Remasterizando o Kurumin

Neste artigo demonstro como remasterizar o Kurumin em qualquer versão disponível, até mesmo nas versões mais recentes, que não dispõem mais do dispositivo "Remasterizando o Kurumin" no painel de navegação.

[ Hits: 39.418 ]

Por: Leandro Oliveira Ferreira em 16/10/2006


Copiando arquivos, gerando o ISO e finalizando



Agora vamos para o bruto do processo, bora lá >=D

8. Vamos montar o cd do Kurumin e em seguida copiar o seu conteúdo para a partição /dev/hda3 digitando os comandos a seguir (este procedimento demora um tempinho):

# mount /mnt/cdrom
# cp -a -v /mnt/cdrom/* /mnt/hda3/knxmaster


9. Agora descompacte a imagem ISO dentro da pasta /mnt/hda3/knxsource/KNOPPIX, digitando (este procedimento também demora um tempo):

# cp -Rp -v /KNOPPIX/* /mnt/hda3/knxsource/KNOPPIX

10. Vamos executar o chroot para carregar a parte gráfica do remaster e a partir daí personalizá-lo. Digite:

# chroot /mnt/hda3/knxsource/KNOPPIX

11.1. Antes de abrir a interface gráfica de trabalho, monte o diretório /proc, sem isso sua funcionalidade será limitada. Digite:

# mount -t proc /proc proc

11.2. Agora abra outra janela do shell, não precisa entrar como root.

ATENÇÃO: Os comandos a seguir serão executados na nova janela do shell.

12.1. Digite:

$ xhost +

Observe se apareceu a mensagem:

access control disabled, clients can connect from any host.

Isso desativa o controle de acesso do "X", previne alguns erros.

12.2. Digite:

$ Xnest :1

Isso abre uma janela com o segundo "X", por enquanto temos penas a tela cinza com o cursor do mouse.

Volte para a janela anterior do chroot USANDO O ALT + TAB. Não mexa em nenhuma janela ou senão estará tudo perdido.

ATENÇÃO: Os comandos a seguir serão executados na primeira janela, a do chroot.

13. Digite:

$ k-home1

Este script copia o diretório /etc/skel, onde ficam as configurações padrões do sistema, para a pasta /home/kurumin e usa o "su" para mudar o login de root para o usuário kurumin.

Rode agora o segundo script (na mesma janela do chroot).

$ k-home2

Você pode alterar o k-home2, alterando-o para chamar o startkde2. Este abrirá o KDE dentro do Xnest, permitindo que você trabalhe com todos os aplicativos gráficos.

A janela do Xnest é a janela do seu novo remaster, portanto, faça todas as modificações que quiser.

Todas as mudanças da janela do Xnest serão salvas futuramente em um script.

Você pode configurar a rede e fazer o apt-get ou instalar novos programas, pode também desinstalar programa.

ATENÇÃO - DICAS IMPORTANTES:

O menu iniciar do KDE é gerado a partir do conteúdo da pasta /usr/share/applnk.

Algo semelhante ao usado no Windows 98, com diretórios e ícones que podem ser editados diretamente. Os ícones do KDE são arquivos de texto normal, salvo os com a extensão .desktop, você pode abrí-los num editor de texto.

As linhas mais importantes são as "exec", que contém o comando que é executado ao clicar sobre o ícone, a linha "icon", que contém o ícone usado (os arquivos disponíveis estão dentro da pasta /usr/share/icons).

E as linhas "name" e "genericname", que contém o nome e descrição, da forma que aparecem no botão iniciar.

14. Após suas modificações, feche a janela no Xnest, vá para a janela do chroot e tecle "enter", depois "ctrl + c", volte a ser root e finalize o chroot digitando:

$ umount /proc

Aperte "ctrl+d", volte a ser root e digite:

# k-home3

15. Agora vamos gerar a imagem ISO.

15.1. Formate a SWAP com os comandos:

# swapoff /dev/hda1
# mkswap /dev/hda1
# swapon /dev/hda1


15.2. Os comandos a seguir geram a imagem ISO (isso demora bastante tempo), digite:

# mkdir /mnt/hda3
# mount /dev/hda3 /mnt/hda3

# mkisofs -R -v -V "linuxpf" -hide-rr-moved \
-pad /mnt/hda3/knxsource/KNOPPIX | /usr/bin/create_compressed_fs - 65536 \
> /mnt/hda3/knxmaster/KNOPPIX/KNOPPIX


15.3. Agora vamos fechar a imagem ISO e finalizar o trabalho. No comando abaixo observe em /mnt/hda2/NOME.iso que o "NOME" é o nome que você dará a ele. Após o término do comando abaixo, tire o CD e inicie o PC normalmente, dando boot pelo HD e você verá o arquivo ISO no seu PC. Grave o mesmo num CD pelo K3B e pronto, você terá um CD bootável personalizado!!!

Digite (este procedimento demora um tempinho):

# cd /mnt/hda3/knxmaster
# mkisofs -pad -l -r -J -v -V "linuxpf" -no-emul-boot \
-boot-load-size 4 -boot-info-table -b \
boot/isolinux/isolinux.bin -c boot/isolinux/boot.cat \
-hide-rr-moved -o /mnt/hda2/logness.iso \
/mnt/hda3/knxmaster


Obrigado pela atenção.

Abraços
Leandro

Página anterior    

Páginas do artigo
   1. Informações e comandos de inicialização
   2. Copiando arquivos, gerando o ISO e finalizando
Outros artigos deste autor
Nenhum artigo encontrado.
Leitura recomendada

Como construir um pacote TGZ do zero

Emacs - Poderoso ambiente de trabalho

Virtualização: VMware ou VirtualBox no Ubuntu 9.04 com kernel 2.6.29-11?

Instalação do Oracle 10g 86 x64 no Cent OS

Resolvendo problemas com o Conexão Segura da CAIXA

  
Comentários
[1] Comentário enviado por difyca em 16/10/2006 - 22:53h

DEsculpe-me caro colega mas esse artigo e praticamente uma copia do que se encontra no Guiadohardware.net ....cujo autor e o Morimoto pai do Kurumin

[2] Comentário enviado por zaakvarejo em 17/10/2006 - 09:13h

Olá, quem postou o artigo não está reivindicando a autoria do mesmo. Trata-se de uma versão detalhada de como fazer isso com as novas versões do Kurumin. Veja que o artigo foi Googlado (não existe no Google) e recebeu avaliação técnica 10. Abraços.

[3] Comentário enviado por hellnux em 17/10/2006 - 13:34h

Olá,

Ótimo artigo, bem detalhado, nas férias vou testa-lo. Os tutorias do guiadohardware só valem pra versões antigas do Kurumin, passando a ser um material de apoio. Quando comecei no mundo Linux, uma de minhas missões era remasterizar um Linux para a empresa da qual eu trabalhava, pena que sai um pouco antes de conseguir, certamente a resposta que busco esta neste artigo. =D

[]´s

[4] Comentário enviado por removido em 17/10/2006 - 19:27h

Concordo com hellnux...

Muitas coisas mudam, e não vejo plágio nenhum, apesar da semelhança. Parabéns pelo artigo.

:::... Viva o Linux ...:::

[5] Comentário enviado por zecaaraujo em 17/11/2006 - 01:17h

O Kurumin 6.1 e os betas do 7 estão bichados!

repare o erro que provoca quando o k-close chama create_compressed_fs

Chame o Xnest e veja o que acontece?

Será que haveria Kurumin se o Knoppix fosse assim?

É lamentavél mas se for para remasterizar deixe para lá o Kurumin 6.1 , 7 e o Kalango 3.3!

Alguem apresenta uma solução?

[6] Comentário enviado por Leandro_sx em 10/01/2007 - 08:53h

Senhor zecaaraujo na versão 6.1 eu concegui remasterizar utilizando o procedimento acima, ainda não testei no kurumin 7 e nem no Kalango , mas póis teste postarei para informar sobre a remasterização dos mesmo.

Grato pelo dúvida.

[7] Comentário enviado por eversonvluz em 24/01/2007 - 23:28h

Depois de estrair a imagem do Knoppix para remasterizar eu uso o comando
#chroot /mnt/hda2/knxsource/KNOPPIX
E aparece na proxima linha
[email protected]ão é um tty [/]#

Alguém sabe o que pode ser?
Estou remasterizando Kurumin Light 7

[8] Comentário enviado por Leandro_sx em 29/01/2007 - 11:14h

tatsunoko,

Desde o início utilizou o hda2?.....talvez tenha trocado?

Você utilizou do comando

# mount -t reiserfs /dev/hda2 /mnt/hda2

?
Sem ele seu procedimento foi em vão, mas confesso q ainda não tive tempo de remasterizar a versão e Light 7 do Kurumin.....

[9] Comentário enviado por robertobech em 02/03/2007 - 00:48h

Eu estava seguindo o guia do Morimoto:
http://www.guiadohardware.net/livros/kurumin/09/

Mas tinha três problemas: primeiro que como apontado pelo zecaaraujo o Xnest não funciona. Segundo, o mkisofs não existe mais: no lugar dele é preciso usar o genisoimage. Terceiro: o último comando, para fechar a ISO, dava xabú. Mas vi que, neste arquivo, o autor indica o último comando de maneira diferente. Fiz e... deu certo! Obrigado!

No site do Morimoto:
mkisofs -pad -l -r -J -v -V "Meu_CD" -b KNOPPIX/boot.img -c KNOPPIX/boot.cat -hide-rr-moved -o /mnt/hda1/kurumin.iso /mnt/hda2/knxmaster

Por aqui:
# mkisofs -pad -l -r -J -v -V "linuxpf" -no-emul-boot \
-boot-load-size 4 -boot-info-table -b \
boot/isolinux/isolinux.bin -c boot/isolinux/boot.cat \
-hide-rr-moved -o /mnt/hda2/logness.iso \
/mnt/hda3/knxmaster

[10] Comentário enviado por scr1pt em 21/04/2009 - 17:51h

eu sou noob no linux mas tenho meu k7 atualizado com kernel novo e os pacotes do debian etch modificados para o debian lenny, eu gostaria de saber se essa copia descompactada ke ele faz do cd equivale ao ke tenho no "/" pq daí eu poderia trabalhar com isso e naum ter ke compilar e atualizar os pacotes do debian etch pro lenny dentro do remaster .

[11] Comentário enviado por cesar em 30/07/2009 - 12:07h

Etaaa Ctrl C e Ctrl V


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts