WIFI não funciona após o suspend [Resolvido]

Olá a todos! Recentemente fiz uma instalação do Linux Mint 19 Xfce 64 bits em um velho notebook CCE Win. O WIFI parava de funcionar após o SUSPEND. Após ler as documentações e as postagens internet afora, eu consegui chegar a uma solução.

[ Hits: 2.175 ]

Por: Marcos Antonio Mello Estevão em 31/07/2018


Uma pequena introdução



O Linux utiliza um mecanismo de gerencia o as funções de hardware. Este mecanismo conversa com o hardware do computador por uma camada de abstração chamada HAL (Hardware Abstraction Layer), que é parte componente dos subsistemas do Linux.

As ferramentas pm-utils (Power Manager Utils) e systemd (System and Service Manager) fazem parte do conjunto de softwares da freedesktop.org e são as responsáveis por executar a função sleep, que é composto pelas operações SUSPEND, HIBERNATE, HYBRID_SUSPEND e HYBRID_HIBERNATE. Todas tem a função que restaura a volta ao sistema (RESUME|THAW|POST).

Por exemplo, se o usuário fechar a tampa do notebook (LID CLOSE ACTION), o sistema irá executar uma das funções sleep que está configurada para esta ação. Ao abrir a tampa, o sistema irá executar a função de RESUME.

Porém as ferramentas pm-util e systemd tem suas particularidades.

O pm-utils trabalha com os flags suspend, hibernate, resume e thaw.

O systemd trabalha com pre e post. O pre é o momento anterior ao sleep e post e o momento posterior ao sleep, quando ocorre o evento wakeup. Fica mais ou menos assim:

    LID FECHADO ------(pre)----->  SLEEP ------------> LID ABERTO -----(post)-----> WAKEUP

Solução

Descobri que ocorre um problema com os módulos do adaptador WIFI, me obrigando a derrubar os módulos e levantá-los em seguida. Para corrigir este problema bastava escrever um script, que seria executado assim que a função RESUME fosse executada. Porém, para isso, é necessário saber qual mecanismo é utilizado pelo sistema para fazer o sleep.

As distribuições mais recentes do Linux utilizam o systemd para isso. Os ambientes gráficos mais populares são integrados ao systemd. Não sei se a ferramenta systemd é dependente da pm-utils, mas é interessante incluir a solução nos dois casos. Para isso teremos que identificar o nome do módulo do WIFI.

Como identificar os módulos do WIFI

Para identificar o nome do módulo do WIFI execute como superusuário o comando a seguir:

# lshw -C network

Separei o fragmento que nos interessa da saída do comando:

  *-usb                     
       description: Wireless interface
       product: 802.11 bg WLAN
       vendor: Ralink
       physical id: 3
       bus info: usb@1:3
       logical name: wlx0019dba00811
       version: 0.01
       serial: 00:19:db:a0:08:11
       capabilities: usb-2.00 ethernet physical wireless
       configuration: broadcast=yes driver=rt73usb driverversion=4.15.0-20-generic firmware=1.7 ip=192.168.1.6 link=yes maxpower=300mA multicast=yes speed=480Mbit/s wireless=IEEE 802.11

Podemos ver que em description aparece "Wireless interface", que é o nosso adaptador WIFI. A informação que procuramos é o nome do módulo de driver, informação que está em configuration.

       configuration: broadcast=yes driver=rt73usb driverversion=4.15.0-20-generic firmware=1.7 ip=192.168.1.6 link=yes maxpower=300mA multicast=yes speed=480Mbit/s wireless=IEEE 802.11

O nome do módulo de driver é o rt73usb.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Uma pequena introdução
   2. O script wifi-wakeup
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

BIOS, barramentos e dispositivos

InputClass no X server aplicada as configs do synaptics (touchpad)

Hardmodem PCI US Robotics

Montar HD em NTFS com o ETCH

Configurando placa 3D nVidia 6200 com TV-out no Kurumin 7

  
Comentários
[1] Comentário enviado por reginaldoalima em 03/08/2018 - 18:33h

Este deve ser o post de numero 200, que leio sobre como fazer meu wifi funcionar no Debian 9. Estava usando o Ubuntu 18.4 LTS e estou me arrependendo amargamente de ter substituído pelo Debian. já tentei de tudo, inclusive formatar e reinstalar o Debian 9, mas hoje depois de 1 mês estou começando a desistir e retornar para o Ubuntu.

[2] Comentário enviado por ricardogroetaers em 22/08/2018 - 09:20h

Embora eu não tenha conhecimentos para uma análise, parabenizo pelo artigo e pela criação do script que resolveu o problema. Considerando que o problema foi descoberto na versão mais recente do Linux Mint, seria interessante levar ao conhecimento dos desenvolvedores, tanto do problema quanto da solução.

[3] Comentário enviado por Wilson1987 em 20/10/2018 - 21:59h

Posso relatar que aconteceu o mesmo problema comigo assim que atualizei meu ubuntu para o 18.10. Tentei resolver e não consegui, aí acabei de retornar para o 18.04 e por enquanto o wifi funciona corretamente.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor HostGator.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Viva o Android

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts