Ubuntu Multimídia com Studio

Este artigo se destina aos iniciantes e aos aficionados em multimídia. Trata-se de uma coletânea de dicas para explorar o imenso potencial multimídia do Ubuntu. No final obtém-se uma configuração multimídia avançada, tal como o Ubuntu Studio, utilizando o Ubuntu padrão com Gnome. Vamos começar do início, evitando tropeços e solução de continuidade.

[ Hits: 51.224 ]

Por: Edwal F. Paiva Filho em 03/03/2008


Configurando o Jack e Soundfonts



O próximo passo é a configuração do Jack. Apanhei para configurar isso e escrevo para facilitar os aficionados de multimídia. Isto é configuração avançada de multimídia, uma delícia saborosa para quem for até o fim. Você precisa de um chip de som moderno, da Creative ou equivalente. A maioria dos chips on board são de boa qualidade e bons recursos.

Instale os seguintes pacote pelo Synaptic:
  • jackd
  • qsynth
  • qjackctl
  • jack-rack
  • jack-tools

Instale.

Os programas vão para o menu do Gnome. Procure o Jack Control, e abra o programa. Aparece uma interface gráfica. Escolha o botão setup.

Escolha o driver ALSA. Não marque nenhuma das caixas da esquerda, você pode fazer experiências mais tarde.

Sample rate 44100
Input latency 2
Output latency 2 (novamente você pode fazer experiências mais tarde)
interface hw:0

Já pode dar ok e acionar o botão start.

Abra o qsynth.
Aperte o botão setup.
Marque enable MIDI output.
MIDI DRIVER alsa_seq.
MIDI Channels 16.

Na aba AUDIO selecione:

Audio Driver JACK
Sample format 16 bits
Sample rate 44100 (dese ser o mesmo do jack)

Na aba seguinte (soundfonts) você precisa de um sound font.

Há soundfont descompactado e pronto para usar neste site:
Soundfonts compactados.
Para baixar e descompactar um sound fonte leia esta página aqui do VOL:
Os soundfont são arquivos *.sf2 mas normalmente são fornecidos compactados no formato sfark *.sfark e precisam do descompactador (sfark), que está aqui:
No mesmo site você pode achar o descompactador sfarx para wine:
Pode usar o do wine, é mais fácil de instalar e funciona do mesmo jeito.

Após descompactar na aba soundfont aperte o botão open e selecione o sound fonte que você descompactou.

Você pode usar qualquer sound fonte que tenha os 128 instrumentos. Sound fontes dedicados de um ou dois instrumentos não vão funcionar.

Além disso os soundfonts podem ser editados com o swami, disponível no repositório do Ubuntu e carregados na memória com o programa awesfx.

Noque que o awesfx é um pacote e os comandos são:
  • asfxload SoundFont file loader (ALSA)
  • sfxload SoundFont file loader (OSS)
  • setfx Chorus/reverb effect loader
  • aweset Change the running mode of AWE driver
  • sf2text Convert SoundFont to readable text
  • text2sf Revert from text to SoundFont file
  • gusload GUS PAT file loader

O comando que carrega o sound fonte na memória é o asfxload nome_do_bicho.sf2.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Configurações iniciais
   2. Driver nvidia 3D
   3. Configurações avançadas
   4. Configurando o Jack e Soundfonts
   5. Timidity e MIDIS
   6. Ubuntu Studio e Codecs
Outros artigos deste autor

Slackware descomplicado para iniciantes

Custo-benefício dos computadores - Avaliação elementar

Porque o Linux é difícil

Aonde o Windows é frágil

Completando o Ubuntu (para principiantes)

Leitura recomendada

OpenVZ: Virtualização para servidores Linux

Instalando aplicações de 32 bits no Dapper amd64

Instalando o Debian 8.3 - Instalação em Modo Texto para uso em Servidores

APT-GET sem CD: criando repositórios locais (parte 2)

Embelezando o Xubuntu 12.04

  
Comentários
[1] Comentário enviado por gpr.ppg.br em 25/10/2008 - 02:26h

muito bom.
estou usando isso em um notebook.
quero ferramentas livres que tem no ubuntustudio-graphics.

mas apos compilar o kernel, sempre volta sem som e sem placa de video NVIDIA.
vou compilar de novo testando suas dicas para a placa de video.

mas e a placa de som, o que posso fazer?




Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts