Programar em Shell - Script só para os baixinhos

Vira e mexe eu ouço uma velha frase: Shell Script é a linguagem mais fácil que pode existir, é muito fácil programar em Shell. Essa afirmação é correta com certeza, a sintaxe é de fácil entendimento, porém, assim como toda linguagem de programação, ela é complexa também, temos que ser realistas. Muitos programam em Shell, mas poucos realmente dominam. Este artigo vem para fortalecer o fórum do VOL e os iniciantes, a intenção é para ajudar aos iniciantes a escolher esta linguagem como a primeira, já que ela é simples, poderosa e complexa.

[ Hits: 10.246 ]

Por: Jefferson Rocha em 16/10/2017 | Blog: https://slackjeff.com.br


Querido shell script



Vira e mexe, eu ouço uma velha frase: shell script é a linguagem mais fácil que pode existir, é muito fácil programar em Shell.

Essa afirmação é correta com certeza, a sintaxe é de fácil entendimento, porém, assim como toda linguagem de programação, ela é complexa também, temos que ser realistas... Muitos programam em Shell, mas poucos realmente dominam.

Esta dica vem para fortalecer o fórum do VOL e aos iniciantes... a visão é para ajudar os iniciantes a escolher está linguagem como a primeira, já que ela é simples, poderosa e complexa. Vou abordar sobre os benefícios e rodar a 'baihana' também, quero um equilíbrio nesta dica, prós e contras.

Vi e queria desver, coisas na internet que desprezam a poderosa linguagem do Shell:

"se você não é Sysadmin e não trabalha com isso não leve esta linguagem tão a sério, apenas entenda."

Estas pessoas provavelmente criam arquivos com o touch! haha

As pessoas que falam isto estão certas na opinião delas, eu não vou dizer que não.

Mas dá pra fazer com o Shell o que qualquer outra linguagem faria, e deixa eu te sussurrar algo! (MELHOR/MENOR), melhor e menor? Tá de brincadeira, é serio? Claro que eu estou falando a verdade, dá pra fazer em uma única linha o que se faria em 40 linhas ou mais no Java, sem falar que é muito mais rápido, dizem que o Shell só perde para o C em questão de velocidade de execução... bom é o que dizem. Eu não programo em C, mas deixo aqui o meu debate, seja gentil e comente a sua opinião.

Not compile, just run!

Shell script não é uma linguagem que precisa de compilação, ela é uma linguagem interpretada, então meu baixinho (xuxete falando), apenas execute e teste, faça 200 linhas de código e apenas execute. Deu erro? O bash vai te mostrar aonde, ahhh mas eu quero ver linha a linha, utilize o "bash -x nomedoprograma", que é um poderoso debug do próprio bash, ele irá mostrar passo a passo do que está acontecendo em seu programa e aonde você está falhando.

Deu erro? Apenas abra seu editor, edite e rode novamente!

Sensacional não? Pois é, isso é um benefício e provavelmente te deixará preguiçoso quando o assunto é aprender linguagens compiladas!

Existe um truque que você pode compilar e tornar o seu programinha binário, procure por (SHC) ou leia essa dica aqui do VOL:
Esta técnica é interessante, às vezes, o programador fez um programa que irá ser vendido e tem uma licença específica, mas não quer liberar o seu código, ou o código é restrito somente à empresa e não pode ter vazamento, se vazar não tendo chances para hacker ler o fonte e achar uma vulnerabilidade.

Bom, cada um faz o que bem entender, a ferramenta existe e estou lhe apresentando senhores, sou a favor quando o assunto é segurança (sem mi-mi-mi), sou especialista em segurança GNU/Linux, trabalho com servidores desde os 15 anos e na multinacional em que trabalho, utilizamos está técnica em alguns programas que precisam ser restritos.

Página anterior     Próxima página

Páginas do artigo
   1. Simplificação
   2. Querido shell script
   3. Barreiras
   4. Aprendizagem
Outros artigos deste autor

Slackware x Debian

Criando um pacote TXZ no Slackware

Compilação do Kernel Linux para máquinas locais Debian

Software Manivela VS Software Modinha

Howto de Compilação com Slackbuilds

Leitura recomendada

Reconhecimento de Voz no Linux

Explorando a entrada de dados com READ em Bash Shell

Dialog em GTK

Pipelines (Canalizadores)

Introdução ao Shell Script

  
Comentários
[1] Comentário enviado por lucasdemoraesc em 16/10/2017 - 19:25h

Cara... Parabéns.
Gostei muito do artigo
Isso me inspirou bastante, Valeu mesmo, eu tava precisando ler algo assim.

LMC

[2] Comentário enviado por Lwkas em 20/10/2017 - 21:02h

Belo artigo!

[3] Comentário enviado por Note45_ em 22/10/2017 - 12:56h

Belo artigo, já tinha ouvido falar na linguagem mas não tinha me interessado muito mas agora vou buscara prender. Parabéns...

[4] Comentário enviado por janduy em 23/10/2017 - 09:27h

Amigo, bom dia.
Parabéns pelo artigo, eu conheço pouco de shell estou me aventurando agora, mas já estou apaixonado, uso o mesmo para otimizar minhas tarefas diárias em servidores linux. Recomendo um ótimo livro para o pessoal, do mestre "Julio Cesar Neves" ele é um cara fantástico como pessoa e profissional.


Atenciosamente,
Janduy Euclides

[5] Comentário enviado por xerxeslins em 25/10/2017 - 12:00h

Joinha!

Curti!

--
If it ain't broke, fix it until it is.

[6] Comentário enviado por sacioz em 25/10/2017 - 17:11h

Muito bom , como os anteriores , agora uma introdução ao Russo Coloquial (de Moscou ,não Kiev) seria muito bem vinda...obrigado

[7] Comentário enviado por smokysk em 06/12/2019 - 12:21h


em pleno 2019/2020 e vem um artigo desse, e bem inspirador


Contribuir com comentário




Patrocínio

Site hospedado pelo provedor RedeHost.
Linux banner
Linux banner
Linux banner

Destaques

Artigos

Dicas

Tópicos

Top 10 do mês

Scripts