Recuperando imagem ISO com falha usando JIGDO

Após fazer download de uma imagem ISO de uma distribuição e perceber que ela está danificada, será que existe uma maneira de recuperá-la? Aqui estarei descrevendo o que fiz para recuperar uma imagem ISO do FC6.

[ Hits: 28.965 ]

Por: Antonio Carlos Lemos Júnior em 21/11/2006


Introdução



Bom pessoal, este é meu primeiro artigo no Viva o Linux. A cerca de dois meses estava pensando em instalar em minha máquina o Debian Sarge. A primeira coisa que fiz, logicamente, foi ir ao site do Debian e procurar os arquivos ISOS. Para minha surpresa existia um sistema de download utilizando um software chamado jigdo, que segundo o site era mais rápido e eficiente que o download convencional HTTP e FTP.

Não pensei duas vezes e fui logo fazendo download do software para começar a baixar o arquivo ISO. Para minha decepção o download estava demorando demais, pois já estava fazendo mais de uma semana e nada do negócio terminar. Como fiquei de cabeça quente, chutei o balde e apaguei tudo que havia sido feito de download.

Recentemente fiquei sabendo do lançamento do FC6, fui correndo fazer o download, e desta vez foi no FTP mesmo, quase 4 GB de download, nossa que demora. Mas foi muito mais rápido que utilizar o jigdo (o jigdo é mais rápido quando rodando em várias instâncias, mas não consegui fazê-lo rodar desta forma).

Todo contente fui logo gravando o DVD e nem lembrei de fazer a verificação da integridade do mesmo, vai confiar assim no gerenciador de download, hein? DVD na bandeja, boot funcionando, FC6 iniciando, a expectativa só aumentando para ver as novidades. Ao chegar nos finalmentes para começar a cópia do sistema para o HD, Buuuummmmmmmmm!!! Falha ao tentar copiar o arquivo rpm-4.4.2-32.x86_64.rpm!!! Senti a espinha dorsal gelar. Caramba, 4 GB e logo o arquivo rpm dar falha, essa foi dez. Pensa daqui, pensa de lá, já estava conformando, vou ter que começar tudo de novo, quando surge a luz no fim do túnel. Quem era? O meu caro amigo jigdo (software) novamente.

O funcionamento do jigdo é o seguinte: você informa um arquivo com extensão .jigdo que contém os arquivos a serem baixados, caso ainda não exista nenhum arquivo ele começa do zero. No entanto existe a possibilidade de usar um CD ou DVD com arquivos antigos e a partir deles fazer somente atualização do que é diferente em relação ao arquivo .jigdo.

    Próxima página

Páginas do artigo
   1. Introdução
   2. Procedimentos
Outros artigos deste autor

P Q P, quem puxou o freio de mão?

Leitura recomendada

Promoção RedBug + Viva o Linux

LiveCDs versus D.Q.R.E.Cs

Esteganografia - Lendo o que os olhos não conseguem ler

SpiderOak - Armazenamento Grátis

Processos no Linux

  
Comentários
[1] Comentário enviado por Marcus-RJ em 22/11/2006 - 09:18h

Não testei o programa, mas a prícinpio, a idéia é muito boa!! Quando sobrar tempo eu posto aqui a minha opinião. tem tudo para ser boa. Valeu pela dica!!

[2] Comentário enviado por juliaojunior em 23/11/2006 - 11:32h

gostei do artigo. Vê este aí em baixo:
http://www.vivaolinux.com.br/artigos/verArtigo.php?codigo=5689

[3] Comentário enviado por edusanaz em 19/04/2007 - 10:30h

Fantástico! Baixei a ISO do Debian 4.0 amd64, corrompida! Segui o tutorial do Antonioclj, apanhei um pouco por nunca ter usado o jigdo,então tentei fazer o processo usando a ISO, mas não foi possível. Então li novamente e percebi a necessidade de primeiro gravar a ISO danificada e então fazer o processo do tutorial. Feito desta forma, devido a muitos pacotes estarem danificados, aguardei umas 3 horas, mas obtive sucesso e não tive de baixar novamente 4.5 gb! Parabéns caro Antonio! Aprovadissímo o tutorial.

[4] Comentário enviado por antonioclj em 20/04/2007 - 10:32h

Bom dia. Que bom que foi útil para você também. Vou dar mais uma dica a qual creio que deva funcionar perfeitamente. No meu caso havia gravado a imagem do FC sem fazer o check sum é como dar um tiro no escuro e acertar um gato preto de olhos fechados :-). Bom, a dica é a seguinte monte a imagem no diretório do DVD-ROM tipo.:

#mount -o loop imagem.iso /mnt/cdrom

ou uma variante do comando acima:

#mount -o loop -t iso9660 imagem.iso /mnt/cdrom

Se não existir a pasta cdrom a mesma deve ser criada. A imagem do DVD será montada. Quando o jigdo solicitar a pasta basta informar o diretório /mnt/cdrom. Desta maneira você nem precisa gravar a imagem na midia. Valeu pessoal.

[5] Comentário enviado por brunoluciano em 04/12/2007 - 13:00h

Valeu demais!
Tinha baixado o Debian dois dias antes, fiquei receoso de usar o jigdo por não conhecer e ter pouco conhecimento (além de estar no serviço).
Baixei por http mesmo. Veio corrompido. Mas antes mesmo de eu testar, vi este artigo. Fui logo testar. Apanhei um pouco mas no fim, ISO recuperada.
Valeu antonioclj.

[6] Comentário enviado por c1e6er em 07/12/2007 - 08:36h

Parabéns... com certeza vai ajudar muita gente, inclusive a mim.

[7] Comentário enviado por removido em 08/11/2008 - 10:29h

Ajudou muito, eu tô com uma iso que só baixou 2.2 GB e ela é 3.3, então eu vou ver se consigo, baxar esses 1.1GB que faltam


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts