Sabayon 5.0 - Uma nova distro multimídia (parte 1)

Este artigo descreve a instalação, características e uso do novo Sabayon versão 5.0, uma sofisticada e bonita distribuição Linux voltada para multimídia.

[ Hits: 27.799 ]

Por: Alberto Federman Neto. em 25/10/2009 | Blog: https://ciencialivre.blog/


Introdução



Entre as muitas distros Linux existentes, pode-se destacar o Sabayon, uma distribuição Linux italiana, diferenciada, completa, personalizável, poderosa, e no entanto, fácil de instalar e usar!

Em sua versão mais recente, 5.0 (outubro de 2009; a versão 5.2 está prevista para ser lançada em dezembro), ele está ainda mais aperfeiçoado e estável e fortemente voltado para uso de multimídia.

Neste artigo são descritas a instalação passo a passo e o uso do Sabayon Linux 5.0, bem como sua atualização.

Obtendo e instalando o Sabayon 5

1) Obtendo

Para obter o Sabayon 5, acesse o site original da distribuição e vá direto na sessão dos espelhos para o download:
Os espelhos norte-americanos costumam ser rápidos e são mais próximos geograficamente do Brasil que os espelhos principais, que são Europeus.

Pode-se escolher entre baixar por FTP, HTTP, RSYNC, Metalink ou Torrent.

Baixe a ISO (cerca de 2 Giga) da versão 5.0, adequada para sua arquitetura de hardware e ambiente gráfico que deseja e queime (cuidadosa e lentamente) em um DVD virgem, como é feito com outras distros Linux.

Use queimadores para Linux (K3B, Brasero, GnomeBaker) ou para Windows (Nero, Roxio Midia Creator ou Alcohol 120).

Existem versões para 32 ou 64 Bits, geralmente otimizadas para arquitetura AMD (isto é praxe nos Gentoo Like), mas também rodam muito bem nos Intel!

Os ambientes gráficos padrão são o KDE 4.2.3 (para isso, escolha versões K) ou GNOME 2.26 (escolha versões G).

2) Instalando

A instalação é bastante facilitada pelo uso de um instalador gráfico muito eficiente, do tipo Anaconda (nativo do Fedora e do Red Hat) modificado.

É similar à instalação de versões anteriores do Sabayon, porém mais rápida e mais fácil.

a) Dê boot no computador com o DVD Live no drive, aperte F2 e escolha "Português do Brasil". Inicie o Sabayon apertando enter ou marcando a opção "Sabayon Linux 5.0".

b) Deixe o Live DVD carregar completamente e clique no ícone "Install to Disk" do Desktop para iniciar o instalador gráfico (exemplificado com o DVD da versão GNOME, 64 bits).

c) Se sua rede já está ativa, clique em "update installer". Caso contrário, clique direto em "avançar"...

d) Clique em "Português do Brasil", "avançar" e escolha o teclado Brasileiro (ABNT2) , seu fuso horário local etc.

O instalador irá automaticamente para Português Brasileiro. Sou o tradutor da versão 5 desse instalador).
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
e) Clique em "Instalar Sabayon com Desktop GNOME" (ou KDE, dependendo se você baixou a versão KDE)

Isto instalará o GNOME (ou KDE), o Centro de Multimídia e uma pequena interface gráfica rápida (Fluxbox).

Se você preferir, escolha apenas "Centro de Multimídia" ou "Fluxbox" e terá apenas esses ambientes, sem KDE nem GNOME. Pode ser útil para servidores, ou para quem só vai usar multimídia, ou simplesmente, para quem gosta de instalações minimalistas.
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
f) Este é o ponto mais crítico. Chegamos ao particionamento.

Se você só vai instalar Sabayon (sem Windows) ou se tem duplo boot, pode usar particionamento automático. Só tome cuidado para não apagar suas outras partições. Mas é melhor escolher particionamento manual.
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
g) Faça e formate as partições.

Recomenda-se usar uma "/" (raiz) em Ext3 ou em ReiserFS. Somente se tiver discos rígidos muito recentes, escolha ext4 (descobri em meus testes que HDs antigos, mesmo SATA2, não aceitam bem partições Ext4).

Faça uma segunda partição, "/home", para conter seus arquivos. Essa pode ser em ext3, reiserfs, jfs, xfs etc.

Faça ainda uma pequena partição de troca ("swap") de 1 giga.

No caso mais comum, você poderá ter uma sda1 NTFS Windows, sda2 será o swap, sda3 a raiz, / e sda4 a /home.

No meu exemplo (como tenho boot múltiplo, que é um pouco diferente) o Swap é sda2 e instalei o Sabayon em partições sda4 (ext3, /) e sda5 (/home, jfs), partes de uma sda3 extended.

Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
No exemplo da figura acima tenho boot múltiplo, o que é um pouco diferente, por isso o Swap é sda2 e instalei o Sabayon em partições sda4 (ext3, /) e sda5 (/home, jfs), que são partes de uma sda3 extended.

h) Clique em "avançar", configure o Grub, escolha o sistema ser iniciado (se Windows ou Sabayon etc). Clique novamente em avançar e (a não ser em casos especiais) escolha "instalar Grub na MBR".
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
i) Continuando a instalação, faça seu nome e senha de usuário e a senha de root e clique em "avançar":
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
j) O sistema irá formatar as partições:
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
k) e instalar normalmente e automaticamente:
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
Demora cerca de 25 minutos em um computador núcleo duplo.

l) Quando a instalação terminar, clique em "reinicializar":
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
Retire o DVD do drive e espere o boot. Escolha iniciar o Sabayon no Grub.

m) Pronto, você agora tem um sistema Linux completo e recentíssimo, com GNOME ou KDE 4.2!

Se seu computador suportar efeitos gráficos 3D, eles já estarão ativados no Boot (Kwin, no KDE 4 e Compiz-Fusion, no GNOME).

Este será o aspecto das telas do GNOME e do KDE, em seu Sabayon instalado:
Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.   Linux: Sabayon 5.0 - Parte 1 - Uma nova Distro Multimídia.
Nada impede que você, depois, instale o outro ambiente gráfico também! Ex., se você instalou o Sabayon 5 GNOME, poderá instalar também o ambiente KDE 4.2, instalando o KDE-meta e pacotes separados (ver página 4).

Em Sabayon esses ambientes são compatíveis e são facilmente instaláveis e você pode ter os dois, e iniciá-los em sessões diferentes.

Comparando com outras distros, é como ter "Ubuntu" e Kubuntu", no mesmo Linux!

Na realidade o Sabayon aceita TODOS os ambientes gráficos e gerenciadores de janelas: E17, Metacity, IceWM, WindowMaker, Openbox, Blackbox, Fluxbox, TWM, LXDE, XFCE etc. Todos intercambiáveis!

É como ter vários Linux ao mesmo tempo em um só, e tudo compatível!

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Usando o Sabayon 5
   3. Instalando pacotes e atualizando Sabayon 5
Outros artigos deste autor

Experimento: Transformando openSUSE 12.3 Tumbleweed em 13.2 Factory Milestone 0

BOINC - Computação distribuída e aplicações científicas

Usando Linux - Vida nova para um velho Itautec Infoway

Ambiente gráfico MATE no Sabayon Linux

openSUSE - As várias formas de atualizá-lo e de instalar pacotes

Leitura recomendada

Fish - Um shell fácil de usar

Convertendo sistemas físicos em máquinas virtuais

Stopmotion: Crie animações com objetos inanimados e brinquedos

Um kiosk web para consultas

Porque o PC popular é ruim?

  
Comentários
[1] Comentário enviado por augustouser em 25/10/2009 - 22:28h

Show de bola! Seu artigo sobre o Sabayon está tão completo quanto as séries do Xerxeslins para o Arch e para o Slackware. Que bom que o nível de artigos continua elevado.

E apesar de ter dado uma baita vontade de testar essa distribuição, por enquanto eu to tentando parar de me "aventurar" e me aquietei nas duas que estou usando agora, para aperfeiçoar e focar mais meua prendizado, já que sou mero iniciante.

[2] Comentário enviado por grandmaster em 25/10/2009 - 22:44h

Essa eu nao conhecia. vou dar uma olhada no vmware para ver como rola.

---
Renato de Castro Henriques
CobiT Foundation 4.1 Certified ID: 90391725
http://www.renato.henriques.nom.br

[3] Comentário enviado por xirux em 26/10/2009 - 07:55h

Tai o Alberto matando a pau...impressionante como a historia passa diante dos nossos olhos. O Alberto eh uma personalidade impar no Brasil no que se refere ao "suporte Gentoo", fico muito feliz de saber que existem pessoas tao dedicadas e capacitadas em um assunto que para nos Linuxers eh tao prazeroso. Parabens novamente Alberto. Dificilmente pessoas como voce, o Morimoto e equipe, os caras da Mandriva, etc, podem avaliar o upgrade que norteiam em nossas vidas de Linuxusers comuns! Amo o Linux, e pessoas assim me ajudam a continuar ascendendo...alguns com a mente logica, podem achar essa visao meia exagerada, mas cara; eu amo o Linux, sem nem mesmo saber por que. Sou enfermeiro!! E devo muito a estas pessoas que citei acima...soh posso dizer um humilde "muito obrigado pelo meu crescimento pessoal". Abracao e VivaoLinux.

[4] Comentário enviado por alevian em 26/10/2009 - 10:51h

Tô com o MANDRIVA 2009 FREE instalado e não consigo rodar Youtube nem estações de rádio.

Pelo que percebi, o Sabayon traria tudo configuradinho.

Só que, no "item f" o Alberto explica que o particionamento é o mais difícil.
E como ele sugere o particionamento manual, presumo que o automático não seja recomendável!

Também não sei configurar um duplo boot. Às vezes, quando coloquei dois Mandrivas, no mesmo HD a própria distro foi criando (acho).

Se, pelo particionador do Mandriva, eu botar um "/", um "/home" e um "swap" novos (mantendo o Mandriva que tá no meu HD) irá funcionar?
Posso aproveitar o "/home" e o "swap" de meu Mandriva?
Quais os pontos de ancoragem?
Há alguma forma de instalar automaticamente tudo, na parte vazia do DISCO, sem matar meu Mandriva?

Grato!

[5] Comentário enviado por removido em 26/10/2009 - 13:13h

Com essa nova distro será possivel instalar em maquinas que não deixam de forma alguma instalar uma distro.. pois possuo um note que é osso?

[6] Comentário enviado por paulovinicio em 26/10/2009 - 17:27h

Muuuito massa!!!!
Ja estava usando sabayon 4.2!!!
Agora entao o sabayon 5.0 Oh!! ta mto massa
mais linda ainda!! instala numa rapidez incrivel!! muito otimo!! meu laptop eh um aspire 5920 e a maquina ta voando!!!
Vale a pena! migrei para o sabayon ha pouco tempo! Nao troco mais!!!
eu to iniciando no linux, usei ubuntu por 3 anos, e agora to aqui no Sabayon!
Viva o Linux!!

Sabayoun 5.0
Open Your Source, Open Your Mind!!

[7] Comentário enviado por paulovinicio em 26/10/2009 - 17:36h

Alevian!

Rapaz, o particionamento automatico do sabayon funciona numa boa!
Acredito que se tenha sugerido vc usar o manual, pq vc pode configurar melhor as particoes!!
por exemplo, vc pode determinar uma partição para home! e caso vc ja use uma distro e a sua partição de home esteja separada, vc pode indicar ela! (isso caso vc nao va mais utilizar outro SO, como foi no meu caso)

Como vc quer continuar a usar o mandriva, é bom vc fazer o particionamento manual, pq vc se assegura de que nao perca nada do q vc tem
sabe como é M*rda acontece!!!!

MAs tentae irmao!! boa sorte!!

[8] Comentário enviado por alevian em 26/10/2009 - 18:51h

Paulo Vinicio, Mestre Alberto e demais membros da comunidade,

Obrigado pela força!
Hoje à tarde, consegui fazer rodar som no You Tube e também funcionar as rádios (tudo com a ajuda do pessoal do MANDRIVABRASIL!).

Mas vou botar o Sabayon sim, mesmo que tenha que ser em um outro HD!!!

(Baixei pelo You Tube uns filminhos de particionamento e instalação, do BIG LINUX)

(Um dia eu fico bom como vocês para usar máquinas virtuais)



Tô adorando tudo isso!
VIVA O LINUX!

(P.S.: Lá no Guia do Hardware, há questão de dias, publicaram a impressão de um gringo sobre o Sabayon, mas ele disse que o particionamento deu um nó.... então fiquei assustado!)

Olha lá:
http://www.guiadohardware.net/artigos/sabayon5/


[9] Comentário enviado por albfneto em 26/10/2009 - 19:16h

ERRATA: Uma das imagens saiu duplicada, a imagem mostrando a formatação, também saiu com a imagem do sistema sendo instalado... Sem problema...

Dicas para alevian;

Para fazer duplo boot Mandriva-Sabayon , vc pode fazer as partições com o instalador Mandriva, ou com o instalador Sabayon....
mas mais prático e fazer com gparted...
coloque um DVD de linux que tenha Gparted (o sabayon 5 não tem [tem nas versões anteriores], mas acho que o mandriva sim) ou mais facil baixe Gparted live CD, Gparted de boot.
no gparted, vai "ver" suas partições mandriva e o espaço vazio...
Não mexa nas partições mandriva....
num HD vc so pode fazer uma 4 partições.... Seu mandriva já tem um swap, não precisa fazer outro swap, o sistema usará o do mandriva automáticamente....
faça ( no espaço vazio) uma /, é a Raiz, e obrigatoriamente, o ponto de montagem, é /, "barra" mesmo
faça uma para seus arquivos....., /home, /home é o nome do ponto de montagem.
se seu mandriva já tiver 3 partições, então terá que fazer as partições Sabayon, dentro de uma extended.... (não use LVM, se não tiver prática, são delicadas e pouco resistentes), use extended comum....
lembro para usar.... ext3 ou reiserfs para a "/" e /home pode ser ext3, reiserfs, jfs, xfs etc....

depois que fizer, fecha o gparted (importante, só feche, não salve a tabela de alocação) tira o cd, troca pelo cd sabayon e o instalado sabayon, achará as partições prontas, simplesmenste as monte:
/ e /home ... o swap lembre deixe o do mandriva....

Particionamento auto.... não é que não seja recomendado... é pq todo particionador automatico, tem OPÇÔES DE APAGAR WIN E LINUX....
Se vc tem o mandriva , quer instalar sabayon e não quer usar particionamento manual...
pode usar o automatico... é só escolher: "USAR ESPAÇO VAZIO EXISTENTE", é importatnte pq se escolher deletar partições ou deletar partições linux, seu win ou mandriva serão removidos....
mas escolhendo usar espaço vazio, não há problema...

Nota... os particionadores auto tanto mandriva como sabayon) USAM LVM... não há problema... eles "Sabem" usar LVM melhor que a gente... srrsrsrsrsrsr!!!!!!

Sobre videos etc... no Mandriva.... De fato eu uso mandriva também... minhas distros favoritas são sabayon, gentoo-funtoo e mandriva.
épossivel ver videos no mandriva free.... o que acontece é que sevc atualizou o mandriva todo...
ele troca o kernel e a partir dai vc precisa escolher a ultima linha do grub... aquela que "apareceu sozinha" depois da atualização... aquele é o kernel novo, enão mais aquele que esdta escrito mandriva...
quando o mandriva atualiza, ele troca o kernel e troca o driver (ATI ou NVIDIA) e o configura pro último kernel.... o primeiro kernel de boot, não funciona mais os recursos graficos, pq o driver da placa de vídeo "foi" pro outro kernel...
se vc não atualizou, Re instale o novo driver de video,pode usar o instalar o programas, o RPMDrake.
de fato o sabayon é facil de usar, mas o mandriva é ainda mais fácil....

Sobre o particionamento ser dificil...o particionamento é o ponto mais delicado de instalar qualquer distro,não só o Sabayon, é no particionamento que a gente faz o estrago, se não prestar atenção! rsrsrsrsrsrs

lembro também, qua ao instalar o Sabayon em duplo boot, o Grub dele é que vai ficar, sobrescrevendo o do mandriva, não há problema, ele vai achar o mandriva e coloca-lo no grub.
mesmo em duploou triplo boot escolhar instalar na MBR, na partição linux, é sópara quem usao gerenciador de boot independente, como GAG, ou prefere boot via disquete...

Big é muito bom linux, também...

de fato, meu boot é multiplo, eu tenho Sabayon 5, Sabayons modificados (verá na parte 2), Gentoo-Funtoo, mandriva free e windows 7....

a revisão que voce citou, Alevian, não é um Gringo, é uma Gringa, é a Susan Linton, é uma Linuser importante, uma especialista em gentoo...

[10] Comentário enviado por stilldre em 26/10/2009 - 20:08h

bem legal o artigo! o Sabayon é uma distro muito legal, já tive um amigo que usava no notebook e dizia que era fenomenal, mas ainda não era essa versão 5, vou recomendar a ele novamente...

[11] Comentário enviado por alevian em 26/10/2009 - 20:42h

Gratíssimo pela explicação, detalhadíssima e bem didática!
Farei isso!

[12] Comentário enviado por acrufino em 28/10/2009 - 09:45h

Muito Bom , Parabéns. Só faltou informações adicionais para quem precisa editar/criar filmes. Se vem com o KDEnlive , Pitivi etc. como no Ubuntu studios por exemplo.

[13] Comentário enviado por albfneto em 28/10/2009 - 13:19h

Creio que o Sabayon 5.0 não tem editores de video instalados por default, mas práticamente todos os existentes podem ser encontrados nos repos e fácilmente instalados com sulfur.
Na parte 2 desta série, direi como fazer um sabayon 5, maior do que o sabayon 5...

[14] Comentário enviado por nicolo em 28/10/2009 - 15:26h

É interessante. Já havia testado o sabayon 3.5 e instalou com facilidade, mas a variedade de pacotes
não era muito grande.... O artigo está bem escrito. Parabéns.

[15] Comentário enviado por xirux em 06/01/2010 - 08:27h

Pessoal, estou com o Sabayon5, que alias, dispensa comparacoes com outras distros, mas fiquei com duvidas sobre os tais w64codecs, que nao instalei. alguem tem uma luz?

[16] Comentário enviado por tales.souza em 09/01/2010 - 11:08h

Não estou conseguindo instalar o Sabayon 5.0, tenho um note e um desktop, ele carrega, depois de um tempo, para, aparece as descrições da distro e mais nada. Alguém conseguiu instalar em uma máquina Intel??

[17] Comentário enviado por albfneto em 10/03/2010 - 19:47h

ADENDOS AO ARTIGO:

1) O Sabayon é uma Distro em pleno desenvolvimento.
a versão mais recente é a 5.2, Março de 2010.
Mais estável e mais completa.

2) O instalador de pacotes Entropy, agora tem muitas outras funcionalidades, em suas novas versões, inclusive desmascarar pacotes rápidamente, via linha de comando, sem editar nenhum arquivo.

para ver e usar o Novo Entropy (comando equo) e o novo sulfur, atualize o seu Sabayon, e veja as opções do novo Entropy.
Isto pode ser feito com os comandos:

$ sudo equo update
$ sudo equo install entropy equo sulfur
$ equo --help --verbose

3) Com o novo Entropy, voce pode instalar SETS, conjuntos de pacotes formando um sistema semi compelto, por ex, um genome todo, ul LXDE todo etc...

Siga esta excelente dica, porém está em Francês:

http://www.sabayonmania-forum.com/guides-f14/entropy-les-sets-d-applications-sabayon-et-custom-t5251...

4) Esta é um exclente tutorial e completo, para acelerar e otimizar o Sabayon, depois de instalado:

http://forum.sabayon.org/viewtopic.php?f=57&t=19762

[18] Comentário enviado por albfneto em 09/04/2010 - 20:28h

FORUM BRASILEIRO DO SABAYON LINUX:

Acaba de ser inaugurado, em Abril de 2010, o Forum Brasileiro do Sabayon Linux:

http://www.sabayonbrasil.org/forum

Já está na Distrowatch esse Forum!

[19] Comentário enviado por albfneto em 18/06/2010 - 19:50h

SABAYONS NOVOS!

O Sabayon está na versão 5.3 e cada vez melhor.

Agora também tem Builds Diários, Daily Builds totalmente atualizados...

Baixe e instale como o 5.0, do artigo... ou atualize o 5, ele vai ao Rolling Release 5.3 atualizadíssimo.

Vejam:

http://www.sabayon.org/

Lá tem links para os espelhos, para o 5.3 e para os Daily Builds...

[20] Comentário enviado por julianoazevedo em 24/08/2010 - 10:56h

Caro, Alberto Federman Neto muito obrigado por nos presentear com este espetacular post. Sou iniciante do Linux e através dos seus ensinamentos tenho aprendido bastante. Eu instalei o Sabayon 5.3 e achei incrível o visual, bem como a usabilidade. Um ponto positivo, muito interessante por sinal, é que no momento da instalação o Sabayon conseguiu visualizar as outras partições do Fedora 13 Spring e Debian Lenny (mudei para Ubuntu 10.04). Estou em busca de tutoriais do Sabayon para me capacitar melhor. Continue ajudando pessoas amantes do Linux.


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts