalação do Centos 7 Minimal.

Instalação do pacote Python-pip:

# yum install epel-release
# yum install python-pip

Instalação do Docker Engine, que pode ser seguida neste link:
A instalação do Docker Compose é simples e, neste caso, pode ser feita através do comando:

# pip install docker-compose

Verifique a instalação do Docker Compose:

# docker-compose --version
Caso apresente este erro:

pkg_resources.DistributionNotFound: backports.ssl-match-hostname>=3.5

Atualize o pacote:

# pip install backports.ssl_match_hostname --upgrade
Agora que estamos com os requisitos atendidos, criaremos o nosso projeto.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Definição / Construindo e acessando um projeto
   3. Pontos relevantes
Outros artigos deste autor

Instalação do CentOS Atomic para Gerenciamento de Containers Docker

Zabbix Server 2.0 no CentOS - Instalação e configuração

Zabbix Server 2.0 no Ubuntu Server 12.04 - Instalação e configuração

VLAN Tagging nos sistemas GNU/Linux derivados do Red Hat

Nagios 3 + NagiosQL no Ubuntu Server 12.04

Leitura recomendada

Configurar uma rede doméstica e compartilhar ADSL no Slackware

Configuração de Servidor Web no FreeBSD 9

Instalando o Blackbox

SSH - Conexão sem senha

Modems no GNU/Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por AdiosKid em 25/11/2016 - 02:32h

achei muito fod*, inclusive funciona com o outro web server online, eu tenho o nginx aqui e funcionou perfeitamente adicionando a porta no localhost.

mas minha duvida é. onde eu posso alterar os arquivos do Wordrpess diretamente ? não tem nada dentro da pasta .data/db/wordpress/

quer dizer nada, que normalmente deveria ter.

[2] Comentário enviado por renizgo em 28/11/2016 - 16:49h


[1] Comentário enviado por Otaku em 25/11/2016 - 02:32h

achei muito fod*, inclusive funciona com o outro web server online, eu tenho o nginx aqui e funcionou perfeitamente adicionando a porta no localhost.

mas minha duvida é. onde eu posso alterar os arquivos do Wordrpess diretamente ? não tem nada dentro da pasta .data/db/wordpress/

quer dizer nada, que normalmente deveria ter.


O que você precisa ter é um volume persistente também para a estrutura Web por exemplo /var/www/..., Neste diretório terão todos os arquivos persistidos da sua estrutura do Wordpress.

Por exemplo:
volumes:
- "/mnt/wordpress/word01/wordpress:/var/www/html"
- "/mnt/wordpress/word01/logs:/var/log/apache2/"

Com isso você tem a persistência de dados dos logs e da sua estrutura Web.

Espero ter ajudado.


Contribuir com comentário